Sob a Luz eterna da Verdade – 12

12

“BATA A PORTA NA CARA DO ERRO”!

Sendo indagada sobre como se protegia das influências hipnóticas do erro, Mary Baker Eddy respondeu:“Quando o erro bate à porta de vocês, deixam que ele entre; mas se bater â minha porta, eu bato a porta na cara dele!” SIMPLES ASSIM!

 

Disse Jesus: “EU SOU A PORTA”. Citava a Verdade IMPESSOAL “EU SOU DEUS” sendo unicamente DEUS PRESENTE COMO NOSSA PORTA: SEM DUALIDADE, SEM “OUTROS”, SEM NADA ALÉM DE DEUS!

Deixe um comentário

Back to Top