Mensagens da Verdade (Dárcio) – 47

47

“DOS TEUS PECADOS NÃO ME LEMBRO” 

Apesar da falsa crença ortodoxa,  de que  a humanidade teve seus pecados banidos pelo sangue de Jesus, a verdade é que, em Isaías, já havia a revelação genuína dos fatos: “Eu, eu mesmo, sou o que apago as tuas transgressões por amor de mim, e dos teus pecados nem me lembro” Isaías, 43: 25). Além disso, estamos cansados de ver, na própria Bíblia,  Jesus perdoando pecados e mais pecados SEM DERRAMAR GOTA ALGUMA DO SEU SANGUE!  O simbolismo da necessária “morte psicológica do ego” deixou de ser entendido e ensinado!

A interpretação ortodoxa, dada às Escrituras, anulou todo o seu significado espiritual, real e libertador! E isto sem contar a tremenda contradição  maciçamente presente em suas pregações, que ensinam que “a humanidade foi salva de seus pecados pelo sangue de Jesus”,  entretanto,  chamando-a insistentemente  de “pecadora”, até os dias de hoje!

Que nos revelava Isaías? Que o “Eu Sou”, Deus em todo indivíduo, – percebido em SI MESMO por aquele que RENASCE ESPIRITUALMENTE  –  Se revela como o “Cristo que é TUDO em TODOS”, como disse Paulo. Como este “renascimento” implica o “negar-se a si mesmo”, como “carnal” ou como “homem natural”, esta “negação” é simbolizada pelo “sangue da eterna aliança”, um símbolo da “crucificação do ego” por parte de cada indivíduo, ação que lhe permite passar por idêntica experiência espiritual  vivida por Paulo, ao dizer: “Já estou crucificado! Não sou mais eu que vivo: o CRISTO vive em Mim” (Gálatas, 2: 20). Em outras palavras, o “sumiço” de Paulo carnal, pelo seu despertar ao Cristo de  SI MESMO, deu FIM às supostas “transgressões” e “pecados”! Que eram eles? ILUSÕES DA “MENTE CARNAL”!

  Desse modo, o “perdão dos pecados” está em cada um “nascer de novo”, deixar de se identificar como “mortal nascido no mundo”,  e ter, em SI MESMO, a revelação do Pai Onipresente, manifesto como “Filho”! Este é o “Batismo Com Fogo”!

Por isso Isaías revelou: “EU, Eu mesmo, SOU o que APAGO tuas transgressões por amor de Mim, E DOS TEUS PECADOS NEM ME LEMBRO”! DEUS É TUDO! ONIPRESENÇA PERFEITA E SAGRADA! E estas revelações  só se cumprem, em SUA VIDA,  pelo seu RENASCIMENTO, e nunca pelo fato de um suposto “eu humano”  se dizer “convertido”, filiado a alguma religião, achando que o Evangelho conta com sua “presença” ou com sua “permanência”! Ledo engano!

Jesus deixou bem claro: “NECESSÁRIO VOS É NASCER DE NOVO!” (João, 3: 1: 7).

AFIRMAÇÃO DO DIA

Sei que DEUS, SENDO TUDO, não reconhece “transgressões nem pecados” em ninguém. O Evangelho requer o meu “renascimento”, através do qual deixo de me reconhecer “filho de pais na terra” para me ver como amado Filho ESPIRITUAL de Deus! Este é o “renascimento”, que me torna “um com a Onipresença”, através do Cristo de meu próprio Ser. Como  Filho,  vivo na Presença DAQUELE que nunca enxerga “transgressões ou pecados”, por ser TUDO, e por ser “um comigo”, na UNIDADE PERFEITA!

Deixe um comentário

Back to Top