Mensagens da Verdade (Dárcio) – 17

17

“A BÊNÇÃO DO SENHOR ENRIQUECE”

     São inúmeras as citações bíblicas que garantem uma vida de total tranquilidade financeira a todo Filho de Deus. O Salmo 23, por exemplo, assim diz: “O Senhor é meu pastor, nada me faltará”,  e é dos mais conhecidos. Em Provérbios, 10: 22,  também encontramos: “A bênção do Senhor enriquece”!

     Por que há tantos em aparente situação de carência? Por desconhecerem a “natureza real” de si próprios e do Universo em que vivem! Acreditam serem “carnais”, habitantes de “mundo material”! Sendo Deus Espírito e não matéria, é evidente que “pensamentos materiais” não se sintonizam com as “ondas de prosperidade” de Deus! Além disso, as pessoas têm de abandonar a “crença ilusória” de que “ser pobre agrada a Deus”, de que “dinheiro é coisa do diabo”, etc..  Caso isso fosse verdade, Jesus teria usado “coisa do diabo”, ao pagar imposto com o dinheiro que encontrou na boca de um peixe!

     Você sempre terá “paz financeira” quando eliminar toda “aversão ao dinheiro”, criada por falsos ensinamentos religiosos, e, a partir de então, “buscar a bênção do Senhor que enriquece”! De que modo? Vendo-se não como “carnal apartado de Deus”, mas sim como Filho amado e espiritual de Deus, sempre em unidade com Deus. Deus não enxerga “carnais”, que unicamente são conhecidos pela ilusória “mente carnal”. Não a recebemos de Deus, disse Paulo, pois “temos a Mente de Cristo” (I cor 2: 16). Assim, corrija suas ideias errôneas sobre o dinheiro e sobre si mesmo, e passe a viver real e dignamente como legítimo “herdeiro de Deus”!

AFIRMAÇÃO DO DIA

Com a “Mente de Cristo” que eu tenho, afirmo minha “natureza espiritual e divina” de Filho de Deus. Como Filho de Deus, afirmo minha unidade com Deus e minha condição atual e permanente de “herdeiro de Deus”, como revelam as Escrituras. Abençoo a presença de todas as coisas que me são necessárias que me vêm às mãos por vias espirituais e  por direito divino, inclusive o dinheiro! Minhas orações de “comunhão com Deus” mantém-me, continuamente abençoado por Deus! E esta “bênção permanente” me enriquece, por se estender à visibilidade como “bens acrescentados”.

Deixe um comentário

Back to Top