“DEUS, SENDO TUDO, NÃO ADMITE MORTE NEM RESSURREIÇÃO EM SEU REINO!”

O que precisa ser bem entendido, por parte daqueles que se interessam realmente pela Verdade, é o seguinte: JAMAIS HOUVE MORTOS OU RESSURREIÇÃO DE MORTOS! Esta ILUSÃO costuma ser aceita  mesmo sendo REVELADA a Verdade de que DEUS É TUDO!

“O Reino de Deus está PRESENTE no mundo inteiro”, disse Jesus! MAS NADA DELE É VISTO PELA MENTE EM ILUSÃO!

O que DEUS FAZ ocupa a Realidade Onipresente e Jesus, ciente disso, afirmou o seguinte: “Eu Sou a Porta; se alguém entrar POR MIM, salvar-se-á, e entrará e sairá, e achará pastagens” (João10: 9).

Saber como ACHAR A PORTA “EU SOU”, É o que precisa ser conhecido! A ILUSÃO FALA EM NASCIMENTOS, MORTES E EM RESSURREIÇÃO DE MORTOS, ENQUANTO a “PORTA EU SOU” nos livra dessas CRENÇAS MATERIAIS pela raiz!

PROFUNDO? DIFÍCIL? Aquele ILUDIDO pela “hipnose de massa” costuma ficar preso a ela, EM VEZ DE DEPOSITAR SUA FÉ NAS VERDADES ANUNCIADAS PARA COMPROVÁ-LAS EM SI MESMO, DEIXANDO EM PAZ OS “REVELADORES DA VERDADE”, que jamais disseram querer “glorificação humana”!

Como entrar pela Porta salvadora? BASTA ALGUÉM OLHAR  PARA SI MESMO E RECONHECER QUE “A PORTA É DEUS SENDO ELE PRÓPRIO”!

Enquanto “alguém se desviar de si mesmo”, pondo sua fé em “profetas, mestres e salvadores externos”, ficará no “deserto das aparências” e sem perceber NADA da Verdade que ELE PRÓPRIO ESTEVE SENDO “DESDE O PRINCÍPIO”

Aquiete-se, silencie-se, e reconheça: “A Porta que me liberta é a Presença “EU SOU” que “EU SOU”! Entrando por ELA, unicamente DEUS E SEU REINO são VISTOS  E EVIDENCIADOS! POR ISSO, “CARNAIS” NASCIDOS, MORTOS, REENCARNADOS E RESSUSCITADOS DO MORTOS, JAMAIS SERÃO RECONHECIDOS!

UNICAMENTE DEUS, COM SEU VERBO, SE EXPRESSA COMO TUDO E COMO TODOS, FORMANDO A UNIDADE PERFEITA EM FORMA DE UNIVERSO DE LUZ, PERFEITO E FEITO DO AMOR ONIPRESENTE!

*

“NÃO SOU ‘CARNE’ – O CRISTO VIVE EM MIM!”

 

Quantas não teriam sido as “gerações fenomênicas” ILUDIDAS, crendo e lidando com um ilusório “corpo carnal com se fosse seu corpo verdadeiro! Na verdade, SOMOS DEUSES, e nosso Corpo é espiritual, sem começo e sem fim, eterno e glorioso. Em vista disso, assim disse Paulo: Glorificai a DEUS no vosso CORPO – o qual PERTENCE A DEUS!

Para ser “visto”, o Corpo que temos requer que nos recusemos a aceitar o suposto “corpo carnal” como existente; assim, abrimo-nos à Mente de Cristo, revelada como a Mente real que todos temos, deixando-a nos revelar O TEMPLO ETERNO DE DEUS, que é o nosso Corpo. Nesse sentido, disse Jesus: “Se teus olhos forem bons, todo teu Corpo terá Luz!”

Tendo em vista estas revelações absoluras, devemos contemplar a Verdade sobre o Corpo que temos, e não mais endossarmos a “figura hipnótica” que se fazia passar por “corpo carnal nascido”!

A crucificação de Jesus é um símbolo da NEGAÇÃO DO CORPO NASCIDO, razão pela qual disse Jesus a Maria: “Mulher, que tenho eu a ver contigo? Jamais chamava Maria de mãe!

NOSSO CORPO É ETERNO, LUMINOSO E PERFEITO! DE FATO, É TEMPLO DE DEUS E PERTENCE A DEUS!  

Paulo sabia que DEUS ÉTUDO, E O TUDO QUE DEUS É, É O QUE IGUALMENTE TODOS SOMOS! Esta é mensagem trazida por Jesus!

Nunca o suposto “mundo do pai da mentira” teve realidade! E SEMPRE A ESSÊNCIA QUE CONSTITUI O CORPO GLORIOSO QUE TEMOS SE CONSTITUI DOVERBO, DO AMOR E DA PERFEIÇÃO DE DEUS!

Portanto, CONTEMPLE DEUS SENDO O SEU CORPO ETERNO, ÚNICO E GLORIOSO, DEIXANDO EXTINTA A FALSA CRENÇA DE “TER EXISTIDO” ALGUM “CORPO CARNAL”!

DEUS É ESPÍRITO, E É TUDO! 

Jesus  CRUCIFICADO é JESUS VIVO NA UNIDADE COM O PAI! E, PARA “SEGUI-LO”, CADA UM TERÁ DE TOMAR A PRÓPRIA CRUZ, E REPETIR PAULO:

“ESTOU CRUCIFICADO! NÃO SOU “CARNE”; O CRISTO VIVE EM MIM”!

*

CELEBRE A “ETERNIDADE SANTA” EM QUE O CRISTO É VOCÊ “UM COM PAI!”

Ano após ano, segue a humanidade celebrando o que é chamada de suposta “semana santa”! Jesus estaria sendo lembrado como “mensageiro de Deus”, como disse ser,  ao afirmar que “sua doutrina não era dele, mas DAQUELE que o enviou”? NÃO! As religiões do mundo “criaram um Jesus maior do que o Pai”, enquanto sua mensagem é nítida e clara: PREGAVA QUE DEUS É UMA UNIDADE ESPIRITUAL PERFEITA, E QUE SOMOS, NESTA UNIDADE, TODOS UM COM DEUS, E IDÊNTICOS A ELE!

Na suposta “Semana Santa”, a ideia dominante é “honrar Jesus”, que unicamente honrava o Pai! “Eu não recebo honraria de homens”, disse Jesus” (João 1: 5). Mas se isto se cumprisse, “Semana Santa” NÃO HAVERIA no “mundo do pai da mentira”, mas sim, COM A HUMANIDADE SE VENDO FORMADORA DE UMA “UNIDADE CELESTIAL PERFEITA”!

Jesus orou para que esta Unidade, ETERNAMENTE MANIFESTADA, fosse finalmente reconhecida, DE FORMA QUE “o que era desde o princípio” fosse a BOA NOVA por ele a nós disseminada: “ESTIVESTES COMIGO DESDE O PRINCÍPIO”.

Com seu propósito deturpado pelas religiões do mundo, com Jesus sendo honrado a revelia pelos homens, fez com que eles, mesmo após mais de dois milênios de Cristianismo, só “tenham olhos para si mesmos como “carnais”, que é como as religiões veem os seus fieis, enquanto Jesus nos enxerga como”deuses”, decretando que “colocássemos no Alto a NOSSA LUZ”!

Disse ele: “Dei-lhes a glória para SEREM UM, assim como NÓS, Ó PAI. SOMOS UM: PERFEITOS NA UNIDADE”!

Creia NELE, e NÃO nas mentiras supostamente “religiosas” do ilusório “mundo de aparências”. Fazendo isso, VOCÊ ESTARÁ VIVENDO NA “ETERNIDADE REAL E SANTA”!

*

*

COMENTÁRIOS SOBRE O CORDEIRO DE DEUS DESTRÓI O MAGNETISMO ANIMAL-27

  =27=

Na ideia perfeita do Amor, não há medo e nada que possa engendrá-lo ou responder-lhe.

Saber que o homem está envolvido pelo Amor do Pai-Mãe nos torna corajosos e mantém-nos livres. E esse conhecimento é nossa única mentalidade real. Não traz indiferença à angústia do sofredor, mas seu oposto: compaixão que cura, pois reconhece na saúde o único efeito da Mente divina.

A Bíblia revela que “o perfeito amor lança fora o medo”, o que é, aqui, endossado pela autora: Na ideia perfeita do Amor, não há medo e nada que possa engendrá-lo ou responder-lhe. Não há autor metafísico que  tenha deixado de ressaltar a importância deste reconhecimento de que estamos envoltos pelo Amor divino, e, não apenas envoltos: o fato é que a Substância real de nosso Ser é o Amor divino, ou seja, é o próprio Deus.

Saber que o homem está envolvido pelo Amor do Pai-Mãe nos torna corajosos e mantém-nos livres. E esse conhecimento é nossa única mentalidade real. Isto significa que a Mente Única, a Mente de Deus, é a Mente que reconhece o Amor onipresente como Substância de toda Forma. Este conhecimento é nossa única mentalidade real, uma vez que a suposta “mente humana” não é mente verdadeira, sendo tão somente uma ilusão.

Assim, diante de “quadros hipnóticos” que mostram “sofredores e sofrimentos”, o artigo diz que “não ficaremos indiferentes, mas sim num estado de compaixão que cura”. De que modo? Através do reconhecimento de que “a saúde é o único efeito da Mente divina”.

Estas revelações precisam ser contempladas, e, nestas contemplações, estarão sendo considerados na prática todos estes princípios absolutos. Estaremos reconhecendo que o suposto “sofredor” não é o que aparenta ser, e sim o que a Mente divina reconhece ser sua real identidade, sempre envolta na ideia perfeita do Amor. Ele estará, de fato, atuando com a Mente única, reconhecida como sendo a Mente divina, quando, então, concluiremos o que diz o texto: a saúde é reconhecida como único efeito da Mente divina! Em outras palavras, a ideia de “sofredor e sofrimento” é dissipada como “sombra”, que naturalmente cede espaço  à luz.

 

Continua na próxima segunda-feira..>

 

“OS MORTOS NÃO VIVEM, E OS VIVOS NÃO MORRERÃO!”

A certeza mantida pela humanidade, iludida pela suposta “mente carnal”, precisa ser quebrada com rigor e radicalismo, de modo que DEUS POSSA SER ACEITO COMO VIDA ONIPRESENTE, ENQUANTO A CRENÇA EM “NASCIMENTOS E MORTES” FIQUE ANULADA, TAL QUAL SOME DE PERCEPÇÃO UM PESADELO, TÃO LOGO DESPERTE O SEU SONHADOR!

Quando João testemunhou “o que era desde o princípio”, viu o Universo verdadeiro, perfeito, iluminado e onipresente, em que viu a “NÓS TODOS” em comunhão eterna com o Pai e com Jesus Cristo. Disse ele ter relatado esta experiência para que NÓS NOS VÍSSEMOS E NOS MANTIVÉSSEMOS NESTA MESMA COMUNHÃO! Este seria o “PERMANECER EM MIM” pregado por Jesus

Infelizmente, uma “existência terrena mentirosa”, chamando para si a atenção da humanidade, aparenta desviar a maioria da experiência de ESTARMOS NA UNIDADE PERFEITA.

Por isso, assim disse Jesus: “Este céu passará, e passará  também aquele que está por cima deste. Os mortos não vivem e os vivos não morrerão” (Evangelho de Tomé).

*

EXPONHA AO DESCRÉDITO A ILUSÓRIA IDENTIDADE TERRENA!

Há pessoas que, por qualquer coisinha, correm para o médico; e há  ainda aquelas que, mesmo com o médico afirmando que “estão bem”, acham ruim ouvir aquilo,  e vão em  busca de outro, que  lhes diga “estarem mal”.

Quando em “tratamento metafísico”, muitos se veem totalmente convictos de que “precisam ser curados”; e quando ouvem que já são PERFEITOS COMO DEUS, podemos imaginar o que lhes passa pelo pensamento!

Dois ensinamentos de Jesus operam juntos, se forem aceitos e verdadeiramente levados a sério de forma radical e absoluta: 1- negar a crença de ser “carnal nascido”; 2- afirmar o Fato de ser formador da Onipresença em Sua Unidade Perfeita com o Pai.

Há tempos, conversando com alguém sobre este tema, disse-me ele: “Caso eu venha a precisar de ajuda de alguém futuramente, você jamais seria escolhido para dar-me assistência! A pessoa pode estar morrendo, que você dirá a ela que está tudo perfeito”!

Quando Paulo teve seu “despertar”, dizendo: “Estou crucificado! Não sou mais eu; o CRISTO vive em MIM!”, revelou a simbologia bíblica sobre a “crucificação”! ESTAR CRUCIFICADO SIGNIFICA ESTAR “LIVRE DO EGO”, LIVRE À MANIFESTAÇÃO PLENA DO CRISTO EM SI MESMO!

Infelizmente, o exemplo de Paulo sequer pôde ser seguido, após as religiões terem propagado a ideia de que Jesus, sendo crucificado, morreu para nos salvar a todos! Crendo nessa mentira, a fala de Jesus ficou desacreditada! Assim disse ele: “Se quer vir após mim, NEGUE-SE A SI MESMO, TOME A SUA CRUZ E ME SIGA!”.

Enquanto estas falsas crenças religiosas forem aceitas e levadas a sério, NINGUÉM RENASCERÁ AO CRISTO DE SUA REAL IDENTIDADE! E SEM O CRISTO, SÓ FICARÁ “PRESENTE” O SUPOSTO “CARNAL HIPNÓTICO”, INAPTO PARA CONHECER DEUS, O REINO DE DEUS, E TUDO O QUE DEUS FAZ! 

*

“NÃO ESTOU SÓ PORQUE O PAI ESTÁ COMIGO!”

Aquele que estuda o Evangelho e não entende Jesus como Filho de Deus diferente de SI PRÓPRIO, conhece a Verdade dita e válida para ele como é também válida para TODOS NÓS!

Disse Jesus: “Eu não estou só porque o Pai está comigo”, ou seja, estava revelando a Unidade Perfeita em que NINGUÉM ESTÁ SÓ PORQUE O PAI ESTÁ E TODOS – SEM EXCEÇÃO!

Enquanto a mentirosa CRENÇA SEPARATISTA continuar a ser aceita pela maioria, A CRENÇA DE VIDA SEPARADA DE DEUS aparentará ser verídica! Isto porque os supostos “sentidos mortais” somente reconhecem inexistências, assim como o suposto “mundo material” é pura inexistência.

Ocorrendo a VISÃO DO OLHO SIMPLES em consciente percepção, TUDO SERÁ VISTO COMO UNIDADE, E COMO UNIDADE PERFEITA! E a Luz Eterna do Pai poderá ser discernida espiritualmente no lugar dos cegos sentidos humanos! Alguém “teria se iluminado”? NÃO! Apenas a ILUSÃO TERIA SE DISSIPADO, DEIXANDO À MOSTRA O “CRISTO-LUZ” QUE TODOS SEMPRE SOMOS!

A FÉ VERDADEIRA é nossa CONVICÇÃO ABSOLUTA de que SOMOS INSEPARÁVEIS DE DEUS E INSEPARÁVEIS DE TUDO O QUE DEUS FAZ! Tal convicção elimina as CRENÇAS SEPARATISTAS  E NOS REVELAM A VERDADE QUE SOMOS, DISSIPANDO A ILUSÃO DE SOLIDÃO POR NOS REVELAR A UNIDADE QUE SOMOS!

“O Testemunho de Deus é maior do que o testemunho dos homens”, diz a Bíblia! “Orar e vigiar sem cessar” REQUER QUE FIQUEMOS IMPASSÍVEIS, diante das “aparências flutuantes” do “mundo do pai da mentira”

Enquanto os discípulos apavorados acordavam Jesus, reconhecendo “temporal e ventania” sacudindo o barco em que estavam, Jesus simplesmente ordenou: “Paz, sê quieto!”, e tudo se acalmou! Que fez ele? Primeiro entendamos O QUE DEIXOU ELE DE FAZER: CRER QUE O TEMPORAL EXISTISSE “EXTERNAMENTE”! Sabia ser ele simples IMAGEM NA MENTE CARNAL. E então, Jesus reconheceu A PERMANENTE DIVINA ORDEM UNIVERSAL, MANTIDA PERPETUAMENTE POR DEUS!

Como diz a Lei mental, “O QUE FOR RECONHECIDO, APARECERÁ”. Que estavam os discípulos reconhecendo? TEMPORAL E VENTANIA!  E Jesus corrigiu a “visão ERRADA deles”, RECONHECENDO A\ TOTALIDADE DE DEUS E A ONIPRESENÇA DO “BEM PERMANENTE”!

E você? Que reconhece como presente? DEUS?  OU PANDEMIA?

*

O QUE VÊ O HOMEM E O QUE DEUS VÊ!

NÃO HÁ DUAS REALIDADES, UMA VISTA PELO HOMEM E OUTRA VISTA POR DEUS! Em 1 Samuel 16: 7, podemos ler: “O homem vê o que está diante dos olhos, porém, o Senhor olha para o coração”.

Há milênios que esta mesma Verdade é passada à humanidade sem que seja acreditada! O QUE O HOMEM VÊ É ILUSÃO, E NO LUGAR DA ILUSÃO, O QUE HÁ, É DEUS SENDO TUDO!

Na Seicho-no-ie é dito que ILUSÃO É SUPOR EXISTENTE O QUE É INEXISTENTE! Exemplo disso é um sonhador supondo existir seu pesadelo, totalmente alheio ao que é realidade em seu quarto!

Também Jesus se ocupou em revelar esta Verdade: “Eu vim para que os que veem sejam cegos e para que os que não veem vejam”.

Repetia a revelação de Samuel! Via o REINO DE DEUS ONIPRESENTE, EVIDENCIADO POR TODA PARTE, ENQUANTO OS HOMENS SÓ VIAM CONFLITOS, MALES, PECADOS, GUERRAS, FOME, TRAGÉDIAS E PESTILÊNCIAS, OU SEJA, VIAM E VIVIAM UMA ILUSÃO!

“O príncipe deste mundo é Satanás, o pai da mentira e mentiroso desde o princípio”, disse Jesus! Aquele que DESMENTI-LO se colocará apto a REVERENCIAR A DEUS COMO TUDO para honrar a Deus como Einstein, que disse: DEUS É A LEI E O LEGISLADOR DO UNIVERSO!

*

O ERRO É A NOSSA PRÓPRIA REAÇÃO CONTRA ELE!

Folheando um caderno antigo, achei uma mensagem curta e objetiva que há tempos me veio à mente e que fiz questão de anotar. Assim diz ela:  “O erro é a nossa própria reação à crença de que ele existe, ou seja, é a nossa reação ao próprio erro”.

A Verdade Absoluta parte do princípio de que DEUS É TUDO, A REALIDADE ÚNICA EM EVIDÊNCIA, E  QUE SOMOS AQUILO QUE DEUS É!

Não precisamos conhecer toda “forma de erro” para nos protegermos de sua aparente influência sobre nós. Seríamos um estudante de Matemática vivendo a negar todos  os erros infinitos possíveis de surgir numa conta errada! Se cinco mais cinco são dez, caso alguém passasse o dia todos reagindo e negando os erros infinitos capazes de aparecer para a conta, o dia acabaria, mas não todos os erros!

No caso da Metafísica, muitos são os que se envolvem  com os erros, sem banir por completo toda a “reação” a eles! Este é o alerta dado pela mensagem: “Nossa reação ao erro é o erro em si”.

Que pediu o aparente leproso a Jesus? Que lhe falasse sobre a Verdade? Não! Queria se ver “limpo da lepra”!

QUE LHE FEZ JESUS? OLHOU-O SEM RESISTIR À LEPRA, CIENTE DE QUE UNICAMENTE A VERDADE, E NÃO O ERRO, ESTAVA SE EVIDENCIANDO COMO AQUELE FILHO PERFEITO DE DEUS!

Mary Baker Eddy assim disse: “Ignorância não é proteção”. O suposto “leproso” somente se livrou do erro por ter tido, Jesus, a convicção de vê-lo perfeito sem “dividir a casa”, considerando FILHO DE DEUS E DOENÇA!

GRAVE BEM: O ERRO É A NOSSA PRÓPRIA REAÇÃO AO PRÓPRIO ERRO!

*

SE CRERES, VERÁS A GLÓRIA DE DEUS!”

“Disse-lhe Jesus: Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?”

João 11: 40

A humanidade sempre se permitiu acreditar em tudo quanto há e ouve, menos nas Verdades Absolutas! Não entende que DO SEU ACREDITAR depende sua aparente “vida fenomênica”.

Jesus deixou bem claro: “Seja-te feito segundo tua crença”! Mas seu alerta também não foi aceito e ACREDITAR EM DOIS PODERES passou a ser CRENÇA COLETIVA!

Que acontece com a maioria? É MOVIDA PELA CRENÇA FALSA EM DOIS PODERES, E, DESSE MODO, VIVE TEMPOS DE “VACAS GORDAS” ALTERNADOS COM TEMPOS DE “VACAS MAGRAS”, ACHANDO SER ISSO MUITO NATURAL!

O Universo VERDADEIRO SE CONSTITUI DO “VERBO DE DEUS” SENDO TUDO! Aquele que acredita que DEUS É BEM ONIPRESENTE, PERMANENTE E ABSOLUTO, traz consigo, como bens acrescentados, aquilo que a cada momento se lhe apresenta como necessário! Este é o “cuidado do dia de hoje” ensinado por Jesus!

De que modo Deus nos suprirá no próximo ano? NÃO SE DEIXE MOVER POR ACREDITAR EM FUTURO, COMO FAZ A MAIORIA!

UTILIZE SEU AGORA no reconhecimento da Verdade de que “DEUS E VOCÊ SÃO UM AGORA”!  Desse modo, a Substância divina  estará sendo reconhecida como a Substância que VOCÊ É!  E esta “junção de Unidade” é o que se projetará visivelmente como “aparência” de bens acrescentados!

Vigie e se policie para NÃO SE EXCLUIR DESTES PRINCÍPIOS!Creia, somente, que DEUS E VOCÊ SÃO UM AGORA! E poderá testemunhar tempos de “vacas gordas” a cada dia!

Atente ao que disse Jesus: “Não te hei dito que, se creres, verás a glória de Deus?”

*

 

“O RENASCER EM CRISTO”!

“Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro”.

1 Tessalonicenses 4: 16

 

Os que Paulo chama de “os que morreram em Cristo” são, na verdade, aqueles que “renasceram em Cristo”, redescobrindo a SI PRÓPRIOS em sua natureza original, espiritual e única. Por isso “ressuscitarão primeiro”!

Estas Verdades requerem a aceitação prévia de que JAMAIS DEIXAMOS O PARAÍSO para ser “mortais” de um suposto “mundo fenomênico”! O apego ao mundo ilusório “visível” faz com que a Realidade divina deixe de chamar a atenção da maioria, para que houvesse a CLARA PERCEPÇÃO da Verdade de que UNICAMENTE DEUS É REALIDADE!

O Ser REAL que somos, é integrante eterno e formador da UNIDADE DIVINA PERFEITA, E JAMAIS ESTIVEMOS SENDO QUAL QUER “OUTRO”.

A Unidade Perfeita permanece INCÓLUME em Sua Onipresença, ISTO É, AQUILO QUE DEUS É, É IMUTAVELMENTE AQUILO QUE “EU SOU”.

Jesus descreveu a forma correta da oração em três etapas, sendo a primeira feita por nós e as demais feitas por Deus. Isolamo-nos do mundo e da mente do mundo, e nossa parte estará feita! E Deus nos verá e nos recompensará!

Estaríamos silentes e entregues unicamente à Onipresença divina nos abrangendo e SENDO A PRESENÇA INDIVIDUAL DO PAI MANIFESTO COMO O FILHO, OU CRISTO!

Mantenha-se nessa “percepção iluminada” de que a  DIVINA PRESENÇA DO PAI se evidencia como SUA ÚNICA E PERFEITA IDENTIDADE INDIVIDUAL E CRÍSTICA

*

COMENTÁRIOS: “O CORDEIRO DE DEUS DESTRÓI O MAGNETISMO ANIMAL” – 27

– 27 –

Na ideia perfeita do Amor, não há medo e nada que possa engendrá-lo ou responder-lhe.

Saber que o homem está envolvido pelo Amor do Pai-Mãe nos torna corajosos e mantém-nos livres. E esse conhecimento é nossa única mentalidade real. Não traz indiferença à angústia do sofredor, mas seu oposto: compaixão que cura, pois reconhece na saúde o único efeito da Mente divina.

A Bíblia revela que “o perfeito amor lança fora o medo”, o que é, aqui, endossado pela autora: Na ideia perfeita do Amor, não há medo e nada que possa engendrá-lo ou responder-lhe. Não há autor metafísico que  tenha deixado de ressaltar a importância deste reconhecimento de que estamos envoltos pelo Amor divino, e, não apenas envoltos: o fato é que a Substância real de nosso Ser é o Amor divino, ou seja, é o próprio Deus.

Saber que o homem está envolvido pelo Amor do Pai-Mãe nos torna corajosos e mantém-nos livres. E esse conhecimento é nossa única mentalidade real. Isto significa que a Mente Única, a Mente de Deus, é a Mente que reconhece o Amor onipresente como Substância de toda Forma. Este conhecimento é nossa única mentalidade real, uma vez que a suposta “mente humana” não é mente verdadeira, sendo tão somente uma ilusão.

Assim, diante de “quadros hipnóticos” que mostram “sofredores e sofrimentos”, o artigo diz que “não ficaremos indiferentes, mas sim num estado de compaixão que cura”. De que modo? Através do reconhecimento de que “a saúde é o único efeito da Mente divina”.

Estas revelações precisam ser contempladas, e, nestas contemplações, estarão sendo considerados na prática todos estes princípios absolutos. Estaremos reconhecendo que o suposto “sofredor” não é o que aparenta ser, e sim o que a Mente divina reconhece ser sua real identidade, sempre envolta na ideia perfeita do Amor. Ele estará, de fato, atuando com a Mente única, reconhecida como sendo a Mente divina, quando, então, concluiremos o que diz o texto: a saúde é reconhecida como único efeito da Mente divina! Em outras palavras, a ideia de “sofredor e sofrimento” é dissipada como “sombra”, que naturalmente cede espaço  à luz.

Continua na próxima segunda-feira..>

FIXANDO O OLHAR NAS “COISAS NÃO VISTAS”

“Não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas”.

2 Coríntios 4: 18

Muitos entendem ser a “prática da Verdade”  a constatação de um excelente e agradável “mundo de aparências”, continuamente se desdobrando à sua volta em forma de tudo quanto possa haver de disponível em termos de bens materiais.

Estariam certos? Depende! Se estão conscientes da Verdade, tais bens irão lhes ser “acrescentados” como “sombras da Oniação”! Mas se forem manifestados como “feitos terrenos”, são tão ilusórios quanto os supostos “males deste mundo”, ou uma “mistura” do que aparece refletido de Deus com o que aparece junto como pura  “manifestação da mente carnal”, a falsa crença em dois poderes!

Como FILHOS DE DEUS, oramos e meditamos para reconhecer que DEUS E HOMEM SÃO UM, E NUNCA DOIS! Desse modo, a Oniação divina nos abrange em CRISTO, e o que DEUS É, pode ser notado como SENDO O CRISTO QUE SOMOS!

É assim que a Vontade do Pai se identifica com a Vontade do FILHO, e, aparentemente, os “bens vindos de acréscimo” a ele fluem como “sombras” da Oniação reconhecida!

Paulo disse o seguinte:

“Não atentemos nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas”.

Dedique-se a viver resolutamente segundo o “ponto de vista” das COISAS QUE NÃO SE VEEM, permanecendo estar alheio às COISAS QUE SE VEEM! Assim estará reconhecendo estar EM DEUS, SENDO UM COM TUDO QUE DEUS FAZ,  E SEM TER OLHOS SEQUER PARA FICAR VENDO SUPOSTOS “BENS ACRESCENTADOS”! ELES “VIRÃO”, CONTUDO,  SEMPRE SERÃO TODOS MERAS “SOMBRAS”! 

*

 

 

REMOVENDO A TRAVE NO OLHO!

A real e única Criação de Deus é espiritual, perfeita e permanente! Nada tem a ver com um suposto “mundo material”, aceito como verdadeiro pela “mente carnal”.

A Divina Ordem Se manifesta ininterruptamente como TUDO que DEUS FAZ com Sua Oniação Perpétua! E este FATO deve predominar em nossos pensamentos e atitudes, para que não fiquem sendo apenas “teoria” ocupando espaço no intelecto de alguém.

Jesus refutava toda argumentação que se mostrasse contrária à Verdade! Veio para que o imitássemos, “tirando a trave dos olhos” para RECONHECERMOS o Poder divino ÚNICO atuando como o FILHO DE DEUS, QUE SOMOS –  em Unidade ESSENCIAL com o Pai, tal qual Jesus agia: “O Pai, que está EM MIM, é QUEM faz as Obras”!

“O Pai FAZ as Obras” quando descartamos a CRENÇA que admite a ILUSÓRIA “separatividade de Deus”! Esta CRENÇA é a “trave nos olhos” a ser REMOVIDA, de sorte que fiquemos cientes de que TUDO DE DEUS, presente em Jesus, ESTÁ IGUALMENTE PRESENTE NO CRISTO QUE SOMOS! E isto, AQUI E AGORA!

O CRISTO É TUDO EM TODOS, disse Paulo! Sendo TUDO em Jesus, ele se via na UNIDADE COM DEUS, endossando a Oniação manifesta como DIVINA ORDEM UNIVERSAL!

Diante das CRENÇAS NO BEM E NO MAL,  AJA COMO AGE O CRISTO, SENDO TUDO em VOCÊ!

Exclua a “aparência do mal”, seja ela qual for, e exclua o suposto “NASCIDO DA CARNE”, inventado pela ILUSÃO!

Desse modo, VOCÊ apenas ficará SENDO O CRISTO ONIATIVO QUE É, HONRANDO A SI MESMO COMO HONRA SUA UNIDADE COM O PAI, E FAZENDO SUAS OBRAS PERFEITAS E PERMANENTES, JAMAIS VISTAS POR  SUPOSTOS “OLHOS HUMANOS”!

*

ONDE ESTÁ “O MUNDO DO PAI DA MENTIRA”?

Quando Jesus disse que “o Reino de Deus não vem por aparências”, e que já está “entre nós”, conhecia e o pregava como ALGO A SER CONHECIDO EM NÓS  PRÓPRIOS, nunca como ilusórios carnais, mas sim como FILHOS DE DEUS ENCONTRADOS NA FORMA DE “NOSSO PRÓPRIO ESPÍRITO”!

Por isso, disse Paulo que “DEUS TESTIFICA COM O NOSSO ESPÍRITO QUE SOMOS FILHOS DEM DEUS”!

Quando a Metafísica Absoluta reconhece a Verdade de que DEUS É TUDO, expõe a Verdade revelada por João: ‘SOMOS SERES FEITOS COM O “VERBO DE DEUS”! Em vista disso, a suposta “matéria”, aparentemente real e sólida, é na realidade puro NADA assumindo “formas irreais” de existência como os sonhos!

Por isso, ao suposto “mundo material”,  acreditado pelo grosso da humanidade, deu Jesus o nome de “mundo do pai da mentira”, isto é, uma irrealidade a ser entendida como INEXISTÊNCIA PLENA, uma vez que A ONIPRESENÇA DIVINA OCUPA INTEGRALMENTE TODA A REALIDADE PERFEITA, PERMANENTE E INCÓLUME!

“Eu estou convosco DESDE O PRINCÍPIO”,  disse Jesus! ESTAR CONOSCO significa SERMOS O VERBO DE DEUS, SEM COMEÇO E SEM FIM; SERMOS UMA REALIDADE  SUBSTANCIAL E PERFEITA!

E o que dizer do “mundo do pai da mentira”: É ALGO A SER NEGADO, DESMENTIDO COMO “AUSÊNCIA”, POR NÃO DISPOR DE “SUBSTÂNCIA ALGUMA” PARA SER PRESENÇA”!

A palavra ILUSÃO foi empregada por Buda, após ter tido a revelação do Universo real e substancial estando PRESENTE, exatamente no lugar do AUSENTE MIMDO MATERIAL! Ser ILUSÃO, para Buda, significava “NÃO SER”, UM “VAZIO”, UMA IRREALIDADE, PURO “NADA”!

Dizendo “ter vindo para que ficássemos cegos para as aparências”, Jesus pretendia que  nos abríssemos internamente e víssemos a Realidade. transcendente a todas elas!

“Aparências” não são “mundo exterior”! São meras “imagens ilusórias” na suposta “mente carnal”.

Aquele que as DESTITUIR DE TER PODER E SUBSTÂNCIA, RECONHECENDO A ONIPRESENÇA  DIVINA INFINITA, EXCLUI todas elas PARA SE VER LIVRE!

 *

 *

CONTEMPLE O CRISTO SE IRRADIANDO COMO A SUA LUZ!

 

“Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados”.

2 Coríntios 13: 5

Enquanto as religiões do mundo saturavam a mente coletiva da humanidade com a a crença num Jesus pessoal e exterior, Paulo expunha a Verdade de que JESUS CRISTO É A CONSCIÊNCIA DE TODO FILHO DE DEUS INDIVIDUALIZADO, QUE TODOS PRECISAM CONHECER EM SI MESMOS ATRAVÉS DO “RENASCIMENTO ESPIRITUAL”!

O Poder de Deus expresso como Jesus está presente de idêntico modo em cada Filho de Deus! O que precisa ser banido é um suposto “eu nascido”, que intenta se fazer de cada um de nós sua “morada” ilusória e sem qualquer respaldo divino!

“De Mim saiu Poder”, disse Jesus, quando a mulher hemorrágica tocou-lhe a borda das vestes e se viu curada! “A TUA FÉ TE SALVOU”, DISSE-LHE Jesus!  A FÉ É A CONVICÇÃO DE QUE ALGO NÃO “VISTO” ENCONTRA-SE PRESENTE E EM ATIVIDADE PLENA, ASSIM COMO SE DÁ COM TODO FILHO DE DEUS QUE HABITA “EM MIM”, NA UNIDADE PERFEITA, DE ONDE LHE FLUI O PODER DIVINO COMO “CORRENTEZA DE ÁGUA VIVA”!

Aquele que TROCA DE REFERENCIAL, pela fé, entendendo-se “viver na Unidade Perfeita”, automaticamente se desvencilha do suposto e ilusório “eu carnal” e também da crença num Jesus exterior que lhe nublava a verdade de ser ele igualmente o Cristo.

Paulo deixou bem claro esta Verdade, assim dizendo: “Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados”

Não apenas reconheça O CRISTO EM SI PRÓPRIO! Contemple sua LUZ a se irradiar ininterruptamente de SEU PRÓPRIO SER!

*

“CLAME A MIM, E EU RESPONDEREI!”

“Cla­me a mim e eu responderei e direi a você coisas grandiosas e insondáveis que você não conhece”.

Jeremias 33: 3

Jeremias é mais um dos profetas que, tendo conhecido a Verdade EM SI MESMO, repetiu a revelação que dizia: “Cla­me a mim e eu responderei e direi a você coisas grandiosas e insondáveis que você não conhece”.  

Enquanto este “MIM” for CONSIDERADO COMO UM DEUS EXTERIOR, fora do “EU SOU” de cada Ser, uma ilusória personalidade desconhecida de Deus aparentará existir , usurpar e ocultar o VERDADEIRO “EU” QUE SOMOS, QUE É DEUS!

Jesus deixou claro que segui-lo requer a negação integral desta suposta identidade humana, que se diz “nascida no mundo”.

Em João 16: 5-11, disse ele:

“Agora vou para aquele que me enviou, e ninguém de vós me pergunta: Para onde vais?
Mas porque vos falei assim, a tristeza encheu o vosso coração.
Entretanto, digo-vos a verdade: convém a vós que eu vá! Porque, se eu não for, o Consolador não virá a vós; mas se eu for, vo-lo enviarei.
E, quando ele vier, convencerá o mundo a respeito do pecado, da justiça e do juízo.

Convencerá o mundo a respeito do pecado, que consiste em “não crer em mim”;
Ele o convencerá a respeito da justiça, porque eu me vou para junto do meu Pai e vós já não me vereis;
Ele o convencerá a respeito do juízo, que consiste em que o príncipe deste mundo já está julgado e condenado”. 

A prática do ensinamento absoluto é o Consolador que nos convence da Verdade de que “FORA DE MIM, NÃO HÁ DEUS”,  sendo que “o príncipe deste mundo “ já é entendido como julgado e condenado.

De que modo? Através do reconhecimento da Verdade de que DEUS É A ÚNICA REALIDADE, o que revela a NULIDADE do “pai da mentira”, com todas as suas  falsidades e mentiras!

UNICAMENTE DEUS É REALIDADE, E SOMOS TODOS “UM COM ELE”!

*

 

“OLHAI PARA O VIVO!”

O chamado para “irmos a Mim” é uma constante sempre a nós lembrada pelas Escrituras! No Evangelho de Tomé, assim diz Jesus: “Olhai para o Vivo, para que não morrais e desejeis ver aquele que já não podeis ver”.

“Olhamos para o Vivo” quando nos desviamos da “mentira terrena” de que “vivemos como carnais” e nos remetemos à Oniação em que Deus, como VIDA ONIPRESENTE, abrange EM SI MESMO a Vida real e eterna em que NELE VIVEMOS!

“Eu Sou a Ressurreição e a Vida”, disse Jesus! Anunciava a Verdade de SER UM ETERNO VIVO, estando em meio a um “hipnotismo coletivo” que ilude a maioria na falsa crença de que “haja vida encarnada”, e também “reencarnada”! Estas crenças falsas, que incluem as “aparências” de encarnações ou de reencarnações, impossibilitam alguém de aceitar e vivenciar a Verdade anunciada por Jesus. Por quê? Simples! Jesus ordenou que “fôssemos perfeitos como Perfeito é nosso Pai celestial”! Para isso, disse também: “Estivestes comigo desde om princípio”! Em vez de pregar “evolução” do suposto “carnal” colecionador de mortes, deixou como pré-requisito, para que cada um pudesse conhecer o próprio “Vivo”, O CRISTO DE SI PRÓPRIO, A DETERMINAÇÃO DE NEGAÇÃO DE SI MESMO, como “carnal” do mundo!

Entretanto, as crenças em encarnações contêm a NEGAÇÃO das Escrituras, dizendo que, se estamos encarnados, pela primeira ou pela milésima vez, seria porque SOMOS IMPERFEITOS, em contínuas “existências evolutivas”, para nos aprimorarmos, sabe-se lá até quando!

Obedeça a Jesus, reconhecendo a Presença do CRISTO PERFEITO sendo “O VIVO” QUE VOCÊ AGORA É!

Daí o seu precioso alerta: “Olhai para o Vivo, para que não morrais e desejeis ver aquele que já não podeis ver”. Um alerta àqueles que em vez\ de serem VIVOS na Unidade Perfeita, se veem “morrendo” e crendo que “um dia” serão perfeitos!

*

COMENTÁRIOS SOBRE O CORDEIRO DE DEUS DESTRÓI O MAGNETISMO ANIMAL-25

– 25 –

A doença desaparece ante o pensamento que não se deixa mesmerizar pelas aparências materiais. Tal pensamento, calmamente controlado pela inocência que é dada por Deus e é tudo o que Ele conhece, brande a espada do espírito da Verdade sempre que há receptividade, banindo a crença na moléstia. Na ideia perfeita do Amor, não há medo e nada que possa engendrá-lo ou responder-lhe.

Quem estuda Metafísica Absoluta já está habituado com a expressão “a doença não existe”. Nada que não tenha origem em Deus é real; assim, quando Jesus “fazia curas”, demonstrava sua convicção absoluta de que “nada há ao lado de Deus”, muito menos uma “doença”.

“A doença desaparece ante o pensamento que não se deixa mesmerizar pelas aparências materiais”, diz o texto. Está definida a questão da inexistência da doença! Em vez de ser estudada e tratada materialmente, a suposta “doença” desaparece! De que modo? “Ante o pensamento que não se deixa mesmerizar pelas aparências materiais”.

Estas revelações são verídicas! Mas requerem um repúdio total e veemente às “aparências de doença”, no sentido de não nos permitirmos ser HIPNOTIZADOS pelas “sugestões hipnóticas” que a ILUSÃO aparenta nos impor.

Se alguém for hipnotizado para “tremer de frio”, mesmo estando sob forte calor, agirá como se estivesse ficando congelado, e isto até que lhe CESSE O HIPNOTISMO!

O “frio” foi eliminado? Não! Unicamente a”sugestão hipnótica” foi paralisada! Dizer, portanto, que “o frio não existe”, na experiência do hipnotizado, equivale a se dizer que “a doença não existe”, naquele que se deixa iludir pela inexistente “mente humana”.

Neste estudo, este trabalho dedicado a “não se permitir hipnotizar” pelas “sugestões de doença” faz com que ela “desapareça”, isto é, não irá ser “curada”, mas, vista como “quadro hipnótico”: sem substância, realidade, inteligência e sem lei de sustentação.

Continua na próxima segunda-feira..>

O AMOR SUBSTANCIAL DIVINO É O CORPO ETERNO QUE TEMOS!

Nada há que seja temporal, e que esteja relacionado conosco. A real e única Substância de TUDO é DEUS, enquanto a suposta “matéria”, vista pela “mente carnal”, não passa de uma “imagem hipnótica”, isto é, é pura “AUSÊNCIA”, A EXEMPLO DE UM SHOW MUSICAL HOLOGRÁFICO, que aparenta “ser manifestação local real”, mas que é sempre puramente “ausência total” no palco.

A maioria se deixa influenciar com facilidade pelas “coisas humanamente vistas”! Entretanto, todas elas são como “integrantes de um sonho”, cujas imagens até então aparentemente “vistas” pelo sonhador se revelam como NADAS, assim  que ele desperta!

A Substância eterna e verdadeira é Deus como Seu Amor, que a tudo dá forma e corporifica! Nosso Corpo é o Amor divino, eternamente manifesto como nosso Corpo de Luz, eterno , perfeito e permanente!

Contemple, com  assiduidade e dedicação, a REALIDADE DE SEU CORPO COMPOSTO PELO AMOR DE DEUS! Dissocie-o completamente da CRENÇA que o “enxerga” como corpo carnal !

Parta da Verdade de que DEUS É TUDO, MANTENDO Seu Universo em DIVINA ORDEM, que INCLUI o seu Corpo vivendo em Deus, com o Verbo de Deus e com a Perfeição de Deus!

*

Back to Top
×

Curtir no Facebook