Admita Estar Vivendo Em Infinitas Dimensões!

Quando as postagens se referem a um ensinamento ABSOLUTO, há pessoas que dizem que “ninguém conhece a Verdade Absoluta”, ou que “aquele que a diz conhecer”, apenas “acha” que conhece; enfim, surgem variadas colocações, todas baseadas na “cegueira mental” da limitadíssima “mente carnal”, que exibe à humanidade o “mundo do pai da mentira”, um fantasioso e ilusório “mundo de crenças mortais” que a maioria reluta em contestar, uma vez que as denominações religiosas de todos os tempos somente o endossaram.

Se uma faxineira estiver limpando o laboratório de um hospital,  e ao sair e trancar a porta, caso alguém lhe perguntar: “Quantos seres vivos ficaram lá dentro?”, ela irá dizer: “Havia somente eu; como terminei a limpeza, estou saindo e, em vista disso, não há mais ser vivo algum lá dentro!”, estaria ela  dizendo a verdade? Não. Estaria traduzindo um fato erroneamente, “gerado” pela sua cegueira e desconhecimento da verdade! HAVERIA MILHARES DE MICRORGANISMOS VIVOS ALI, NENHUM CAPTADO POR ELA! Se a CRENÇA rotulá-los de patogênicos, que oferecem risco à saúde, esta CRENÇA aparentemente “atuará”, podendo, a faxineira, ser por ela contaminada! Se a CRENÇA rotulá-los de “inofensivos à saúde”, também teremos a manifestação da CRENÇA, e a pessoa nada sofrerá.

“Crê, somente, e seja-te feito SEGUNDO A TUA CRENÇA” – disse Jesus! Portanto, há a VERDADE ABSOLUTA, que não depende da “cegueira de ninguém” para ser reconhecida, e há a “verdade gerada pela cegueira”, que APARENTA SER VERDADE, mas que não passa de mera CRENÇA!

O ENSINAMENTO ABSOLUTO diz que SOMENTE EXISTE DEUS, e que “este mundo”, tal como o registra a ilusória “mente carnal”, JAMAIS ESTEVE PRESENTE EM PARTE ALGUMA, A NÃO SER COMO “CRENÇA”!  Krishna o chamou de “aparência”, Buda o chamou de “ilusão”, Jesus o chamou de “mundo do pai da mentira”, e Paulo disse que “o espírito que enxerga este mundo não nos veio de Deus, e  o que d’Ele recebemos, foi o Espírito divino, capacitado a enxergar o que “gratuitamente recebemos de Deus”!

Se falamos que SOMOS UM CORPO DE PERMANENTE SAÚDE INFINITA, e que esta é a VERDADE ABSOLUTA, aquele que contestar, fundamentando-se na “verdade gerada pela cegueira da mente humana”, aparentemente VIVERÁ A SUA CRENÇA FALSA, em vez de desfrutar da VERDADE ABSOLUTA em que “vive, se move e tem o seu ser”!

Deus é INFINITO, e a VERDADE É INFINITA como Deus! Quer isto dizer que “não a podemos vivenciar”?  NÃO SÓ PODEMOS, COMO DEVEMOS! A “cegueira” que mostra à maioria o seu “mundo de ilusões e crendices” apenas precisa ser SUBSTITUÍDA pela aceitação radical de que ESTAMOS EM DEUS, NO REINO DE DEUS E SENDO O CRISTO OCULTO EM DEUS! Se esta não for “aceitação da boca para fora”, COMO É ABSOLUTA E VERDADEIRA, será “trazida à luz da visibilidade”. Quando Paulo diz que “a fé é a CERTEZA das coisas não vistas”, explica o que agora acabamos de expor!

Que é a ILUSÃO: Acreditar que estamos com corpos tridimensionais e vivendo em mundo tridimensional!  ENQUANTO ESTA MENTIRA FOR ACEITA, A VERDADE FICARÁ DISTANTE DE NOSSA SINTONIA! POR OUTRO LADO, QUANDO EXPULSARMOS ESTA “CRENÇA” E RECONHECERMOS A VERDADE, ESTAREMOS “VENCENDO O MUNDO” E “VIVENCIANDO O REINO DA GLÓRIA”!

*

Deixe um comentário