A VERDADE SOBRE A VINDA DO “CONSOLADOR DEFINITIVO”!

“Se eu não for, o Consolador não virá a vós”, disse Jesus. Sabia da necessidade de “sair de cena” para que a humanidade se voltasse à Verdade em seu Batismo com Fogo, com cada um experienciando  SEU PRÓPRIO CRISTO, A SUA PRÓPRIA LUZ, de modo absoluto e definitivo, e se esquecendo da noção errônea de idolatrar “reveladores externos”, como se algum deles FOSSE MAIS DEUS do que todos nós ETERNAMENTE SOMOS!

A revelação absoluta ENDOSSA o que disse Jesus: “Por que me chamas bom? Bom só há  UM, que é DEUS!” Desse modo, pregava ele a UNIDADE ESSENCIAL PERFEITA, formada por TODOS nós, ao nos vermos pelos OLHOS DA VERDADE! O FOCO do ensinamento absoluto é este: DEUS É TUDO!

Jesus tinha pleno conhecimento de que “o mundo com mestres e discípulos” era ilusório, por saber que, na Verdade, DESDE O PRINCÍPIO, SOMOS TODOS UM. Sua aparente “VOLTA À INVISIBILIDADE” ERA, DE FATO, MERAMENTE SUA ANULAÇÃO DA ILUSÃO DE “ESTAR NO MUNDO”! E sua anulação, CHAMADA POR ELE DE “SUBIDA AO PAI”, objetivava levar a humanidade toda a fazer o mesmo, orando e vencendo a “ilusão de mundo material”, para perceber que JAMAIS HOUVE QUEDA OU SUBIDA AO PAI! Jesus sabia que somente com A LETRA DA VERDADE, ACOMPANHADA DE SEU PREGADOR, POR MAIS VALOR QUE TIVESSEM,  NÃO CONSEGUIRIAM DESTRUIR A ILUSÃO DE “VIDA TERRENA”! Basta observarmos onde “vivem” e como “vivem” os cristãos das igrejas do mundo: TODOS NA MATÉRIA, TODOS CHAMANDO DE PAI HUMANOS NA TERRA, TODOS APEGADOS A JESUS, TODOS ACREDITANDO EM NASCIMENTOS E MORTES, E TODOS NEGANDO A VERDADE DE QUE SÃO DEUSES”! E QUANTO AO “CONSOLADOR PROMETIDO”? NINGUÉM SABE, NINGUÉM VIU!”

Enquanto este panorama da ilusão não for vencido, o Evangelho da nossa SUBIDA AO PAI não será entendido para ser vivenciado! A VERDADE SÓ SERÁ RECONHECIDA PELA REVELAÇÃO DIVINA, ou seja, PELO AFLORAR DO “CONSOLADOR”, O ESPÍRITO DE DEUS EM NÓS!

QUANDO CADA UM PUDER SE VER SENDO DEUS, “DESPERTO” E ALHEIO AO  HIPNOTISMO DE MASSA, QUE APARENTEMENTE PRENDE O POVO EM SIMPLES “IMAGENS HIPNÓTICAS”, ESTARÁ “CONVENCIDO DO JUÍZO” PORQUE, COMO NOS ADIANTOU JESUS, “O PRÍNCIPE DESTE MUNDO ESTARÁ JULGADO”!

“Todavia digo-vos a verdade, que vos convém que eu vá; porque, se eu não for, o Consolador não virá a vós; mas, quando eu for, vo-lo enviarei. E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo.
Do pecado, porque não creem em mim;
Da justiça, porque vou para meu Pai, e não me vereis mais;
E do juízo, porque já o príncipe deste mundo está julgado.
 

João 16: 7-11

*

 

VIVA O AGORA ONIATIVO DE DEUS COMO “NASCIDO DE NOVO”!

Muitas vezes ouviu-se dizer que Jesus falava “muito difícil”, e que seus ensinamentos, por esse motivo, se mostravam complicados para serem seguidos. Seria este o motivo? Não! O real motivo está na relutância geral em SE CUMPRIR A BASE de seus ensinamentos, que é a seguinte:

“Se quer me seguir, NEGUE-SE SI MESMO, TOME A SUA CRUZ, VENHA E ME SIGA”!

‘NEGAR-SE A SI MESMO” significa ABOLIR A CRENÇA COLETIVA que intenta nos fazer crer que “somos corpos carnais”, SUPOSTAMENTE “nascidos em mundo material”. Isto seria A VERDADE? NÃO! A VERDADE É QUE DEUS É ESPÍRITO, QUE TUDO É ESPÍRITO, E QUE SOMOS INTEGRALMENTE O QUE DEUS É!

Por isso, NOSSO CORPO É DEUS, CHAMADO “TEMPLO DE DEUS”, PLENO DE LUZ, COMO DISSE JESUS.

E o suposto “corpo nascido”? JAMAIS EXISTIU! APENAS É “VISTO COMO TREVAS” PELA “MENTE EM ILUSÃO! ASSIM, ONDE É “VISTO UM CORPO CARNAL”, O QUE ESTÁ PRESENTE, DE FATO, É O “CORPO ETERNO DO FILHO DE DEUS”, E É ESTE O CORPO DE TODO FILHO DE DEUS, “NASCIDO DE NOVO”.

Ao dizer NEGUE-SE A SI MESMO, Jesus revelava O CRISTO QUE SOMOS, QUE É DEUS EVIDENCIADO COMO SEU PRÓPRIO FILHO – GLORIOSO E ETERNO.

Nos Estados Unidos, uma senhora estava desolada, no hospital em que sua filha estava internada, mas com avaliação médica de “caso perdido”. Alguém a orientou para consultar um praticista de Metafísica, chamado Glenn Clark. Ela atendeu à orientação e o consultou, dizendo-lhe que os médicos tiraram da filha dela todos os alimentos de que gostava, por os julgarem inadequados, no caso dela, e, mesmo assim, ela não se curou e ainda foi taxada de “sem solução”! Para os médicos, os alimentos preferidos da moça “faziam mal a ela”!

Ouvindo o caso, Glenn Clark disse àquela mãe aflita: “Faça o seguinte: considere sua filha como já estando morta! E deixe-a livre para comer o que lhe der vontade!”. A mãe ficou irada com a orientação e se foi, achando aquilo um tremendo absurdo. Porém, voltando ao hospital e vendo a filha à morte, se viu incapaz de fazer qualquer coisa, a não ser obedecer ao praticista. Pediu que dessem à filha os seus alimentos preferidos e passou a crer e imaginar que ela estava morta. E A FILHO SE CUROU!

A suposta “cura” se deu pela radical NEGAÇÃO DE VIDA NA MATÉRIA! SEM O NOCIVO APEGO  DESESPERADO DA MÃE COM A “MENTE ILUDIDA”, A VIDA PÔDE
SE MANIFESTAR LIVREMENTE E “TRAZER À LUZ” A SAÚDE DA MOÇA.

Antes a mãe dela acreditava estar ela em “hospital terreno”, e sem perspectiva alguma de cura; e então, O CRISTO NELA SE REVELOU, POR TER  SIDO ABOLIDA A “CRENÇA EM CORPO CARNAL VIVO”, E ABANDONADA A OBSESSÃO MÓRBIDA PELA CURA DA FILHA!

Jesus deu à humanidade o MEIO DE LIBERTAÇÃO do “hipnotismo de massa”: “NASCER DE NOVO”! CADA UM PERCEBER QUE “CORPO CARNAL” JAMAIS TEVE VIDA OU MORTE, POR SER “AUSÊNCIA DE RECONHECIMENTO DO “TEMPLO DE DEUS ETERNO QUE TEMOS.  “NASCER DE NOVO” SIGNIFICA CADA UM “DESPACHAR AO NADA ORIGINÁRIO” O ILUSÓRIO “CORPO CARNAL”, E SEM PASSAGEM DE VOLTA!

O ERRO COLETIVO QUE SE ESVAI, QUANDO O “REAL CORPO DE LUZ” É VISTO PELA “PELA FÉ NA MENTE DE CRISTO”, QUE É A NOSSA MENTE ÚNICA,  VERDADEIRA, E APTA A VER O QUE DEUS VÊ!

Enquanto a “MIRAGEM TERRENA” nos iludir com suas “imagens hipnóticas”, NÃO NOS VEREMOS NO REINO REAL E ILUMINADO, EM QUE TODOS VIVEM ETERNAMENTE NA “UNIDADE PERFEITA”, DA QUAL “NINGUÉM SAI NEM ENTRA”, POR SER TUDO, E SER “OBRA PERMANENTE DE DEUS”!

 *

 *

O VERBO DIVINO E AS “IMAGENS HIPNÓTICAS”

 

“Levante-se Deus, e sejam dissipados os seus inimigos; fugirão de diante dele os que o odeiam. Como se impele a fumaça, assim tu os impeles; assim como a cera se derrete diante do fogo, assim pereçam os ímpios diante de Deus”. 

Salmos 68: 1-2

 

As revelações absolutas mostram o seu poder quando são

aceitas e postas em prática destemidamente, com fé, determinação, firmeza, e perseverança. O que há de mais importante, sendo a nós revelado, diz respeito à totalidade de Deus, ou seja, DEUS É TUDO! Não foi por mero acaso que João, em seu Evangelho,  logo de início ter declarado que “o Verbo estava com Deus, era Deus, E SEM ELE, NADA DO QUE FOI FEITO SE FEZ”. Em outras palavras, O VERBO, DEUS, É TUDO!

 

“Os verdadeiros adoradores adoram a Deus em ESPÍRITO e em VERDADE”,disse Jesus. Isto significa RECONHECERMOS A DEUS COMO ESPÍRITO E VERDADE, o que nos é requerido RECHAÇAR COMO MENTIRA A SUPOSTA “MATÉRIA”!

 

O Salmo 68 assim registra: “Levante-se Deus, e sejam dissipados os seus inimigos; fugirão de diante dele os que o odeiam. Como se impele a fumaça, assim tu os impeles; assim como a cera se derrete diante do fogo, assim pereçam os ímpios diante de Deus”. O real sentido das Escrituras está em conhecermos que DEUS É TUDO! É desse modo que DEUS É LEVANTADO E SEUS “INIMIGOS” SÃO DISSIPADOS! Unicamente crenças ERRÔNEAS podem aparentar ser “inimigos”, por elas se mostrarem como “imagens hipnóticas” – sem substância, sem realidade e sem poder!

“LEVANTE-SE DEUS!”, diz o Salmo 68, e DEUS NAS ALTURAS SE MOSTRA COMO VERBO ONIPOTENTE, ONIPRESENTE E ONIATIVO! E a Verdade é “trazida à luz” como “dissipação dos aparentes mas irreais inimigos”1

Também os discípulos de Jesus acreditaram em “demônios” sendo “expulsos por eles”, EM NOME DE JESUS”. Entretanto, alegres por isso, foram contar o fato a Jesus, quando foram corrigidos por ele: “Não vos alegreis pela sujeição a vós de espíritos malignos; alegrai-vos por terem VOSSOS NOMES  escritos nos céus!”.

A eles Jesus explicava que “demônios” eram “imagens hupnóticas” atestando a MENTIRA de que DEUS NÃO É TUDO! E a Verdade estava no fato de que A REALIDADE É “UNIDADE PERFEITA”! Todas as supostas “crenças dualistas” da “mente carnal” se projetam como “IMAGENS FALSAS”, assim como “aparentam existir” as “imagens” dos sonhos ou pesadelos: SEM SUBSTÂNCIA E SEM PODER!

Que era Pilatos frente a Jesus? APARÊNCIA! “IMAGEM FALSA”, ILUDINDO PILATOS E O POVO, MAS NÃO A JESUS!

“Que é a Verdade?” – perguntou-lhe Pilatos. Poderia ter-lhe dito o que diz esta postagem: “DEUS É TUDO, E SEM DEUS NADA DO QUE FOI FEITO SE FEZ! NEM MESMO VOCÊ!”

Mas Jesus ficou em silêncio! Sabia que não seria aceita nem entendida a sua resposta!

ACEITE-A VOCÊ! LEVANTE-SE COMO O VERBO QUE VOCÊ É!  

“COMO SE IMPELE A FUMAÇA, ASSIM VOCÊ IMPELE AS CRENÇAS EM SUPOSTOS “MALES OU INIMIGOS”.

ASSIM COMO A CERA SE DERRETE DIANTE DO FOGO, ASSIM PEREÇAM TODAS AS FARSAS DE “ÍMPIOS” DIANTE DE DEUS!

*

“A NINGUÉM CONHEÇAMOS SEGUNDO A CARNE!”

 Se um escafandrista se chamar João e for acostumado a ser sempre visto por  algum grupo de pessoas, cada vez que alguma delas se deparasse com ele, vendo-o com o escafandro, diria para as demais: “Hoje eu vi o João!”. Entretanto, não o teria visto realmente, e sim, visto apenas o seu“escafandro”!

Há tempos, uma oração pelo mundo havia sido planejada para ser feita no alto de um monte, no Japão, por um grupo de adeptos da Seicho-no-ie. O Dr. Masaharu Taniguchi, seu fundador,  se preparara para ir junto. Sabendo disso, um dos presentes disse a ele: “O senhor não precisa ir conosco, pois poderá orar daqui mesmo de baixo, pois, estando idoso, evitaria de ter de encarar a escalada com dificuldade!” Ouvindo isto, o Dr. Taniguchi respondeu: “Você está me dizendo isso porque não está me vendo!”

O “fervoroso adepto” o estava vendo como se fosse um “escafandro de carne e osso”.

Quando Jesus disse: NEGUE-SE A SI MESMO, CASO QUEIRA ME SEGUIR, revelava que NÃO SOMOS UM BONECO DE CARNE E OSSO, MAS SIM, QUE SOMOS O CRISTO ETERNO! Em vista disso, não tem o menor cabimento alguém dizer que ACEITA A DEUS COMO TUDO, MAS ACHANDO NÃO SER DEUS! NÃO TERIA NEGADO A SI MESMO! APENAS SERIA UM “ADEPTO ILUDIDO PELA MENTE CARNAL”!

“O CRISTO É TUDO EM TODOS”, disse Paulo! Aquele que SE NEGA A SI MESMO como “habitante da irreal matéria”, poderá vislumbrar a REALIDADE de já estar em “solo sagrado” e em UNIDADE com todos os demais, MESMO QUE ELES SEQUER DESCONFIEM DE QUE A VERDADE É ESTA!

Assim disse também Paulo: “Daqui por diante, a ninguém conhecemos segundo a carne, e, ainda que também tenhamos conhecido Cristo segundo a carne, contudo, agora, já o não conhecemos deste modo”.

 Sabia que “o conhecedor de Jesus carnal” não entenderia o seu Evangelho SUBJACENTE À MATÉRIA, e não saberia “transcender a ILUSÃO” a ponto de “achar o CRISTO EM SI MESMO”!

A palavra “subjacente” significa o seguinte:

“O que excede os limites NORMAIS. O que transcende a natureza física das coisas”. Por isso, a Metafísica Absoluta explica que SUBJACENTE ÀS APARÊNCIAS ILUSÓRIAS, BRILHA A VERDADE, A TERRA ILUMINADA, E BRILHA A LUZ DIVINA QUE TODOS SOMOS!

*

 

 

“DEITE O VINHO NOVO EM ODRES NOVOS!”

“Não se coloca tampouco vinho novo em odres velhos; do contrário, os odres se rompem, o vinho se derrama e os odres se perdem. Coloca-se, porém, o vinho novo em odres novos, e assim tanto um como outro se conservam”.

Mateus 9: 17

O ENSINAMENTO ABSOLUTO revela, de modo radical e imediato, que DEUS É QUEM VIVE EVIDENCIADO COMO QUEM SOMOS, E QUE DEUS JAMAIS VIVE EM MUNDO MATERIAL, uma vez que Sua Natureza existencial é ESPIRITUAL e IMUTÁVEL.

Toda brecha criada contrária a esta ACEITAÇÃO RADICAL seria, como disse Jesus, colocarmos “VINHO NOVO EM ODRES VELHOS”, fazendo com que as revelações se percam! Se quisermos preservar VELHAS E MENTIROSAS CRENÇAS com a pureza da REVELAÇÃO ABSOLUTA, a mistura não trará bom resultado!

Ao ser absoluto, em suas declarações SOBRE SI MESMO, Jesus não se permitia IDENTIFICAR-SE COM SUPOSTOS “MORTAIS” vistos pela ilusória “mente carnal”. Perguntando quem era ele, a seus discípulos, apenas Pedro declarou a Verdade: “Tu és O CRISTO­ – O FILHO DE DEUS VIVO! E Jesus concordou, dizendo que NÃO LHE VEIO DA CARNE A REVELAÇÃO, MAS SIM DO PAI.

Antes disso, os demais também ousaram responder, mas todos erraram! O sentido dessa parte da passagem é o seguinte:

SOMENTE O PAI EM NÓS PODE NOS DIZER O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS, ou seja, precisamos DESCARTAR TODA OPINIÃO A NOSSO RESPEITO, VINDA DE “CARNAIS ILUDIDOS” OU DE ENSINAMENTOS DE “AUTORES ILUDIDOS”. Estaríamos ouvindo mais MENTIRAS DUALISTAS, E NÃO A VERDADE ABSOLUTA QUE SOMOS!

As associações com a Ciência Mental são bastante úteis, por tirarmos da suposta “mente humana” a possibilidade de nos influenciar com seus “odres velhos”! Com a Ciência Mental, ENDOSSAMOS OS ODRES NOVOS QUE TEMOS, A PARTIR DE NOSSA ADESÃO AOS ENSINAMENTOS ABSOLUTOS, que nos revelam a GRAÇA E A VERDADE, não “doutrinas várias e estranhas”!

Quando afirmamos que LEIS DO CARMA, PECADOS, NASCIMENTOS E MORTES NÃO EXISTEM, ESTAMOS AFIRMANDO QUE “SOMOS DEUSES”, E NENHUMA OUTRA COISA!

Aquele que adere ao enfoque absoluto não mais se associará com “doutrinas várias e estranhas”, dedicando-se a PERMANECER EM MIM, e não mais acreditando nas CRENÇAS FALSAS DO MUNDO! Enquanto isto não for feito, aparentemente viverá como “FILHO PRÓDIGO”, se desgastando numa ILUSÃO DE  VIDA MATERIAL, apenas aguardando chegar-lhe às mãos um “prato de lavagem”, a ser-lhe oferecido como alimento único!

DEUS É TUDO, E NÃO HÁ REALIDADE EM NENHUM “FILHO PRÓDIGO”, A UNIDADE PERFEITA É O REINO PLENO E DIVINO EM QUE TODOS VIVEMOS, DE MODO PERMANENTE E GLORIOSO! PORÉM, PARA QUEM NÃO “PERMANECE EM MIM”, como ALGUÉM EM PESADELO, achará “viver em aparências” e, a ele, o PESADELO chamado “vida terrena” iludirá, e o fará acreditar “ter outra vida particular”, alheio à VERDADE de que UNICAMENTE DEUS É A VIDA DE TODOS!

“Em Deus vivemos, nos movemos e temos o nosso ser”, disse Paulo! A VERDADE É ESTA, E ASSIM SERÁ PERCEBIDA, QUANDO “COLOCARMOS O “VINHO NOVO DAS REVELAÇÕES EM ODRES NOVOS”, OU SEJA, QUANDO A MENTE DE CRISTO FOR RECONHECIDA COMO NOSSA MENTE, E O CRISTO FOR ADMITIDO COMO “O SER QUE SOMOS”!

*

SEJA A VERDADE QUE SEMPRE É, NÃO A MENTIRA QUE NUNCA É!

“Conhecer a Verdade” é SER A VERDADE que TODOS somos! Toda crença, noção ou ideia de que HAJA ALGO, presente em nós ou no Universo, SEM QUE SEJA A VERDADE, é falsidade, ausência da Verdade, ou seja, É ILUSÃO!

DEUS É A VERDADE, e Deus é TUDO! Logo, o que SOMOS é puramente a Verdade, o EU ÚNICO conhecido e revelado por Jesus, ao dizer: “EU SOU O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA”!

Não leve em conta nenhuma suposta “mente em ilusão” que sugere ao mundo “outra existência”, chamada de “mundo material”. JUSTAMENTE  POR SER ELE UMA ILUSÃO DE MASSA, PRECISA SER RECONHECIDO COMO “UM VAZIO JÁ PREENCHIDO PELA VERDADE”, UMA VEZ QUE A ONIPRESENÇA DE DEUS,  COMO LUZ, PERMEIA O UNIVERSO INTEIRO, APARENTEMENTE ENCOBERTO PELAS “NUVENS DA ILUSÃO”.

Jesus foi claro: “O REINO SE FAZ PRESENTE NO MUNDO TODO, EMBORA OS HOMENS NÃO O ENXERGUEM!”

O primeiro passo é trocarmos a FALSA IDENTIFICAÇÃO pela VERDADE PURA! Em outras palavras, TEMOS DE NOS RECONHECER COMO SENDO “O CAMINHO, A VERDADE E A VIDA”, como fez Jesus!  TEMOS QUE REJEITAR “PARENTESCO HUMANO” PARA AFIRMAR, RECONHECER E CONTEMPLAR  A  VERDADE  DE QUE ”SOMOS DEUSES”!

Não há como descrever o ABSURDO QUE É, alguém se “julgar pelas aparências” e se considerar “SER HOMEM, E NÃO SER DEUS”! Para NADA lhe serviriam as revelações nem seus aparentes “estudos da Verdade”!

SE QUER VIR APÓS MIM, NEGUE-SE A SI MESMO, TOME A SUA CRUZ, VENHA E ME SIGA”, DISSE JESUS!

Não esmoreça, cedendo às CRENÇAS MENTIROSAS DA ILUSÓRIA MENTE HUMANA! VIVA A REVELAÇÃO DE QUE “HÁ, EM TODOS NÓS, A MESMA MENTE QUE HOUVE EM CRISTO JESUS”! É NELA QUE DEVEMOS ACREDITAR, CONFIAR E  NOS IDENTIFICAR!

“Aquele que me VÊ A MIM, VÊ O PAI”, disse Jesus”. O “mundo de aparências fúteis” ilude a maioria para “se ver como carnal”, MESMO sendo “algum que se diz estudante da Verdade”! O FATO É QUE DEUS, SENDO TUDO, INCLUI EM SUA TOTALIDADE O CRISTO QUE SOMOS! E É ESTE O FATO ETERNO A SER AGORA RECONHECIDO COMO VÁLIDO, TANTO PARA JESUS COMO PARA NÓS! SOMENTE ENTÃO, ESTAREMOS SENDO A VERDADE!

DE OUTRO MODO,  INFELIZMENTE, “SEM NOS VERMOS “A MIM”, ESTAREMOS APARENTANDO SER UNICAMENTE UMA ILUSÃO TEMPORAL!

*

QUEM ME ENCARREGOU DE SER “REPARTIDOR DE BENS”?

Naquele tempo, alguém, do meio da multidão, disse a Jesus: “Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo”. Jesus respondeu: “Homem, quem me encarregou de julgar ou de dividir vossos bens?” E disse-lhes:“Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens”.

Lucas 12: 13-15

 

Jesus bem conhecia do que estava encarregado por Deus a fazer! Em essência, sua função era derrubar a CRENÇA FALSA em pluralidade, em “mentes várias pessoais”, CAUSA de todos os aparentes conflitos e tribulações que assolam a humanidade!

DEUS É TUDO, A MENTE ÚNICA EM OPERAÇÃO ONIATIVA, QUE GOVERNA EM DIVINA ORDEM TODO O UNIVERSO ESPIRITUAL INFINITO!  

 

A Bíblia assim  diz:“Alguém, do meio da multidão, disse a Jesus:“Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo”. Jesus respondeu: “Homem, quem me encarregou de julgar ou de dividir vossos bens?”  “Ninguém”, seria a resposta! Jesus conhecia a Verdade de que SERIA IMPOSSÍVEL “ALGUÉM REPARTIR O QUE É INDIVISIVELMENTE “UM”! E nesta Verdade se fundamenta TODO O CONHECIMENTO DA VERDADE!

Alguém poderia perguntar: “Mas Jesus não repartiu o pão entre seus discípulos”?  “NÃO” É A RESPOSTA! O PÃO, EM SEU ENTENDIMENTO ILUMINADO, ESTARIA SENDO “UM SÓ CORPO”, MESMO APARENTANDO ESTAR “DIVIDIDO”, REPRESENTANDO A UNIDADE PERFEITA QUE SOMOS TODOS “EM CRISTO”!  

 

A doutrina divina de Jesus revela a TOTALIDADE E A UNIDADE INQUEBRANTÁVEL DE DEUS, de forma que TUDO QUE DEUS É, IGUALMENTE O CRISTO QUE SOMOS É! Por isso Paulo revelou que “EM CRISTO”,  SOMOS TODOS herdeiros de todas as riquezas celestiais”,

Por que parecia existir “um irmão negando a parte da herança cabida ao outro”? POR CAUSA DA CRENÇA EM PARTES, E NÃO EM UNIDADE! EM DEUS, TUDO QUE É DE UM, É DE TODOS! O PAI É INFINITO E EM TODA A UNIDADE O SEU REINO É OFERECIDO A TODOS, “SEJAM JUSTOS OU INJUSTOS”, UMA VEZ QUE DEUS DESCONHECE O SUPOSTO “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”!

SER REPARTIDOR SERIA QUERER NEGAR TODA A VERDADE DA UNIDADE PERFEITA! 

TODA SEPARATIVIDADE RECONHECIDA MENTALMENTE SE MOSTRARÁ COMO “ILUSÃO DE “SEPARATIVIDADE VISÍVEL”, E ISTO PORQUE “O QUE SE VÊ PROCEDE DO QUE NÃO SE VÊ”. Toda CARÊNCIA DE ALGO é prova de que esse ALGO NÃO FOI VISTO SENDO UNO COM ALGUÉM! Assim, aquele que NÃO SE VÊ possuidor de TUDO, por ter ganho O REINO DE DEUS,  fará se projetar uma “sombra fenomênica” carente daquilo que ele próprio NEGOU POSSUIR!

 

Ao dizer  NÃO SER REPARTIDOR, ao irmão que via sua herança  estando com “o outro”,  Jesus explicava SER PROPAGADOR DA VERDADE DA UNIDADE, DA ONIPRESENÇA DIVINA, QUE É AUTOSSUPRIDA DE TUDO, AQUI E AGORA!

 

E  COMPLETOU Jesus, explicando que OS BENS REAIS ESTÃO EM DEUS E NÃO EM “MUNDO ILUSÓRIO”  COM ABUNDÂNCIA DE “SOMBRAS”!

 

*

ESMIUÇANDO A “IMPERSONALIZAÇÃO DO ERRO”

Tanto a Ciência Cristã como O Caminho Infinito expõem a Verdade de que “o erro é impessoal”, forma didática que pode nos facilitar no reconhecimento de que DEUS É TUDO.

Se fecharmos os olhos e pensarmos na expressão “EU SOU”, que sentido daríamos a ela? Buda, utilizando-a, afirmou: “EU SOU O ÚNICO SER ILUMINADO DO UNIVERSO”; Jesus declarou: “EU E O PAI SOMOS UM”. Ambos consideraram a expressão “EU SOU” num sentido absoluto, universal, impessoal e único!

No entanto, no suposto “mundo fenomênico”, a mesma expressão recebe inúmeros significados diferentes e ilusórios, por ser associada com a  FALSA CRENÇA COLETIVA NO BEM E NO MAL. É por esse motivo que sempre ouvimos alguém a dizer: “Eu sou diabético”; “Eu sou nervoso”; “Eu sou ciumento”, e por aí vai! Cada um PERSONALIZA O ERRO, PARA ADOTÁ-LO COMO DE SUA PROPRIEDADE PARTICULAR! Desse modo, a CRENÇA COLETIVA recebe a “adoção de cada um”, ocupando, aparente e erroneamente, o lugar do “EU SOU UNIVERSAL”. A partir disso, passamos a ouvir coisas do tipo:“A MINHA dor de cabeça”, “o MEU reumatismo”, “a MINHA depressão”, ao que Emmet Fox  assim comentou: “Cada um marca o boi que não quer no seu próprio curral”.

O real sentido para “EU SOU”, é quando é entendido como “EU SOU DEUS SENDO TODOS”, como Buda e Jesus entenderam. Portanto, TODOS, SEM EXCEÇÃO, ESTÃO SENDO O MESMO “EU SOU ABSOLUTO”! E quando a alguém aparenta faltar este entendimento, nega ele SER DEUS, por se iludir e PERSONALIZAR A CRENÇA COLETIVA EM SI PRÓPRIO!

COMO DEUS É TUDO, O “EU SOU DIVINO” É O “EU ÚNICO” MANIFESTO COMO FILHO DE DEUS EM TODOS, OU SEJA, O ERRO  JAMAIS PODERIA SER PERSONALIZADO, PARA ALGUÉM SE JULGASSE DONO DELE! FOI NESTE ENTENDIMENTO QUE JESUS “PERDOOU PECADOS” E NÃO “CONDENOU A ADÚLTERA”!

DEUS É O CRISTO PERFEITO E IMACULADO QUE TODOS SOMOS! QUANDO IMPERSONALIZAMOS O ERRO, DEVEMOS PERCEBER EM NÓS MESMOS A LIBERTAÇÃO

  QUE TEMOS EM DEUS, SEM “ERRO NENHUM”  EM NÓS “ENCOSTADO” COMO SE FOSSE PARTE DO SER!

IMPERSONALIZAR, PORTANTO, É RECONHECER QUE “O CRISTO É SEMPRE TUDO EM NÓS”, COMO BEM DISSE PAULO.

*

DESMASCARE TODO  “SENSACIONISMO DA MENTE CARNAL” COM A VERDADE!

É comum alguém dizer que, sem motivo algum, passou a sentir alguma dor, mal-estar ou algum sintoma desagradável, gerados pelo ILUSÓRIO “sensacionismo” da igualmente ilusória “mente carnal”. A última coisa a ser levada em conta será TER MEDO! Para isso, a PRIMEIRA COISA  a ser reconhecida, é a TOTALIDADE DE DEUS! Isto precisa se tornar um hábito, de modo que atue automaticamente, sempre que “sensações discordantes da Verdade” tentem nos iludir!

São diversas as “armas da luz” trazidas pelas mensagens da Verdade, e são disponibilizadas a fim de que todos possam REDUZIR A NADA todo tipo de “sensacionismo ilusório”!

Seguidores da Ciência Cristã assim indagaram a Mary Baker Eddy: “Por que a senhora consegue se proteger do erro, enquanto nós não o conseguimos?” A resposta dela foi: “É porque quando o erro bate à minha porta, eu bato a porta na cada dele, enquanto vocês deixam que ele entre!”

São inúmeras as sugestões sobre “COMO BATER A PORTA NA CARA DO ERRO”, trazidas pelas mensagens da Verdade! Quem as lê com atenção e interesse, forma no subconsciente um “arquivo protetor”, de onde, em toda necessidade, “salta à mente” a Verdade específica requerida em qualquer circunstância.

O passo mais importante é, logo de início,  RECONHECER A TOTALIDADE DE DEUS E A NULIDADE DOS “SENSACIONISMOS”. A partir de então, fluirão naturalmente as ideias e inspirações a serem seguidas!

“Maior é AQUELE que está EM MIM, do que aquele que está no mundo”; “o testemunho de Deus é maior do que o testemunho dos homens”; “Há, EM MIM, a mesma Mente que houve em Cristo Jesus” – citações como estas atuam como “armas da luz”, quando lembradas de imediato para “batermos a porta na cara do erro”!

DEUS É TUDO! Portanto, não há sentido algum em retermos os “sensacionismos” para tentar entender a CAUSA DELES!  ILUSÃO NÃO TEM CAUSA”; PORTANTO, NÃO TEM EFEITOS! 

A VERDADE INALTERÁVEL É QUE SOMOS “OBRAS PERMANENTES DE DEUS”, VIVENDO EM DEUS COM CORPOS GLORIOSOS DE LUZ DIVINA! NÃO HÁ “SENSACIONISMO” QUE ALTERE ESTA VERDADE!

Aparentemente, os “sensacionismos” podem nos sugerir dores, doenças, culpas, desentendimentos, maus julgamentos feitos sobre nós, discussões, enfim, todo tipo de “argumentação

desarmônica!” NÃO CEDA A NENHUM DELES! PELO CONTRÁRIO, AFIRME “ESTAR TUDO EM DIVINA ORDEM”, para que possa “HABITAR NO LUGAR SECRETO DO ALTÍSSIMO”, E “À SOMBRA DA ONIPOTÊNCIA PODER REPOUSAR”!

DEUS REALMENTE,  É TUDO! Portanto, com serenidade, sem medo, sem resistir, rechace todo “sensacionismo” sem pestanejar, para não se permitir ILUDIR OU SE ASSUSTAR COM MERAS “IMAGENS FALSAS” e SUAS APARENTES “SENSAÇÕES HIPNÓTICAS”, QUE, A EXEMPLO DE UM FILME DE TERROR, SÃO PURAMENTE “NADAS”!

*

 

 

NINGUÉM JAMAIS NASCE!

Se a frase de Jesus, “Vós, deste mundo, não sois”, tivesse sido levada às orações, com a pessoa “buscando, em primeiro lugar, o Reino de Deus”,  aprendendo por revelação, com o “Consolador”, o Espírito Santo, presente como o verdadeiro Espírito de cada ser, a crença em “nascimentos” já teria sido debelada! Mas, ainda hoje as “imagens hipnóticas” continuam prevalecendo na maioria dos casos, o que faz com que irrealidades sejam normalmente levadas em conta como “acontecimentos reais e naturais”.

“Ah, mas isso é muito elevado!” – diz a “mente em ILUSÃO! Enquanto esta mente falsa não for “posta para correr”, a Verdade de que Deus é o ser individual que somos, ficará na teoria e não na prática que nos liberta! Paulo disse que esta “mente que vê as coisas do mundo” não nos vem de Deus! A Mente que de Deus nos vem, é a própria Mente divina, a única que tem realidade, e que “discerne espiritualmente as coisas reais, eternas e perfeitas de Deus”.

Ninguém nasce, porque não existe “ser separado de Deus” para ter “começo”. Se esta ilusão não for desmantelada, ficará a pessoa a vida toda se achando “um nascido à espera de renascer”. A Nicodemos, disse Jesus: “Quem não nascer de novo não verá o Reino dos Céus”. Para certas correntes “espiritualistas”, por exemplo, isso foi entendido como “reencarnação”; para  cristãos de muitas denominações, isso foi entendido como “fato ainda por acontecer”; mas, o entendimento pleno é o absoluto:

Jesus explica o REFERENCIAL DIVINO, a Visão do Universo a partir dos fatos permanentes! Você nunca nasceu nem jamais nascerá! Você nunca nasceu de novo nem nascerá! Você nunca esteve na matéria e nem dela sairá! Portanto, quando quiser levar à meditação algum tema essencial, escolha o seguinte: “Se me foi revelado que não sou deste mundo, de que mundo eu sou?” Esta indagação dará uma ajuda inicial, para que você se livre da crença falsa de ter nascido e estar “neste mundo”; a partir desse passo, persista em ficar em silêncio, e deixe Deus Se anunciar como resposta revelada! Assim orava Jesus: em secreto e em comunhão com o Pai ou com a Verdade. Foi assim que, com autoridade, ele disse aos fariseus: “Antes que vosso mestre Abraão existisse, eu sou”. Eles estavam presos à crença em nascimentos e em vivência material, enquanto Jesus estava preso à VERDADE! Ou seja, estava SENDO A VERDADE!

*

 

VIVER O AGORA ESTÁ ALÉM DE TRANSCENDER O TEMPO!

SOMENTE DEUS É REALIDADE; SOMENTE O AGORA DIVINO SE MANIFESTA COMO UNIVERSO CONSUMADO! “NELE VIVEMOS, NOS MOVEMOS E EXISTIMOS!”

O ensinamento absoluto é a Verdade que nos liberta da CRENÇA NO TEMPO, com suas limitações chamadas “passado”, “presente” e “futuro”!  ENQUANTO NÃO NOS LIBERTARMOS DA “CRENÇA NO TEMPO”, NÃO ENTENDEREMOS A IRREALIDADE DOS SUPOSTOS “NASCIMENTOS E MORTES”!

A Verdade, quando vista e revelada entre as “nuvens” da ILUSÃO TEMPORAL, se mostra consumada, iluminada, onipresente e plena! Por isso é identificada como DEUS SENDO TUDO!

Podemos imaginar a dificuldade encontrada por Moisés, Krishna, Buda, Jesus e demais reveladores, para transmitir O QUE JÁ É a uma humanidade piamente convicta de VIVER EM MUNDO DE MUTAÇÕES CONTÍNUAS!

Os livros bíblicos, principalmente Eclesiastes e Apocalipse, nos afirmam que AS OBRAS DIVINAS ESTÃO CONSUMADAS, SEM QUE NADA POSSA DELAS POSSA SER TIRADO OU ACRESCENTADO! Nem assim a humanidade pôde SE LIVRAR DO ILUSÓRIO “MUNDO DOS FENÔMENOS”, chamado de ILUSÃO, “MUNDO DO PAI AS MENTIRA”, MIRAGEM, E TANTAS OUTRAS DENOMINAÇÕES! A ILUSÃO DE “TEMPO” FOI MANTIDA, E, COM ELA, A CRENÇA DE QUE “NÃO SOMOS SERES COMPLETOS E VIVOS DO REINO DE DEUS” continua predominando, sem contar a quantidade de pessoas entendendo que VIVER O AGORA signifique VIVER O MOMENTO PRESENTE DESTE MUNDO HIPNÓTICO!

A libertação real deriva do VIVER O AGORA TRANSCENDENTE AO TEMPO! MAIS DO QUE ISTO! REQUER ACEITAR E RECONHECER QUE O AGORA É TUDO, E QUE O TEMPO É NADA! TUDO ESTÁ FEITO! PARA QUÊ EXISTIRIA “TEMPO”? PARA NADA! Não passa de fruto ilusório da “mente carnal”, que, com ele , APARENTA OCULTAR O AGORA PLENO E PERMANENTE EM QUE VIVEMOS COMO DEUSES!

Sem este conhecimento absoluto, as doutrinas iluminadas sequer são entendidas, o que, em muitos casos, faz com que as revelações sejam rebaixadas a um nível possível de serem entendidas pelo mundo. Seriam adequação a supostos “graus de evolução”? Não, mas muitos foram os autores que cederam a esta arapuca da “mente carnal”. Aceitaram a dualidade REINO DE DEUS E MUNDO MATERIAL, para, depois, se escravizarem ao errôneo “juízo pelas aparências”!

JESUS NÃO CEDEU A ESTA ILUSÃO! REVELOU ESTARMOS TODOS COM ELE “DESDE O PRINCÍPIO”,  SEMPRE NO “AGORA DE DEUS”,  PERFEITOS E ILUMINADOS COM A LUZ DE DEUS, SEM JAMAIS TERMOS TIDO PAIS NA TERRA, QUE SABIA SER TOTALMENTE ILUSÓRIA!

O FOCO do ensinamento absoluto parte de DEUS SENDO TUDO, do “AGORA” SENDO  O “TUDO CONSUMADO”, COM TODOS NÓS  SENDO O CRISTO, FORMANDO ESTA REALIDADE ONIPRESENTE!

ESTA ACEITAÇÃO É A VIDA PELA GRAÇA E PELA VERDADE! ALHEIA À ILUSÃO DE TEMPO E CONVICTA DE UNICAMENTE EXISTIR O “AGORA”  EM QUE DEUS É TUDO!  UNIDADE PERFEITA, EM QUE O PAI,  E CADA UM DE NÓS, SÃO UM! E O MESMO!

*

A VERDADE ABSOLUTA SOBRE O SEU CORPO!

A Bíblia diz que “o último inimigo a ser vencido é a morte”. Quando entramos em contato com o ensinamento absoluto, entramos em contato com a Verdade de que UNICAMENTE DEUS É REALIDADE VIVA, e que, em vista disso, SOMOS O QUE DEUS É, A VIDA DE DEUS, SEM QUAISQUER INIMIGOS!

A “crença em inimigos” é apenas uma faceta do “hipnotismo de massa”,  a aceitação de que DEUS NÃO SEJA TUDO! E ESTE É O FATO A SER PERCEBIDO, sem que jamais percamos tempo com irrealidades ou dualidades! Toda suposta “ameaça contra alguém” não passa de  aparente “preocupação consigo mesmo”! Só aparente, por ser identificação com um corpo ilusório, “corpo feito de nadas”, chamado “corpo carnal” ou “corpo nascido”.

DEUS É TUDO, razão pela qual Jesus disse para que não temêssemos os que “matam o corpo”. Sabia e dizia que “a carne para nada se aproveita”. SABIA QUE TUDO É DEUS, QUE TUDO É ESPÍRITO!

Circula pelo mundo uma CRENÇA COLETIVA de que “o suposto corpo carnal é criado pelo Espírito”; porém, isto é mera CRENÇA INFUNDADA, que desmente a revelação

 de que AS OBRAS DE DEUS DURAM PERPETUAMENTE! Quem “cria” a “sombra do corpo”? NINGUÉM! É “SOMBRA” SEM CRIADOR E SEM SUBSTÂNCIA! O MESMO VALE PARA O SUPOSTO”CORPO DE MATÉRIA”! NÃO É VERBO DIVINO, E, PORTANTO, NÃO PASSA DE “SOMBRA”!

“Não sabeis que SOIS O TEMPLO DE DEUS, e que o Espírito de Deus habita em vós?” – indagava Paulo. Conhecia a Verdade de que SOMENTE DEUS EXISTE, e que o ESPÍRITO divino é o que dá EXPRESSÃO e FORMA ILUMINADA A SI MESMO como “TEMPLO DE DEUS”, jamais como “corpo carnal”.

“Se TEUS OLHOS forem bons, TODO O TEU CORPO SERÁ PLENO DE LUZ”, disse Jesus. Conhecia a Verdade de que “corpo nascido” é mera “sombra sem vida”, razão pela qual chamava de MORTOS àqueles que se veem “sendo corpos materiais”!

Se uma cobra que soltasse sua casca ficasse invisível, aos olhos humanos, todos diriam que “a cobra teria entrado em óbito”.

Jamais a cobra estaria sendo a casca ou vivendo em mundo material! DEUS É TUDO, E A OBRA DIVINA INCLUI TUDO E TODOS NO ESPÍRITO DIVINO!

Lamentavelmente, a humanidade não deu a atenção devida às REVELAÇÕES trazidas em todos os tempos! Mas aqueles que as receberem para nelas viverem, saberão que SÃO IMORTAIS, dotados de um CORPO DE LUZ ETERNO, que expressa unicamente O QUE DEUS É, ou seja, EXPRESSA A PERFEIÇÃO ABSOLUTA!

ESTE CORPO É O “TEMPLO GLORIOSO DE DEUS”, e é o que constitui o SEU CORPO, AQUI E AGORA!

“Glorificai a Deus no VOSSO CORPO e no VOSSO ESPÍRITO, os quais PERTENCEM A DEUS!” PERTENCEM AO DEUS QUE ESTÁ SENDO VOCÊ!

*

 

“TENHO AINDA MUITO QUE VOS DIZER, MAS NÃO O PODEIS SUPORTAR AGORA!”

“Tenho ainda muito que vos dizer, mas não o podeis suportar agora; quando vier, porém, aquele Espírito de Verdade, ele vos guiará a toda a verdade”.

João, 16:12-13.

Diante da revelação absoluta de que DEUS É TUDO, TUDO É DEUS, toda aceitação de algo além de Deus não passa de “crença falsa se fazendo passar por realidade”. Crença falsa, assim como a mentira, somente “vira nada” diante da Verdade convictamente reconhecida em seu lugar! A “Chave de Ouro”, de Emmet Fox, é um meio prático de trocarmos as falsidades pelas realidades eternas! Diz o seguinte:

“Deixe de pensar no problema para pensar em Deus estando no lugar do problema”. E isto é exatamente o que foi dito sobre uma crença falsa! Enquanto for aceita, a VERDADE aparentará estar ausente!

A própria humanidade é uma CRENÇA FALSA, aceita em massa em lugar da CRISTICIDADE! Jesus disse aos discípulos:

“Tenho ainda muito que vos dizer, mas não o podeis suportar agora; quando vier, porém, aquele Espírito de Verdade, ele vos guiará a toda a verdade”.

  Este “não podeis suportar agora” significa estarem os discípulos convictos de que a falsa crença na matéria fosse realidade! DEUS É ESPÍRITO, É TUDO, E É QUEM TODOS SOMOS!
A ILUSÃO de materialidade leva a maioria a mais se interessar por CURAR MATÉRIA do que por RECONHECER QUE A MATÉRIA NÃO EXISTE! Por isso, Jesus não demonstrava euforia nenhuma vendo a multidão maravilhada apenas por ver “sinais materiais”! “Geração perversa e sem fé; sempre em busca de sinais!”, dizia ele.

ERGUER A VISÃO À TOTALIDADE DE DEUS E À PERMANÊNCIA DA PERFEIÇÃO ONIPRESENTE DO REINO DIVINO NÃO PARECIA MARAVILHAR A NINGUÉM!
A Verdade somente ficará conhecida quando a CRENÇA FALSA NA MATÉRIA FOR TROCADA PELA CONVICÇÃO DA VERDADE DE QUE DEUS É TUDO!

Cada reconhecimento desta Verdade revelará sua veracidade, e isto na proporção com que A CRENÇA FALSA for sendo enfraquecida até ser banida de modo definitivo.

A VERDADE É QUE DEUS É QUEM SOMOS! POR ESSE MOTIVO, ALÉM DE A CRENÇA NA MATÉRIA SER DESMANTELADA, TAMBÉM A CRENÇA GÊMEA, DE EVOLUÇÃO OU DE “ESTÁGIOS DE CONSCIÊNCIA”, TERÁ QUE SER EXPULSA!

REPETINDO, DEUS É QUEM SOMOS! PORTANTO, A EXPULSÃO DE CRENÇAS FALSAS NÃO ALTERA EM NADA A CONSCIÊNCIA DIVINA QUE SOMOS, para que entendêssemos “estarmos nos elevando” ou “evoluindo”, como dizem as “doutrinas várias e estranhas”! Alimentar estas CRENÇAS seria acreditar que UM DIAMANTE ESTARIA SE ALTERANDO, QUANDO A TERRA A ELE GRUDADA FOSSE EXPULSA E FICASSE ELE LIMPO E LAPIDADO!
DEUS É TUDO E DEUS É QUEM SOMOS, AQUI E AGORA! ESTA ACEITAÇÃO ESTÁ À ESPERA DOS QUE “SUPORTEM ADOTÁ-LA E VIVENCIÁ-LA”!

E CONSTITUI O FOCO DO ENSINAMENTO ABSOLUTO!

*

“NINGUÉM VEM A MIM, SE O PAI NÃO O TROUXER!”

“Não murmureis entre vós. Ninguém pode vir a mim a menos que o Pai, o qual me enviou, o atrair; e Eu o ressuscitarei no último dia”.

João 6: 44

A abertura espiritual procede de uma Revelação de Deus, dentro de cada um. Quando alguém lê e concorda com um princípio espiritual, é comum achar que foi a leitura ou um autor  que o motivou a se espiritualizar . Entretanto, na verdade, já lhe teria ocorrido, dentro de si \próprio, o revelar divino que, como “sombra”, lhe veio a surgir como se fosse fato deste mundo. Livros, autores, palestras e demais acontecimentos exteriores somente atestam seu “renascimento interior”. Por esse motivo, não são bem-sucedidos os anseios gerados externamente para tentarmos forçar alguém a entender e aceitar os ensinamentos! Eles podem ser apresentados e expostos; mas

serão aceitos e abraçados somente quando internamente houver ocorrido uma unção interna equivalente!

 Nesse sentido, assim disse Jesus:Ninguém pode vir a mim a menos que o Pai, o qual me enviou, o atrair; e Eu o ressuscitarei no último dia”.

Todo aparente intercâmbio de ideias espirituais é natural,válido e útil, quando decorre na vida naturalmente, sem que se pretenda forçar qualquer imposição ao próximo. Palavras e ideias são sementes, e, as boas, a seu tempo germinarão e trarão seus frutos!

Huberto Rhoden disse o seguinte:

“Quem é proclamado bem-aventurado feliz?  Quem é chamado Filho de Deus? Quem é que verá a Deus? De quem é o reino dos céus? Será de algum crente no dogma A, B ou C? Será o adepto da teologia desta ou daquela igreja ou seita? Será  o partidário de um determinado credo eclesiástico? Nem vestígio disto!

Os homens bem-aventurados, os cidadãos do reino dos céus, são os “pobres pelo espírito”,  são os “puros de coração”, são os “mansos”, os que são “pacificadores”, são os “misericordiosos”, “os que choram”, são os que “sofrem perseguição  por causa da justiça”, são os que “amam aos que os odeiam” e “fazem bem aos que lhes fazem mal”. No dia em que a cristandade resolver aposentar as suas teologias humanas e proclamar a divina sabedoria do “sermão da montanha” como credo único e universal, acabarão todas as dissensões, guerras de religião e excomunhão de hereges e dissidentes. Isto, naturalmente, supõe que este esse documento máximo da humanidade, como Gandhi lhe chama, seja experiencialmente vivido, e não apenas intelectualmente analisado”.

O fundamental é entendermos que VIVEMOS PERFEITOS NA ONIAÇÃO DIVINA! Este é o FOCO, e é o significado ABSOLUTO de irmos ao Pai, que nos faz perceber nossa “VIDA NELE MESMO”, “EM MIM”, como Oniação, Perfeição, Unidade e Eternidade!

É dessa forma que, aparentemente, expressamos em nosso “agir pelo não agir”, a “vida sombra” que  reflete, aos olhos  do mundo, a VIDA REAL QUE EM DEUS VIVEMOS!

*

ACEITE AGORA UNICAMENTE O SEU CORPO GLORIOSO ETERNO!

A grande maioria, movida pelas “crenças coletivas”, não sabe como lidar com as revelações espirituais de outra maneira, ou seja, como algo sempre presente, atemporal e imutável. Isto vem do costume de somente saber lidar com as “aparências”, que são mutáveis, temporais e efêmeras. Este hábito leva as pessoas a entender as revelações como “algo para o futuro”, o que as fazem endossar o “presente ilusório” que DEUS DESCONHECE, por ser unicamente um “sonho mortal” que se altera a cada segundo do tempo de sua aceitação.

Um viver nesta inconstância, que é visto como lógico e irrefutável, faz a pessoa negar o que é real para ela exatamente AGORA! A Bíblia, quando fala em “Corpo Glorioso”, fala do Corpo que é o nosso AGORA! Jesus, quando disse que “com olhos bons” o Corpo seria visto iluminado, estava falando do Corpo que temos AGORA! E quem entender este aspecto do estudo da Verdade, que é CONTEMPLAR TODA A VERDADE COMO SENDO AGORA A VERDADE QUE SOMOS, dará sumiço às “crenças ridículas” que aprisionam a humanidade de uma forma puramente hipnótica, uma vez que não passam de “crenças falsas”. Por isso Jesus sempre falava aos supostos “curados”: “A tua fé te salvou!” Não haviam sofrido alterações! Estavam e continuaram estando com o IMUTÁVEL CORPO GLORIOSO! Por quê as “aparências” foram de cura? PELA FÉ, DISSE JESUS! “Aparências” são “crenças” aparecendo como “imagens”!

A Ciência divina trata a fé como Lei conhecida”! VOCÊ TEM UM CORPO GLORIOSO, AGORA! ALÉM DISSO, VOCÊ NÃO TEM UM CORPO NASCIDO!  Sem “corpo nascido”, inexistem “doenças”! Em outras palavras, a “crença em doenças” é efeito da “crença em corpo nascido”!

Faça já a “contemplação” de seu único e eterno Corpo! Formado do próprio Verbo divino e mantido perfeito permanentemente pela Oniação! Nunca houve “dois corpos”! Sempre houve e há um só Corpo, que é GLORIOSO! E  há uma ILUSÃO A SER VISTA COMO NADA!

Faça, AGORA, o reconhecimento contemplativo destas Verdades! “TUDO ESTÁ FEITO”! O CORPO ESTÁ FEITO! É O “TEMPLO” DO DEUS QUE VOCÊ É!

*

HÁ UM “EU PERFEITO” SENDO ETERNAMENTE VOCÊ!

“Vinde A MIM, vós que estais cansados e  oprimidos, e EU vos aliviarei” – disse Jesus. Este convite libertador foi feito também por Krishna, Buda, Isaías, Jesus, e tantos outros; porém, por ter sido encarado erroneamente, como significando “ir pessoalmente ao seu revelador”,  deixou de cumprir o seu propósito de realmente aliviar a humanidade de suas malditas crenças de dualismo hipnótico!

“VIR A MIM” SIGNIFICA “VIR AO EU ÚNICO”, AO “ABSOLUTO”, AO “EU SOU” MANIFESTO COMO CADA SER VIVO! “VIR A MIM” SIGNIFICA DESPREZAR E ERRADICAR AS CRENÇAS DE DUALIDADE!

“VIR A MIM” SIGNIFICA  CADA UM PERCEBER QUE HÁ UM “EU SOU INFINITO E PERFEITO” SENDO SUA ÚNICA IDENTIDADE, SENDO DEUS, E SENDO SEM COMEÇO, MUDANÇA OU FIM!

Quando a Bíblia declara que “A GRAÇA E A VERDADE VIERAM POR JESUS CRISTO”, o apóstolo PAULO aproveitou para prevenir ao mundo que “AS DOUTRINAS VÁRIAS E ESTRANHAS” teriam que ser deixadas! Por quê? Não apresentavam o FOCO MONISTA “VINDE A MIM”! E então, por todos permanecerem “NÃO EM MIM”, mas na dualidade, também Jesus foi sendo entendido como ALGUÉM APARTADO DO POVO, quando, na verdade, sua pregação era fundamentada na UNIDADE PERFEITA,  formada por DEUS, por ELE, e por TODOS NÓS!

Dei-lhes a glória para SEREM TODOS UM, ó Pai, assim como NÓS SOMOS UM, PERFEITOS EM UNIDADE!” – assim orava Jesus.

Nesta visão sem dualidade, Jesus via a si mesmo exatamente como veria a qualquer de nós: NÃO COMO APARÊNCIAS FENOMÊNICAS, MAS COMO LUZ DO MUNDO, COMO DEUSES E COMO PERFEITOS NA UNIDADE! EM OUTRAS PALAVRAS, SEU EVANGELHO PREGAVA A TOTALIDADE E UNICIDADE DE DEUS!

“DAR-NOS A GLÓRIA PARA SERMOS UM” SIGNIFICA PASSAR-NOS A VERDADE SOBRE QUEM REALMENTE SEMPRE FOMOS, SOMOS E SEREMOS: O CRISTO, JAMAIS POSTOS EM MUNDO DE MANJEDOURAS OU DE CRUZES DA IRREAL OU ILUSÓRIA CRENÇA DUALISTA! Também Paulo, ao declarar que “O CRISTO É TUDO EM TODOS”, PASSAVA AO MUNDO QUE SOMOS UMA “UNIDADE DIVINA PERFEITA”!

 

Não há Satanás nem “algo maligno” na UNIDADE PERFEITA! Há unicamente DEUS sendo tudo e sendo PERFEIÇÃO INCÓLUME OU PERMANENTE! Por isso, o Evangelho da Verdade e da Graça não acredita em doenças nem em suas  supostas curas! Faz DIRETAMENTE o convite “VINDE A MIM”, PARA QUE CADA UM SE DESVINCULE DO “BEM E MAL” DAS APARÊNCIAS PARA RECONHECER A GRANDIOSA VERDADE RECONHECIDA POR JESUS:

“AQUELE QUE ME VÊ A MIM, VÊ O PAI!”

*

 

 

 

 

 

“NENHUM DOS CONVIDADOS PROVARÁ DO MEU BANQUETE”

Por que Jesus tanto enfatizou,  de toda forma possível, que O REINO DE DEUS NOS É CHEGADO, e nos está próximo como TESOURO OCULTO EM NÓS PRÓPRIOS? Por que determinou que NÓS O BUSCÁSSEMOS EM PRIMEIRO LUGAR?

Se a humanidade tivesse pesquisado e se dedicado ao assunto, por certo já teria descoberto as respostas! E teria conhecido por experiência a Verdade apontada por Paulo: “EM DEUS VIVEMOS, NOS MOVEMOS E TEMOS O NOSSO SER”!

Aceitar, reconhecer e vivenciar esta Verdade a levaria a perceber que O SUPOSTO MUNDO DO PAI DA MENTIRA É PURA ILUSÃO, UMA “MIRAGEM” COLETIVAMENTE ACEITA E SE FAZENDO PASSAR POR REALIDADE!

Recebemos, DESDE SEMPRE, OU “DESDE O PRINCÍPIO”, como disse Jesus, O REINO DIVINO A NÓS DADO “COM AGRADO PELO PAI”! Estaria realmente oculto? NÃO! Pelo contrário! VIVEMOS NELE, NOS MOVEMOS NELE, E TEMOS O NOSSO SER NELE! Isto é o que nos diz a revelação de Paulo! Há “alguém” aceitando, afirmando e contemplando esta Verdade? Dentre bilhões de supostos “carnais”, poucos conhecem o assunto a ponto de se interessar por ele como deveria! A “Parábola do Grande Banquete”, deixada por Jesus, explica este desinteresse pela Verdade, enquanto a maioria se  vê “muito ocupada”, inteiramente absorvida pelo “mundo ilusório da matéria”.

Assim Jesus disse:

“Certo homem estava preparando um grande banquete e convidou muitas pessoas. Na hora de começar, enviou seu servo para dizer aos que haviam sido convidados: ‘Venham, pois tudo já está pronto’. Mas eles começaram, um por um, a apresentar desculpas. O primeiro disse: ‘Acabei de comprar uma propriedade, e preciso ir vê-la. Por favor, desculpe-me’. Outro disse: ‘Acabei de comprar cinco juntas de bois e estou indo experimentá-las. Por favor, desculpe-me’. Ainda outro disse: ‘Acabo de me casar, por isso não posso ir’. “O servo voltou e relatou isso ao seu senhor. Então o dono da casa irou-se e ordenou ao seu servo: ‘Vá rapidamente para as ruas e becos da cidade e traga os pobres, os aleijados, os cegos e os mancos’. Disse o servo: ‘O que o senhor ordenou foi feito, e ainda há lugar’. Então o senhor disse ao servo: ‘Vá pelos caminhos e valados e obrigue-os a entrar, para que a minha casa fique cheia.  Eu lhes digo: nenhum daqueles que foram convidados provará do meu banquete” (Lucas 14; 16=24).’ “.

Bastaria um simples lampejo da Verdade, e sumiria COMPLETAMENTE DE PERCEPÇÃO o suposto “eu carnal” com o seu irreal “mundo de matéria”!

O “Banquete”, na parábola de Jesus, representa O REINO DE DEUS COM  CADA UM DE NÓS SENDO DEUS EM SEU REINO!

Por que NENHUM DOS CONVIDADOS O PROVARIA? POR ENDOSSAR A ILUSÃO, POR SE APEGAR ÀS “DOUTRINAS VÁRIAS E ESTRANHAS” QUE OS ILUDEM COM A IRREAL “VIDA MATERIAL”,  SEUS PRAZERES E DORES!

Na “Prática do Silêncio”, ACEITE O CONVITE AO “BANQUETE”! FAÇA-O “EM PRIMEIRO LUGAR”, PERCEBENDO QUE DEUS É TUDO, QUE É “ESPÍRITO ONIPRESENTE”, E QUE, PORTANTO, QUE É O SEU PRÓPRIO ESPÍRITO!

DESSE MODO, ESTARÁ PROVANDO DO “BANQUETE DIVINO” OFERECIDO POR DEUS!

*

“QUEM NÃO É CONTRA NÓS, É POR NÓS!”


“Mestre”, disse João, “vimos um homem expulsando demônios em teu nome e procuramos impedi-lo, porque ele não era um dos nossos”.“Não o impeçam”, disse Jesus.”Ninguém que faça um milagre em meu nome, pode falar mal de mim logo em seguida,

pois quem não é contra nós está a nosso favor.

Marcos 9: 38

O suposto “mundo fenomênico” se apresenta como lotado de religiões e denominações religiosas, com cada uma dizendo propagar a doutrina de Jesus. Entretanto, todas elas encerram crenças errôneas, limitantes, sem enfatizarem que “somos deuses” e não seres mortais, pecadores ou passíveis de serem melhorados! Além disso, não apresentam nem um pouco a qualidade de magnanimidade, que Jesus tinha e de sobra! Invejam umas das outras de forma infantil, como, por exemplo, ao se mostrarem preocupadas com o crescimento de outra denominação, como se Deus e Jesus não fossem os mesmos levados em conta pelas demais.

O fruto disso se reflete nos supostos seguidores, que se mostram apegados às crenças religiosas sem poderem se apegar ao que disse Jesus! Não são ensinados! Exemplo disso é alguém dizer que acredita que Deus é TUDO, porém, sem admitir que ELE PRÓPRIO É DEUS! Não há contradição mais absurda e nefasta do que esta! Mas é aceita com naturalidade pelas congregações, porque não são ensinadas as reais colocações deixadas por Jesus. Pelo contrário, aceitam que O VERBO DIVINO, sendo Jesus, é DIFERENTE DO VERBO DIVINO MANIFESTO COMO TODOS NÓS!

O apego a denominações e à idolatria referente a Jesus faz com que a disseminação da Verdade SEM CRENÇAS chegue a se mostrar comprometida!  Um exemplo disso é o seguinte: ao explicar a um cristão ortodoxo o que disse Paulo, “Jesus Cristo está em vós” (2 Cor. 13:5), e que a hóstia somente representa esta Verdade permanente, assim ouvi de resposta: “Ah! Só sei que me sinto muito bem, ao colocar a hóstia na boca!”. Não percebe a NEGAÇÃO DO CRISTO EM SI MESMO COMO FATO CONSTANTE! E Jesus deixou bem claro: “ESTIVESTES COMIGO DESDE O PRINCÍPIO!”. E Paulo ainda chamou de REPROVADOS, àqueles que NEGAM este FATO PERENE!

Outro exemplo foi visto pela TV, numa notícia dizendo que o Vaticano estava programando a visita do papa ao Brasil, e pelo seguinte motivo: estava muito preocupado com o crescimento do número de evangélicos! Se Jesus escutasse, iria a Roma dar boas chibatadas!

 

Jesus jamais disse ser “pessoa”, e muito menos, “pessoa divina a ser adorada”! Pregou a nossa PRESENÇA  sendo FORMADORA DA ONIPRESENÇA DO PAI Pregou que somos uma UNIDADE PERFEITA! Sua magnanimidade era fundamentada nesta Verdade da totalidade e unicidade de Deus!

E  FOI NESTA ILUMINADA VISÃO IMPESSOAL, QUE ELE DECLAROU:

“QUEM NÃO É CONTRA NÓS, É POR NÓS!”

*

PERCEBA-SE “CRESCIDO EM SABEDORIA” DIANTE DE DEUS E DOS HOMENS!

“Jesus ia crescendo em sabedoria, estatura e graça diante de Deus e dos homens”.

Lucas 2: 52

Jesus assim disse: “Se permanecerdes em MIM, conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”. A Bíblia diz que inclusive ele foi crescendo em sabedoria e graça “diante de Deus e dos homens”. Cada um de nós terá de fazer a mesma coisa, entendendo que “crescer em sabedoria e graça diante de Deus” significa RECONHECER A DEUS COMO “AQUELE QUE SOMOS”, NOSSA “UNIDADE ESSENCIAL COM ELE”! E entendendo que “crescer em sabedoria diante dos homens” é um “desaprendizado”, e nunca “aprendizado”.

A humanidade, aparentemente, se mostra saturada com a “sabedoria da serpente”, que lhe apresenta uma “maldição em forma de mundo”, chamada  “vida material”. Porém, unicamente DEUS É VIDA, onipresente, perfeita e oniativa, o que significa que EU, VOCÊ, OU QUALQUER SER VIVO, é unicamente DEUS! É unicamente ESPÍRITO, ETERNIDADE E VERDADE!

A ilusão apresenta Jesus como Mestre, e uma humanidade ignorante da Verdade,  destinada a “vir a conhecer a Verdade”. O enfoque absoluto parte de DEUS SENDO VIDA ÚNICA, ONIPRESENTE E DE SABEDORIA INFINITA!

Que disse Jesus? “Se quer vir após mim, NEGUE-SE A SI MESMO e me siga!” Para isso, cada um deverá estar “CRESCIDO EM SABEDORIA E GLÓRIA DIANTE DE DEUS E DOS HOMENS”!

SABEDORIA NÃO É CULTURA! SABEDORIA É CONHECIMENTO E PRÁTICA DA VERDADE, É SER A ETERNIDADE, É SER A VERDADE|

Segundo a “crença hipnótica”, cada ser é um “boneco de carne e osso” , com vida temporal, nascido de mortais, e sujeito às crenças do bem e do mal. TUDO ISSO É ILUSÃO! Portanto, DESAPRENDER AS MENTIRAS SIGNIFICA “CRESCER EM SABEDORIA E GRAÇA DIANTE DE DEUS E DOS HOMENS”! ASSIM, A VERDADE É RECONHECIDA, E O “MUNDO DO PAI DA MENTIRA” É DESCARTADO!

Portanto, unicamente DEUS E A ONISCIÊNCIA DE DEUS ficam sendo reconhecidos, e é este o sentido de “PERMANECER EM MIM”!

Aquele que, aparentemente, ACREDITA SER UM “EU CARNAL DO MUNDO”, TOMA EM VÃO O NOME DE DEUS, ASSOCIANDO A VERDADE COM A MENTIRA, E ASSOCIANDO A ETERNIDADE COM MORTALIDADE!

HABITUE-SE A SER A ETERNIDADE E A VERDADE! ESTA É SUA REAL NATUREZA CONCEBIDA POR DEUS, “DESDE O PRINCÍPIO”!

Não há VIDA nem SABEDORIA na irreal “matéria”! Portanto, PERMANEÇA NO “EU SOU INFINITO”, descarte a ILUSÃO chamada “boneco de cabeça, tronco e membros”, para SER A ETERNIDADE E A VERDADE, repetindo SOBRE SI PRÓPRIO o que declarou Jesus: “EU E O PAI SOMOS UM, MAS O PAI É MAIOR DO QUE EU”. Em que sentido? No sentido de SER A TOTALIDADE DO CRISTO QUE VOCÊ É, E TAMBÉM SER A TOTALIDADE DO CRISTO QUE TODOS SÃO!

NESTA PERCEPÇÃO, VOCÊ ESTARÁ “CRESCIDO EM SABEDORIA E GLÓRIA DIANTE DE DEUS E DOS HOMENS”, EXATAMENTE COMO JESUS!

*

O SENTIDO DA PALAVRA “ILUSÃO” NO ESTUDO DA VERDADE

Devido às falsas “crenças coletivas”, a humanidade deixa de “ter a vida plena com abundância” a que se referiu Jesus, ao explicar sua vinda com o propósito de desmantelar a ILUSÃO de suposta “vida na matéria”.

“É CHEGADO O REINO DE DEUS; BUSCAI-O EM PRIMEIRO LUGAR!”

A doutrina trazida por Jesus revela a REALIDADE DE ESTARMOS EM DEUS, E A ILUSÃO DE ESTARMOS ENCARNADOS!

Perceber o que é REAL e o que é ILUSÃO, é CONHECER A VERDADE e se libertar

 da ILUSÃO. As multidões se maravilhavam, diante das “curas” realizadas por Jesus. TODOS ACREDITAVAM PIAMENTE NOS MALES, DOENÇAS E IMPERFEIÇÕES, “VISTOS” PELA ILUSÓRIA MENTE HUMANA! MENOS JESUS! APENAS RECONHECIA A REALIDADE E DESCARTAVA A ILUSÃO! Sabia ser o “mundo” um “mundo do pai da mentira”, e o povo, aberto à sua visão divina e iluminada, constatava o sumiço da ILUSÃO.

Certo jornal assim dizia: “Projetaram-se imagens holográficas de pessoas num auditório, como se elas fossem seres reais na plateia, e aqueles que iam chegando, crendo que os assentos estivessem realmente ocupados, pediam licença para passar, procurando alcançar as poltronas seguintes, que viam como estando “vazias”.

TODAS AS POLTRONAS ESTAVAM DESOCUPADAS, MAS SOMENTE OS QUE SABIAM DA “PROJEÇÃO HOLOGRÁFICA” CONHECIAM ESTA VERDADE!

Não existe “corpo nascido” nem “corpo enterrado” ou “cremado”! SÃO ILUSÃO, TANTO QUANTO  AS “PESSOAS OCUPANTES DAS POLTRONAS”! Por isso, o enfoque absoluto da Verdade revela que UNICAMENTE DEUS É REALIDADE, ENQUANTO O SUPOSTO “MUNDO MATERIAL” NÃO PASSA DE “PROJEÇÃO HOLOGRÁFICA”, ILUSÃO, PURÍSSIMO “NADA”!

A Seicho-no-ie assim explica: SUPOR EXISTENTE O QUE É INEXISTENTE, NISTO CONSISTE A ILUSÃO”. No entanto, estas VERDADES REQUEREM SER POSTAS NA PRÁTICA! Para isso, devemos SUPOR EXISTENTE unicamente DEUS! E SUPOR INEXISTENTE o suposto “mundo material”, com todos os seus males, problemas e defeitos!

Não há qualquer sentido  em alguém dizer: “Eu sei que em DEUS eu sou perfeito; mas, na ILUSÃO, estou abarrotado de problemas!”. POR QUÊ? POR ESTAR CRENDO EM “POLTRONAS OCUPADAS”, QUE SÃO VISTAS COMO “IMAGENS HOLOGRÁFICAS”, MESMO ESTANDO VAZIAS!

VOCÊ É DEUS SENDO O CRISTO ETERNO QUE É! TODA “APARÊNCIA” DE “CORPO MATERIAL” OU  DE “MUNDO MATERIAL” É “VAZIA”! PORTANTO, DEDIQUE-SE A RECONHECER ESTA VERDADE, EM VEZ DE “SUPOR EXISTENTE O QUE É INEXISTENTE”!

“EU, PARA ISTO VIM AO MUNDO, PARA QUE OS QUE VEEM SEJAM CEGOS, E PARA QUE OS QUE NÃO VEEM VEJAM!”

JESUS ESTAVA PREGANDO SERMOS CEGOS PARA A ILUSÃO, PARA VERMOS A VERDADE! SERMOS CEGOS PARA A IRREAL MATÉRIA, PARA ENXERGARMOS A TOTALIDADE DE DEUS!

 

*