“NINGUÉM VEM A MIM, SE O PAI NÃO O TROUXER!”

“Não murmureis entre vós. Ninguém pode vir a mim a menos que o Pai, o qual me enviou, o atrair; e Eu o ressuscitarei no último dia”.

João 6: 44

A abertura espiritual procede de uma Revelação de Deus, dentro de cada um. Quando alguém lê e concorda com um princípio espiritual, é comum achar que foi a leitura ou um autor  que o motivou a se espiritualizar . Entretanto, na verdade, já lhe teria ocorrido, dentro de si \próprio, o revelar divino que, como “sombra”, lhe veio a surgir como se fosse fato deste mundo. Livros, autores, palestras e demais acontecimentos exteriores somente atestam seu “renascimento interior”. Por esse motivo, não são bem-sucedidos os anseios gerados externamente para tentarmos forçar alguém a entender e aceitar os ensinamentos! Eles podem ser apresentados e expostos; mas

serão aceitos e abraçados somente quando internamente houver ocorrido uma unção interna equivalente!

 Nesse sentido, assim disse Jesus:Ninguém pode vir a mim a menos que o Pai, o qual me enviou, o atrair; e Eu o ressuscitarei no último dia”.

Todo aparente intercâmbio de ideias espirituais é natural,válido e útil, quando decorre na vida naturalmente, sem que se pretenda forçar qualquer imposição ao próximo. Palavras e ideias são sementes, e, as boas, a seu tempo germinarão e trarão seus frutos!

Huberto Rhoden disse o seguinte:

“Quem é proclamado bem-aventurado feliz?  Quem é chamado Filho de Deus? Quem é que verá a Deus? De quem é o reino dos céus? Será de algum crente no dogma A, B ou C? Será o adepto da teologia desta ou daquela igreja ou seita? Será  o partidário de um determinado credo eclesiástico? Nem vestígio disto!

Os homens bem-aventurados, os cidadãos do reino dos céus, são os “pobres pelo espírito”,  são os “puros de coração”, são os “mansos”, os que são “pacificadores”, são os “misericordiosos”, “os que choram”, são os que “sofrem perseguição  por causa da justiça”, são os que “amam aos que os odeiam” e “fazem bem aos que lhes fazem mal”. No dia em que a cristandade resolver aposentar as suas teologias humanas e proclamar a divina sabedoria do “sermão da montanha” como credo único e universal, acabarão todas as dissensões, guerras de religião e excomunhão de hereges e dissidentes. Isto, naturalmente, supõe que este esse documento máximo da humanidade, como Gandhi lhe chama, seja experiencialmente vivido, e não apenas intelectualmente analisado”.

O fundamental é entendermos que VIVEMOS PERFEITOS NA ONIAÇÃO DIVINA! Este é o FOCO, e é o significado ABSOLUTO de irmos ao Pai, que nos faz perceber nossa “VIDA NELE MESMO”, “EM MIM”, como Oniação, Perfeição, Unidade e Eternidade!

É dessa forma que, aparentemente, expressamos em nosso “agir pelo não agir”, a “vida sombra” que  reflete, aos olhos  do mundo, a VIDA REAL QUE EM DEUS VIVEMOS!

*

A MENTE CARNAL E SEU “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”

Ao revelar que DEUS é ESPÍRITO, Jesus tinha a intenção de “destruir o diabo e suas obras”, ou seja, dar fim às CRENÇAS MATERIAIS e desmantelar a ILUSÃO de que existam um “eu carnal”, uma “mente carnal” e um “mundo paralelo” ao Reino de Deus, chamado “mundo material”, mas que, por Jesus,  foi chamado de “mundo do pai da mentira”!

Enquanto a humanidade  ficar apenas “trocando nomes” da ILUSÃO, em vez de RECONHECER  QUE LHE É CHEGADO O REINO DE DEUS, E QUE É ELE ESPIRITUAL, UMA VEZ QUE DEUS É ESPÍRITO, o “mundo do pai da mentira” aparentará estar existindo, MESMO SENDO “NADA”, e a ILUSÓRIA “MENTE CARNAL”, com seu “magnetismo hipnótico”, aparentará ser a “mente de todos”, encobrindo a VERDADE ETERNA DE QUE “UNICAMENTE DEUS É MENTE REAL, UNIVERSAL E ATIVA”!

A errônea convicção de que a “mente carnal” e seu “mundo do pai da mentira” sejam existências verdadeiras, faz com que VIVER SEM PERCEBER DEUS, O REINO DE DEUS, E SER FILHO DE DEUS, sejam aceitações endossadas com a maior tranquilidade! Mas são absurdas ao cubo! O “torpor hipnótico” APARENTA TER REALIDADE, e, decorrente disso, A REALIDADE DIVINA DEIXA DE SER CONSCIENTEMENTE VIVENCIADA!  Apenas a aceitação em massa, de que HÁ NASCIMENTOS E MORTES, somente ela, já comprova isso, criando, aparentemente, verdadeira e doentia obsessão por “longevidade”,  por manutenção de “beleza física”, por “obtenção cada vez maior de bens materiais”,  etc..

Estas preocupações mundanas DESVIAM A HUMANIDADE da Verdade de que “somos deuses”, eternos e perfeitos, VIVOS COM O VERBO DE DEUS E CIENTES DE QUE “A CARNE PARA NADA SE APROVEITA”, como disse Jesus.

Por saber que tais “preocupações com a vida terrena” deixam o povo estressado, a “mente carnal” oferece, como solução, as “drogas de tarja preta”, as bebidas e drogas que nublam ainda mais a mente, e os vários apetrechos para prazeres carnais, que infestam a mídia com suas propagandas; e, muitos, como verdadeiros “robôs do erro”, creem piamente “estarem ao máximo aproveitando a vida”! Até “mestres tântricos” esta “mente ilusória” arranjou, dizendo que DEUS É ALCANÇADO através do sexo!

“Buscai, PRIMEIRO,  o Reino de Deus e sua justiça, e todas as demais coisas vos serão acrescentadas”, disse Jesus. Sabia que O FILHO DE DEUS, estando EM DEUS, UNO COM DEUS, TEM POR “ACRÉSCIMO”, como “reflexo da Oniação”,  todos os supostos “bens da vida”, sem que sejam “buscados”, e sim,  adequadamente “acrescentados”, e que NÃO ACRESCENTAM DORES!

Cabe, ao FILHO DE DEUS, meditar e contemplar a Verdade de que TEM A MENTE IDÊNTICA À DE JESUS, que tem AGORA a VIDA ETERNA, que jamais nasce ou morre, e que, TODOS JUNTOS, JÁ FORMAM A “UNIDADE PERFEITA”, QUE É DEUS SENDO TUDO!

*

 

“O Pai O Recompensará!”

“Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará”.

Mateus, 6: 6

Se  a forma de orar ensinada por Jesus for seguida, com seriedade,  constância e persistência, a Graça de Deus e o Reino de Deus estarão realmente sendo conhecidos, e sem qualquer “esforço” do ilusório “eu fenomênico”.

A oração nos isola do “mundo do pai da mentira”, deixando-nos em contato direto com Deus, o “Eu Sou” divino que constitui e Se exprime como nossa eterna, real e única identidade.

Isto significa que, segundo Jesus, nosso papel, na oração, é simplesmente ficarmos “esvaziados do ego”, para percebermos  Deus sendo TUDO, nos vendo em secreto estando inclusos na Sua Oniação, e, dessa forma, nos “recompensando”!

Dedique-se com disciplina a esta forma de orar, e não se deixará influenciar pela CRENÇA de que haja participação humana de alguém nas orações, como, por exemplo, tentar se aproximar de Deus, avaliar se Deus nele está agindo,  ou forçar um aprofundar em Deus. Ficará UNICAMENTE aberto à VISÃO EM SECRETO DO PAI, E ACEITANDO, COM “CORAÇÃO DE MENINO”, A RECOMPENSA DO PAI CELESTIAL

Deus não começará a “recompensá-lo” quando sua oração tiver início! Ele o recompensa eterna e ininterruptamente, e a oração se compara ao momento em que alguém liga sua TV, e as imagens transmitidas pela emissora “começam” a ser sintonizadas e vistas! Já estavam presentes, só aparentando estar ausentes, antes de feita a sintonia! A TV apenas “capta” as imagens já ali presentes, sem esforço algum!

Analogamente,VOCÊ capta a RECOMPENSA DE DEUS orando e fazendo sintonia com Deus. De que modo? Aceitando ser FILHO ESPIRITUAL DE DEUS, e reconhecendo TER A MENTE DE CRISTO!

Vale recordar uma sábia instrução complementar, dada por Joel S. Goldsmith:

“Vá ter com Deus esperando Deus!”

 

De sua disciplina, dedicação e assiduidade em lidar com as orações, feitas nos moldes aqui salientados, mais e mais DEUS ESTARÁ SE REVELANDO,  NÃO A VOCÊ, MAS COMO VOCÊ!

*

 

 

 

A LETRA E O ESPÍRITO DA VERDADE

Aprofundar-se mentalmente, no conteúdo das revelações absolutas, é o que possibilita alguém a meditar e “conhecer a SI MESMO” como integrante da Unidade Perfeita, que é o cumprimento individual da doutrina de Jesus.

A LETRA DA VERDADE é o “Batismo com água”, e o ESPÍRITO DIVINO é o “Batismo com fogo”.  A Bíblia explica que “a LETRA mata”, mas que “O ESPÍRITO A VIVIFICA”! Portanto, a LETRA DA VERDADE sendo aceita e ficando bem conhecida, faz com que O ESPÍRITO QUE A VIVIFICA torne este “Batismo com água” em “Batismo com fogo”!

A ILUSÃO, desde tempos imemoriais, atua como “sugestões mentais”, negando a Verdade e aparentando ocultar que A EXISTÊNCIA É UNICAMENTE DEUS, EVIDENCIANDO EM SUA TOTALIDADE, TUDO E TODOS EM UNIDADE ESPIRITUAL PERFEITA!
Em vista disso, o firme conhecimento e  aceitação da LETRA DA VERDADE é o alicerce que nos permite CONTEMPLAR COM CORAÇÃO DE MENINO as revelações absolutas.

Por que as mensagens da Verdade sempre enfatizam que “EM DEUS VIVEMOS”, E QUE “ESTE MUNDO É DO PAI DA MENTIRA”? ISTO É FEITO PARA QUE “A LETRA DA VERDADE” VÁ SE FIRMANDO MAIS E MAIS EM ACEITAÇÃO, PROPICIANDO MAIOR ABERTURA DURANTE AS “CONTEMPLAÇÕES”.

O suposto “mundo fenomênico”, como disse Jesus, É MENTIROSO “DESDE O PRINCÍPIO”, ou seja, sempre esteve sendo puramente NADA! Porém, se isto for lido apenas uma vez, tão logo alguém encerre suas meditações, estará novamente convicto de que O NADA SE TORNOU ALGUMA COISA, isto é, a VERDADE DE QUE “VIVE EM DEUS” LHE PARECERÁ EVAPORAR-SE!

A Ciência Mental  muito nos ajuda também no “Batismo com água'”, quando afirmamos enfaticamente a Verdade e negamos as crenças falsas! Assim, como foi dito, teremos maior facilidade e receptividade, quando praticarmos as meditações contemplativas.

Num livro da Seicho-no-ie, há o relato de um suposto “doente” que, por seis anos consecutivos,  estivera acamado e lendo que era Filho de Deus e que a doença não existia. Após esse tempo, de repente, veio-lhe a convicção: “Mas este Filho de Deus, isento de doença sou eu!” E saltou da cama curado!

Este é um exemplo de como a LETRA é vivificada pelo ESPÍRITO! A ILUSÃO é sempre NADA, e se mostrará  sendo NADA, dependendo de nossa dedicação ser constante e profunda!

Afirmar como Jesus: “A NINGUÉM EU – NEM A MIM – JULGO PELAS APARÊNCIAS”, ou que “O MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO”, nos levará a “contemplações absolutas” bastante eficazes! Endossam a Verdade Absoluta contemplada, que não se esvairá com a rapidez constatada, quando apenas fazemos as “contemplações”!

EM OUTRAS PALAVRAS, A “LETRA” ATUA EM UNIDADE COM AS “CONTEMPLAÇÕES ABSOLUTAS”, de forma que, meditando ou não, estaremos conscientes de que NÃO JULGAMOS PELAS APARÊNCIAS, DE QUE O NOSSO REINO NÃO É DESTE MUNDO, E QUE EM DEUS VIVEMOS!
*

O REINO DE DEUS ESTÁ À MÃO!

“Não podeis servir a DOIS SENHORES”, disse Jesus. Estava dizendo ser impossível alguém ter sucesso em tal tentativa! DEUS É TUDO E SEU UNIVERSO É OBRA ACABADA, ILUMINADA E PERFEITA! E DEUS É O “SENHOR ÚNICO” DESTA REALIDADE ONIPRESENTE.

“TUDO É LUZ DIVINA EM AUTOILUMINAÇÃO”, razão pela qual Buda revelou que “rios, montanhas, vales, florestas, tudo é iluminado”! SABIA QUE “MUNDO FEITO DE MATÉRIA JAMAIS EXISTIU!” TUDO É LUZ UNIVERSAL EM EXPRESSÃO, RAZÃO PELA QUAL Jesus disse que SOMOS A “LUZ DO MUNDO”!

Viver acreditando que O SENHOR ÚNICO, DEUS,  É, DE FATO, ÚNICO, é o desafio MAIOR apresentado como “mundo terreno” à humanidade, para ser reconhecido como NADA, enquanto a LUZ DO ALTO é reconhecida como a Verdade sobre o UNIVERSO e sobre o SER QUE SOMOS!

Não há como “servir a dois senhores”, se captamos a Verdade de que DEUS É TUDO! Em vista disso, todas as supostas “aparências tridimensionais”, que se mostrem como “mundo”, precisam ser DESCONHECIDAS pela nossa percepção de algo real.

O segredo para isso está em captarmos a grandiosa revelação de que ESTE MUNDO NÃO É MUNDO, MAS SIM, PURA IRREALIDADE, COMPARÁVEL A UM PESADELO!

A Vida é vivida verdadeiramente quando nos percebemos ILUMINADOS E VIVOS COMO LUZ DENTRO DA LUZ DIVINA INFINITA!

“DEUS É LUZ, E NELE NÃO HÁ TREVAS!” QUANDO IRÁ A HUMANIDADE DESACREDITAR DE ILUSÓRIOS “DOIS SENHORES”?

CADA UM SOMENTE TERÁ DE LITERALMENTE “CAIR NA REAL”, ATENDO-SE AO UNIVERSO REAL, ÚNICO, ACABADO, ILUMINADO E PERFEITO, PARA ADMITIR, VERDADEIRAMENTE, NELE ESTAR AGORA VIVENDO!  

Aquele que NEGAR ESTE FATO REVELADO, APARENTARÁ “SERVIR A DOIS SENHORES”, QUE JAMAIS EXISTIRAM! ESTARÁ MANTENDO-SE COM A “CASA DIVIDIDA”, DANDO REALIDADE A MERAS “APARÊNCIAS VÃS”, E APARENTANDO “ESTAR VIVENDO ILUDIDO POR ELAS”! E COM ISTO, DEIXARÁ DE SE ATER AOS FATOS ETERNOS E LIBERTADORES DE TAL ILUSÃO!

O UNIVERSO É OBRA ACABADA DE DEUS, E DADA POR DEUS A TODOS OS FILHOS DE DEUS! NÃO HÁ DIFICULDADE ALGUMA EM RECONHECERMOS ESTA VERDADE! PORÉM, ESTE UNIVERSO REAL REQUER SER RECONHECIDO COMO ÚNICO, PARA NÃO ADMITIRMOS QUE “O MUNDO DO PAI DA MENTIRA” SEJA ALGUMA COISA, QUE NÃO UMA SIMPLES ILUSÃO COLETIVA!

Jesus declarou que SOMOS UM COM O PAI, iguais a ele! SABIA QUE ESTA UNIDADE É ETERNA, IMUTÁVEL E ABRANGE A TUDO E A TODOS EM SUA LUZ INFINITA!

A CADA UM, CABE PERCEBER-SE INCLUSO NELA! E SENDO ELA!

*

 VERBO DIVINO: A ÚNICA SUBSTÂNCIA DO UNIVERSO E DE SEU SER!

 

“Graça não é uma substância mágica nem estranha, que, subitamente, se infiltre em nossas almas como se fosse uma espécie de penicilina espiritual. Graça é unidade, unicidade dentro de nós mesmos, unicidade com Deus”.

Thomas Merlon

 

Está mais do que na hora de a revelação absoluta de João ser levada a sério, e ser vivenciada pela humanidade: “Sem o Verbo de Deus, NADA do que foi feito se fez”! Isto significa que somos seres espirituais vivendo num Universo espiritual, iluminado e perfeito.

Toda suposta e diferente “substância”, aparentemente sugerida pela suposta “mente carnal”, é tão ilusória quanto ela própria.

Isto significa que o suposto “mundo material” é da mesma natureza da “Terra do Nunca”, de Peter Pan, Wendy, Fada Sininho, e  demais personagens fictícios que, aparentemente, nela pareciam viver.

Deus é Espírito Onipresente e perfeito, e João revelou SER O VERBO DIVINO a única “matéria-prima” real e disponível para “dar formas espirituais” às permanentes “obras de Deus”.

O Universo é “OBRA ACABADA”, e não “em construção”. Sob estes fundamentos absolutos, a Metafísica divina expõe os chamados “princípios da cura metafísica” que, na verdade, não “curam”, mas “revelam a perfeição inquebrantável e permanente” do que DEUS É e do que DEUS FAZ,  enfatizando que NADA HÁ ALÉM DE DEUS, OU DO VERBO DE DEUS, EM EXPRESSÃO, razão pela qual TODA E QUALQUER PRETENSÃO, EM SENTIDO CONTRÁRIO, É IRREALIDADE, ILUSÃO, PRETENSÃO VAZIA DE SUBSTÂNCIA, OU SEJA, PURO NADA!

O apóstolo Paulo, conhecendo a Verdade, descobriu TER SIDO SEMPRE O CRISTO, e, em vista disso, declarou que “O CRISTO É TUDO EM TODOS”, bastando, a cada um, DESPOJAR-SE DA CRENÇA QUE O ILUDE A SE VER COMO “CARNAL”.

“Em DEUS temos o nosso ser”, disse ele, após se livrar da FALSA CRENÇA de estar vivendo “na carne”,  ou na “matéria”!

Esta  ilusória crença coletiva não tem qualquer meio de sustentação, por ser mera “imagem hipnótica”, dando a falsa impressão de que “A MATÉRIA EXISTE”! Mas, cientes de que O VERBO DIVINO é a Substância ÚNICA, PERFEITA e UNIVERSAL, entendemos a suposta “matéria” como INEXISTENTE, enquanto ENDOSSAMOS NOSSA PERFEIÇÃO INTEGRAL COMO EXPRESSÃO DO VERBO DIVINO. E é através deste RECONHECIMENTO que a PERFEIÇÃO É “TRAZIDA À LUZ”! JAMAIS NOS ESTEVE AUSENTE, assim como o cinema não estaria ausente, quando alguém estivesse nele, mas se deixasse envolver completamente pelo filme visto em sua tela.

O VERBO DIVINO É TUDO EM VOCÊ, OU SEJA, O CRISTO É TUDO EM VOCÊ!

MEDITE E PARTA DESTA VERDADE COMO JÁ PRESENTE, E A CRENÇA FALSA, “MATERIALISTA”, ESTARÁ SE MOSTRANDO COMO NADA!

*

NÃO HÁ PODER EM SONHOS!


Diante da revelação de que DEUS É O ÚNICO PODER, muitos não a conseguem entender ou admitir, por estarem vendo com os sentidos humanos “dois poderes”, o do bem e o do mal, em suposta atividade. Como discernir a ONIPOTÊNCIA DIVINA em meio a tais quadros?

Se alguém, livre, solto e confortavelmente instalado em seu quarto subitamente adormecer, e sonhar estar na selva, perseguido por um leão, irá se confundir com a imagem do sonho e, quem ali entrar, o verá  se debatendo, tentando se livrar da fera. MUDOU SUA SITUAÇÃO REAL DE ESTAR TRANQUILO EM SEU QUARTO? NÃO! APARECEU “OUTRO PODER” PARA ATACÁ-LO? NÃO! UNICAMENTE ELE SE ENVOLVEU ILUSORIAMENTE COM A IMAGEM DE SEU SONHO!

O ensinamento absoluto não admite OUTRA PRESENÇA ou OUTRO PODER, senão DEUS! E quanto às imagens que aparentam negar esta Verdade, que se nos mostram como “poderes malignos” de vários tipos, sempre a nos ameaçarem? QUE LHE FIQUE BEM CLARO O SEGUINTE: UNICAMENTE EXISTE DEUS E A MENTE DE DEUS!

Se ALGUÉM existe,  ou é real, É O VERBO DIVINO SE EVIDENCIANDO! Que diz a Bíblia? “SEM O VERBO, – DEUS –  NADA DO QUE FOI FEITO SE FEZ”! Desse modo, seja o que for, e que lhe apareça como “mal”, é, na verdade, um SONHO! Não há, portanto, de ser enfrentado! BASTA-LHE SE VER DESPERTO!

“Não resistais ao maligno”, disse Jesus, por saber que todo suposto “maligno” é SONHO OU COMPONENTE DE UM SONHO! E A NÃO RESISTÊNCIA DE QUEM PERMANECE NA VERDADE – “EM MIM” – O “DESFAZ”! E este é o motivo pelo qual o ensinamento absoluto, em vez de pregar uma batalha entre “dois poderes”, enfatiza que DEUS É O PODER ÚNICO EM EVIDÊNCIA, E QUE, SENDO TUDO, ESTE PODER É VOCÊ! A SUA  DIVINA CONSCIÊNCIA ILUMINADA!

De início, como o SONHO aparenta ser realidade, empregue a Ciência Mental, afirmando:

NÃO EXISTE PODER NEM REALIDADE EM IMAGENS DESTE MUNDO! NO LUGAR DELAS, EXISTE DEUS, QUE É TUDO!

As afirmações e negações  ajudam a nos ver DESPERTOS, e não como SONHADORES. Em outras palavras, colocamos a suposta “mente humana” afinada com a Mente divina; e como a “mente humana” é FALSA, nossa meditação nos fará ver que estamos EM DEUS – COM A MENTE DE DEUS – E NÃO EM SONHOS! E ESTA “PERCEPÇÃO” SERÁ O FIM DA ILUSÃO DE “OUTRO PODER”.

Paulo fez a seguinte indagação: “Se Deus é por nós, quem será contra nós?” Estava revelando a ONIPOTÊNCIA! A NULIDADE DOS QUADROS TERRENOS COMO REALIDADES! ESTAVA REVELANDO A TOTALIDADE E UNICIDADE DE DEUS! E disse também: “DESPERTA, TU QUE DORMES, E A LUZ DO CRISTO TE ESCLARECERÁ”!

*

COMENTÁRIOS SOBRE A POSTAGEM DE 13 DE MAIO: DE “MENOS INFINITO” A “MAIS INFINITO”

Nesta postagem, serão salientados alguns pontos essenciais às “contemplações absolutas”, sugeridos pela analogia do artigo aqui publicado em 13 de Maio:

(DE “MENOS INFINITO” A “MAIS INFINITO”)

1. NÃO HÁ A DUALIDADE RETA E “SEGMENTO DE RETA”. O “SEGMENTO” BUSCA APENAS REPRESENTAR A RETA ÚNICA, POR SER ELA IMPOSSÍVEL DE SER MOSTRADA TAL COMO É, NUMA LOUSA DO MUNDO.

2. A REPRESENTAÇÃO MOSTRA UM “SEGMENTO DE RETA” TENDO “COMEÇO E FIM”, MAS A “RETA REAL” EM PAUTA, SENDO INFINITA, É SEM COMEÇO E SEM FIM.

3. A RETA, QUE É REAL NO UNIVERSO REAL E INFINITO, AO SER REPRESENTADA COMO “SEGMENTO FINITO”, NÃO PODE SER CONSIDERADA COMO “APARENTA” SE MOSTRAR NUMA LOUSA FINITA.

4. O PROFESSOR, AO RISCAR NA LOUSA A RETA COMO “SEGMENTO”, SABE QUE A RETA REAL E ÚNICA JAMAIS PODERIA “ESTAR NA LOUSA”. E, CASO ALGUÉM JULGASSE “VER A RETA”, OLHANDO PARA A LOUSA, ESTARIA SOMENTE SENDO “ILUDIDO” PELO “SEGMENTO” RISCADO PELO PROFESSOR.

5.   APÓS A AULA, O “SEGMENTO” SERIA “APAGADO” PELA MESMA  “MENTE FALSA” QUE O RISCOU. E EM MOMENTO ALGUM A RETA TERIA PASSADO PELO “TEMPO”,  E TER TIDO A APARENTE “DURAÇÃO TEMPORAL DA AULA”.

6.   A RETA REAL E INFINITA É CONCEPÇÃO DE DEUS, E SOMENTE TEM EXISTÊNCIA NO AGORA DIVINO, EM QUE TUDO É PERFEITO E PERMANENTE.

7.   CASO A RETA RISCADA COMO “SEGMENTO DE RETA” APRESENTE ALGUMA DISTORÇÃO OU DEFEITO, PERCEBIDO NA LOUSA, JAMAIS A RETA REAL TERÁ EXIBIDO QUALQUER IMPERFEIÇÃO.

8.   A RETA REAL JAMAIS SERÁ “O SEGMENTO” QUE PASSOU A EXISTIR QUANDO O PROFESSOR O RISCOU. SEMPRE A RETA ESTEVE, ESTÁ E ESTARÁ PRESENTE,  MAS NO UNIVERSO TÃO INFINITO QUANTO ELA PRÓPRIA.

9.   A MENTE REAL DO PROFESSOR É A QUE RECONHECE A RETA REAL E INFINITA, ENQUANTO A’ “MENTE FINITA E ILUSÓRIA” DELE ENXERGA O “SEGMENTO” QUE APARENTEMENTE  TEVE COMEÇO PELAS SUAS MÃOS.

10.  DEUS É TUDO, E DEUS É ESPÍRITO, RAZÃO PELA QUAL TANTO O PROFESSOR COMO SEUS FEITOS JAMAIS EXISTIRAM, COMO JAMAIS EXISTIRAM O PRÓPRIO “SEGMENTO DE RETA” , A LOUSA E O MUNDO EM QUE PARECERAM EXISTIR. NO CASO,  ESTARIA PRESENTE UNICAMENTE DEUS SE EVIDENCIANDO COMO O CRISTO E COMO A RETA INFINITA LEVADA EM CONSIDERAÇÃO.

Estes são os pontos principais a serem “contemplados”, para que “professor e segmento de reta” sejam descartados como “o velho homem e seus feitos”, enquanto O DEUS INFINITO – E SUAS OBRAS PERFEITAS E ETERNAS – SEJA RECONHECIDO COMO “O REINO CHEGADO DE DEUS”, ETERNAMENTE HABITADO POR TODOS NÓS, PELO CRISTO QUE SOMOS, INFINITO COMO DEUS, SEM JAMAIS TER PISADO EM SUPOSTO “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”!

*

DE “MENOS INFINITO” A “MAIS INFINITO”!

Numa aula de Matemática, o professor desenhou na lousa um segmento de reta com cerca de um metro de comprimento, dizendo: “Este segmento representa na lousa a reta real, que vem de “menos infinito” e vai a “mais infinito”. Como sabia ele que a reta vinha de “menos infinito” e que ia até “mais infinito? Porque assim sendo considerada nos cálculos, os resultados sempre deram certo. Portanto, os “princípios aceitos”, mesmo não podendo ser demonstrados, são empregados dessa forma: como axiomas ou princípios! Acolhidos com “coração de criança” pelos cientistas e matemáticos!

Quando o estudo da Verdade afirma que DEUS É TUDO, que DEUS é INFINITO, e que O HOMEM, SENDO INFINITO, É TUDO AQUILO QUE DEUS É, expressa os FATOS REAIS ESPIRITUAIS como princípios ou axiomas,  possíveis de serem COMPROVADOS AO SEREM ACEITOS e POSTOS NA PRÁTICA!
PORTANTO, OLHAR O SEGMENTO DE RETA DE UM METRO, E ACREDITAR ESTAR “VENDO A RETA”, É ILUSÃO!

O matemático, apontando o “segmento riscado na lousa”, diz aos alunos: “Em nossa exposição, vamos empregar A RETA QUE ESTÁ NA LOUSA”! SÓ QUE, PARA ELE, A RETA VINHA DE “MENOS INFINITO” E SEGUIA ATÉ “MAIS INFINITO”! EXISTIA INTEIRA, E  ESTANDO FORA DA LOUSA!

A “lousa” que nos mostra somente ILUSÃO se chama “mente carnal”. NÃO CONSEGUE MOSTRAR NEM QUEM SOMOS NEM ONDE É QUE VIVEMOS! ASSIM COMO A LOUSA DO MATEMÁTICO NÃO CONSEGUE NOS MOSTRAR A “RETA VERDADEIRA”.

Quando Jesus confirmou que SOMOS DEUSES, que SOMOS A LUZ DO MUNDO, VIA-NOS SEM SER COM A “MENTE CARNAL”! E VIA-NOS EM DEUS, NA REALIDADE, E NÃO “NASCIDOS NA LOUSA”, A QUE CHAMOU DE “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”!

O MATEMÁTICO PODE  ATÉ “RISCAR NA LOUSA” O SEGMENTO DE RETA COM “COMEÇO” E COM “FIM”. POR QUÊ? POR SER MERA REPRESENTAÇÃO FINITA,  INCOMPLETA E, PORTANTO, ILUSÓRIA DA RETA REAL, QUE É INFINITA,  PERMANENTE E SEM COMEÇO E SEM FIM!
Quando VOCÊ transpuser esta ANALOGIA para descartar a ILUSÃO e parar de SE IDENTIFICAR COM UM  “SEGMENTO DE RETA”, O SUPOSTO “CORPO CARNAL”, E PASSAR A RECONHECER QUE VOCÊ É A “RETA INFINITA”, – O PRÓPRIO DEUS VIVO”- ESTARÁ “SENDO A VERDADE” E NÃO A “ILUSÃO”; E ESTARÁ ENTENDENDO O QUE DIZ A METAFÍSICA: “AS APARÊNCIAS APENAS INSINUAM A PRESENÇA DA VERDADE SUBJACENTE A ELAS”!

E ENTÃO, FÁCIL LHE FICARÁ “DESCARTAR” OS “SEGMENTOS DE RETA”, TODOS LIMITADOS E FINITOS, POR SE ACHAR IDENTIFICADO COM “A RETA INTEIRA E INFINITA”, QUE É DEUS!

Esta é a compreensão DEMONSTRADA POR JESUS, ao declarar: “AQUELE QUE ME VÊ A MIM, VÊ O PAI”!
*

“AS MINHAS PALAVRAS NÃO HÃO DE PASSAR!”

“Porque eu vos darei boca e sabedoria a que não poderão resistir, nem contradizer, todos quantos se vos opuserem”.

Lucas 21: 15

Essência do conhecimento da Verdade reside, como disse Jesus, em cada um “PERMANECER EM MIM”, identificado com o “EU SOU ABSOLUTO”, presente em todo Filho de Deus. Para “IR A MIM”, CADA UM terá de negar-se como “mortal do mundo”, para poder RECONHECER e vivenciar a Presença de DEUS em si mesmo, a Se expressar como O CRISTO!

As mensagens da Verdade Absoluta enfatizam que O REINO DE DEUS É EXATAMENTE ONDE TODOS AGORA VIVEMOS, e, ao mesmo tempo,  revelam que JAMAIS ESTEVE EXISTINDO O SUPOSTO MUNDO FENOMÊNICO OU MATERIAL.

Estas Verdades são sempre contestadas pelos que a ouvem; mas, como disse Jesus,  quando a disseminamos,  o EU SOU “nos dá “boca e sabedoria” para lidarmos com os “opositores”.

Numa das empresas em que trabalhei, explicava a uma pessoa que “não são os olhos que enxergam”. Naquele momento, passou por nós um rapaz que, ouvindo o que eu disse, seguiu seus passos, mas falando alto:Ah! É claro! Olhos não enxergam”, com expressão facial de deboche!  E me veio assim falar a ele: “Pois é, por isso é que você enxerga seus sonhos de olhos fechados!”  Ouvindo, ele parou assustado, recuperou-se,  e se foi!”

A humanidade acredita que “olhos veem”, que “ouvidos ouvem”, e que SÃO REAIS O QUE TESTEMUNHAM OS SENTIDOS HUMANOS.  Entretanto, como declarou Paulo, “as coisas do mundo são vistas pelo espírito do homem, que nele está, e que não recebemos de Deus. Mas recebemos de Deus o ESPÍRITO DE DEUS, para discernirmos espiritualmente o que nos é dado gratuitamente por Deus”.

Dizer que “ESTE MUNDO TERRENO” NÃO EXISTE”, para quem ouve, é uma LOUCURA! Mas Jesus assim disse: “Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não hão de passar”.

Quando nos alimentamos com as palavras da Verdade, preparamo-nos para o RECONHECIMENTO DE QUE O REINO DE DEUS ESTÁ CHEGADO, EXATAMENTE ONDE O MUNDO DE ILUSÕES   É  ILUSORIAMENTE ACREDITADO E “VISTO”!

Citando o “desmantelamento” da CRENÇA EM MUNDO MATERIAL, Jesus relata que “haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas, e na terra, angústia das nações em perplexidade pelo bramido do mar e das ondas; homens desmaiando de terror na expectação das coisas que sobrevirão ao mundo, porquanto as virtudes do céu serão abaladas; e então verão o Filho do homem numa nuvem, com poder e grande glória” (Lucas 21: 26-27).

Este será o FIM DA ILUSÃO DE VIDA NA MATÉRIA, O DESMANTELAMENTO DO FILME HIPNÓTICO DE “APARÊNCIAS”, E A PERCEPÇÃO INDIVIDUAL DO CRISTO,  O SER QUE ETERNAMENTE SOMOS!

*

RECONHEÇA A VERDADE DE SER PERFEITO COM A PERFEIÇÃO DE DEUS!

“Sede perfeitos como perfeito é o Vosso Pai celestial”, disse Jesus. Conhecia a Verdade Absoluta de que “somos deuses” e não “carnais do mundo do pai da mentira”. Se dissermos que somos perfeitos para alguém, ele até poderá dar risada! Estaria convicto de “ser carnal” pecaminoso, imperfeito,  e que comete erros!  MAS A VERDADE É QUE “CARNAIS” JAMAIS EXISTIRAM, E,  PORTANTO, NEM POR UMA FRAÇÃO DE SEGUNDO ESTEVE ALGUÉM  DEIXANDO DE SER O  SER VERDADEIRO QUE TODOS SOMOS, QUE É O CRISTO!

Há tempos, ouvindo pela  TV a pregação de um pastor, ele assim dizia: “Meu pai era também pastor, e me ensinou o seguinte: Em seus cultos, cometa sempre no mínimo dois erros, perceptíveis pelos ouvintes; desse modo, saberão que você é tão imperfeito quanto todos eles!” Isto seria o Cristianismo? Não! Mas era a visão dele e de seu pai, nivelando a todos pelas “aparências”, enquanto deveriam saber que “Jesus condenou  chamarmos alguém de pai na terra”, e ordenou que “fôssemos perfeitos como o nosso Pai celestial!”

Se a congregação daqueles pastores, pai e filho, acreditasse na pregação errônea, o modelo a ser seguido seria material, com todos se assumindo como imperfeitos, sem terem noção alguma do sentido absoluto do que Jesus pregava!

Que significa SER PERFEITO COMO DEUS? SIGNIFICA “DESPOJAR-SE DO VELHO HOMEM E SEUS FEITOS” PARA SE PERCEBER SENDO O CRISTO, O FILHO EM ETERNA UNIDADE COM DEUS,  O SER QUE VERDADEIRAMENTE SOMOS!

Para isso, o “julgamento pelas aparências” terá de ser abolido, por ser a ilusória atividade da suposta “mente carnal”, a “inimizade contra Deus”.  SOMOS PERFEITOS COMO DEUS QUANDO NOS VEMOS COMO DEUS NOS VÊ, PELO “CORAÇÃO”

As revelações absolutas são difundidas para que SEJA FEITA A “TROCA ESSENCIAL”, QUE É O “RENASCIMENTO”! CADA UM ABANDONAR A ILUSÃO DE “SER NASCIDO DA CARNE” PARA SE INTEGRAR À VERDADE DE QUE, “ANTES QUE ABRAÃO EXISTISSE”, O EU SOU   PERFEITO JÁ ESTAVA SENDO SUA REAL E ÚNICA IDENTIDADE!

Há ensinamentos que dizem o seguinte: “O homem é aquilo que pensa ser”!  NÃO É VERDADE! O HOMEM É AQUILO QUE DEUS É!  ESTA É A ESSÊNCIA DOS ENSINAMENTOS ABSOLUTOS!

“Ser PERFEITO como o PAI É PERFEITO, é nossa adesão à Verdade de que DEUS É TUDO, é nossa PERMANÊNCIA EM MIM, é a nossa PRESENÇA NA UNIDADE ESPIRITUAL PERFEITA!  Tudo mais, estará no rol das “doutrinas várias e estranhas”, que, como disse Paulo, NÃO NOS FORTIFICAM COM GRAÇA!

 *

NÃO PENSE SER A VERDADE “BOA DEMAIS” PARA SER  VERDADE!

Adquirir  plena CONVICÇÃO de que a Verdade é FATO AGORA EVIDENCIADO, e que DEUS, vendo tudo quanto fizera, “ e achou muito bom”, como diz a Bíblia, é a que devemos nos dedicar, diante das  “imagens hipnóticas” que destoem acintosamente  do “testemunho de Deus”!

Jesus disse: “Errais por desconhecerdes as Escrituras e o Poder de Deus”!   Corrigimos este ERRO sabendo que TUDO é “MUITO BOM”, como disse Deus,  sabendo e endossando que, realmente, TUDO É “MUITO BOM”, E DE MODO PERMANENTE!  Por esse motivo, a Metafísica explica que as “aparências” INSINUAM a presença da PERFEIÇÃO, subjacente às suas próprias MIRAGENS!

O sucesso, neste estudo, está em ADOTARMOS O “TESTEMUNHO DE DEUS” E REPUDIARMOS TUDO DE “MUITO RUIM”, SUGERIDO PELAS “APARÊNCIAS”! ESTA É A CONVICÇÃO DESEJÁVEL, E TEMOS DE AFIRMAR QUE “JÁ A POSSUÍMOS”, POR ACREDITARMOS NA VERDADE E NÃO EM “APARÊNCIAS”, QUE SÃO NADAS, VAZIAS DE SUBSTÂNCIA DIVINA!

Aquele que se dedicar e treinar nesse RECONHECIMENTO RADICAL, não será pego facilmente pelas IMAGENS HIPNÓTICAS, chamadas por JESUS de “o mundo do pai da mentira”! “Disse  também ele:

“VÓS, DESTE MUNDO DE APARÊNCIAS, NÃO SOIS”; “É CHEGADO O REINO DE DEUS”!

Se estes princípios básicos não forem admitidos como IRREFUTÁVEIS, continuará a humanidade sendo VÍTIMA DE APARÊNCIAS FRAUDULENTAS, ACREDITANDO, POR EXEMPLO,  EM “CORPO CARNAL ADOECÍVEL”, POSSÍVEL DE SER OU NÃO “CURADO”, ou seja, DESMENTINDO O “TESTEMUNHO DE DEUS”, QUE ACHOU “TUDO MUITO BOM”.

A Bíblia diz: “DEUS NÃO NOS JULGA PELAS APARÊNCIAS, MAS SIM, PELO CORAÇÃO”!

Cabe, a cada um de nós, ADOTAR O MESMO REFERENCIAL DE DEUS, TER O MESMO PONTO DE VISTA DE DEUS, E ISTO, A PONTO DE NÃO DARMOS SEQUER “UM POR CENTO DE CRÉDITO” ÀS APARÊNCIAS!

Jesus passou por este treinamento e sua CONVICÇÃO se igualou à de DEUS! Não tem nenhum cabimento DEUS ATESTAR A PRESENÇA DO BEM, E ”ALGUÉM” ATESTAR A PRESENÇA DO “MAL”.

DEUS É TUDO, INCLUSIVE O CRISTO QUE SOMOS! LOGO, DEVEMOS DAR O MESMO “TESTEMUNHO DADO POR DEUS”!  A PRÁTICA DA VERDADE É ESTA, E  NÃO ACHARMOS QUE “ISTO É BOM DE MAIS PARA SER VERDADE”!

ESSE TIPO DE ARGUMENTO SOMENTE PROVA QUE, PARA NÓS, SÃO REALIDADES AS “APARÊNCIAS FRAUDULENTAS”! E NESSE CASO, COMO DIRIA  PAULO, “ESTARÍAMOS REPROVADOS”!

*

RECONHEÇA A “DIVINA ORDEM” CAMUFLADA PELAS “APARÊNCIAS”

A eficácia de nossa dedicação ao  “conhecimento e prática da Verdade”,  é  DIRETAMENTE proporcional à nossa aptidão ou capacidade de ENXERGAR TUDO EM “DIVINA ORDEM”, principalmente diante de “aparências” negativas ou desarmônicas.

“Aparências” são MIRAGENS, são AUSÊNCIAS, enquanto a “DIVINA ORDEM”  é a Verdade que expressa DEUS SENDO TUDO!

Afirmar que TUDO ESTÁ EM DIVINA ORDEM não é “esperar que as aparências se harmonizem!” Antes, significa RECONHECER O BEM PERMANENTE,  já presente, por trás das “miragens”! Isto requer  treinamento, dedicação e interesse, POR SER A VERDADE! 

A Metafísica Absoluta ensina o seguinte:

AS “APARÊNCIAS”, BOAS OU MÁS, INSINUAM A VERDADE SUBJACENTE A ELAS”.

Por mais terrível que possa a APARÊNCIA nos parecer, ELA INSINUA a presença da VERDADE, sempre perfeita, subjacente a ela! Que são as “aparências”? Não passam de manifestações da CRENÇA EM DOIS PODERES, que se apresentam como “imagem falsa” àqueles que se utilizam da “mente carnal”.

“Olhos, ouvidos, nariz, língua, corpo e mente são O NADA” – disse Buda. Esta Verdade não nos  virá jamais da “mente carnal”. Por isso, Paulo a chamou de “a inimizade contra Deus”!  Aparenta nos atrair aos seus “quadros hipnóticos”, deixando-nos “esquecidos” da DIVINA ORDEM UNIVERSAL E

ONIPRESENTE!

Com estes pontos bem marcados, ficamos aptos a não ser enredados por “traços de giz”,  como os que prendem ao chão uma galinha, ao se sentir “amarrada” por acreditar que o traço de giz, riscado  à frente de seu bico, seja “amarra” que a impede de se mover.

O que torna a humanidade cativa de sofrimentos e males é unicamente o desconhecimento da Verdade! Tal “desconhecimento” leva a humanidade  a não reconhecer a DIVINA ORDEM onipresente, por se mostrar CONVICTA de que as “aparências de limitação” sejam realidades! DESSE MODO, FICA COMO A GALINHA, “PRESA” PELA SUA “CRENÇA DE ESTAR PRESA”, POR ENXERGAR UM TRAÇO DE GIZ E ACREDITAR ESTAR TOLHIDA POR CAUSA DELE!

TUDO O QUE SE MOSTRA COMO “APARÊNCIA”, É “TRAÇO DE GIZ NO CHÃO”, UMA PRETENSÃO ILUSÓRIA DE QUE “ALGUÉM QUE NÃO SEJA DEUS” POSSA ESTAR EXISTINDO!

E ESTA ILUSÃO SE DESFAZ, QUANDO, COM CONHECIMENTO, E NÃO DA “BOCA PARA FORA”, AFIRMAMOS QUE “TUDO ESTÁ EM DIVINA ORDEM”!

A frase  deverá nos remeter  diretamente à REALIDADE DIVINA, CONSUMADA E PERFEITA, SEM  QUE NOS FIXEMOS ÀS ILUSÓRIAS “IMAGENS HIPNÓTICAS” DA ILUSÃO!

*

“ESTE É O DIA DO SENHOR VIVO, O DIA QUE O SENHOR FEZ!”

O Evangelho é a  REVELAÇÃO DA VIDA ETERNA, que é a ONIPRESENÇA DA VIDA PERMANENTE DE DEUS sendo INCLUSIVE  a VIDA INDIVIDUAL DO CRISTO, QUE, COMO DISSE PAULO, É TUDO EM NÓS TODOS!

Não existe “VIDA MORTAL”,  a não ser como “sonho” ou “ficção”. DEUS É DEUS DOS VIVOS E NÃO DE MORTOS”, disse Jesus. Como poderia “parecer existir” “VIDA QUE FOSSE MORTAL”? Somente NUM MUNDO SEM DEUS, isto é, num mundo imaginário, chamado por Jesus de “mundo do pai da mentira”, e por Buda, chamado de ILUSÃO!

“Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá. … “ (Jo 11: 23).

“CRER EM MIM” SIGNIFICA CRER NA ONIPRESENÇA DA VIDA PERMANENTE DE DEUS. QUE, POR CONSEGUINTE, SIGNIFICA CRER NA VIDA ETERNA DO CRISTO QUE SOMOS. “EU SOU A RESSURREIÇÃO E A VIDA”, DISSE JESUS. Revelava o REINO CHEGADO DE DEUS!

Em João, 8:51, podemos ler: “E além do mais, Eu não estou buscando minha própria glória; existe Um que a busca por mim e a tudo julga. Em verdade, em verdade vos asseguro: se alguém obedecer a minha Palavra, jamais experimentará a morte.” Ao ouvirem isso, exclamaram os judeus: “Agora estamos certos de que tens um demônio. Abraão morreu, e também os profetas, e tu afirmas: ‘se alguém obedecer à minha palavra, jamais experimentará a morte’. …”

O que os judeus desconheciam, assim como desconhece até hoje a maior parte da humanidade, é que JESUS FALAVA DO REFERENCIAL DIVINO, ILUMINADO, PERMANENTE E PERFEITO, E NÃO DO REFERENCIAL HUMANO, DAS TREVAS, DAS CRENÇAS ILUSÓRIAS  EM NASCIMENTO E MORTE! DESCONHECIAM O QUE É REAL, VISTO PELA MENTE DE CRISTO, PRESENTE EM TODOS NÓS,  MAS QUE REQUER SER RECONHECIDA NO LUGAR DA SUPOSTA “MENTE CARNAL”, QUE, COMO DISSE PAULO, É O “ESPÍRITO DO HOMEM QUE NELE ESTÁ, E QUE NÃO NOS FOI DADO POR DEUS”.

O ensinamento absoluto REVELA NOSSA EXISTÊNCIA EM DEUS, e não no “mundo do pai da mentira”, endossando Jesus e Paulo, que pregaram a partir do mesmo referencial. Cada um terá de NASCER DE NOVO, renunciando à ilusória “vida mortal”,  reconhecendo e se identificando com DEUS E SUA VIDA, QUE É O CRISTO SENDO A VIDA ETERNA QUE VIVEMOS!

Não há verdade alguma em “mundo do pai da mentira’”, e não há, portanto, NINGUÉM VIVO em tal “sonho” ou “ficção”. Por isso, assim disse Jesus:

“Em verdade, em verdade vos asseguro: se alguém obedecer a minha Palavra, jamais experimentará a morte.” O sentido de “ se passar da morte para a vida” é OBEDECER À PALAVRA DA VERDADE, RECONHECER A LUZ VIVA QUE CADA UM É, NEGANDO-SE A SI MESMO COMO “CARNAL EM TREVAS”,

RESPONDENDO AOS JUDEUS, DISSE-LHES JESUS: “ABRAÃO, VOSSO MESTRE, EXULTOU AO VER O MEU DIA! ”  EXPUNHA O “DESPERTAR DE ABRAÃO”, PELO CONHECIMENTO DE SUA VERDADEIRA E ETERNA IDENTIDADE DIVINA!

Três discípulos, ao virem “Jesus transfigurado e iluminado”, viram-no EM SEU DIA DO SENHOR,  não como “corpo carnal” passível de ser crucificado! Em outras palavras, NÃO O ESTAVAM VENDO COM A “MENTE CARNAL”! VIAM-NO EM SEU ASPECTO REAL, DIVINO E PERMANENTE!

Quando as religiões e denominações do mundo entenderem esta Verdade, O DIA DO SENHOR VIVO SERÁ O AGORA PERMANENTE, E TODOS CONHECERÃO “O MEU DIA”, QUE É O DIA DE HOJE NA “UNIDADE PERFEITA”, “EM MIM”, NA TOTALIDADE DE DEUS,  INCLUINDO  O CRISTO QUE TODOS AGORA SOMOS!

*

NÃO SEJA O “BOM” QUE VIVE A CRITICAR OS “MAUS”

A Prática da Verdade precisa ser entendida como  “feita acima das aparências”, caso contrário, alguém poderá “se julgar bom”, e vivendo a “julgar mau” o resto do mundo! 

Muitos, aparentemente, amargam os dissabores do suposto “mundo fenomênico” por empregarem as leis mentais contra si mesmos. De que forma? Avaliando-se como “bom”, como aquele que estuda e conhece a Verdade, mas que vive se comparando humanamente com os demais, para neles achar “motivos de críticas”. Sua FREQUÊNCIA MENTAL em nada lembraria a COLOCAÇÃO DE SUA LUZ NO ALTO, pois corresponderia exatamente ao padrão de suas críticas constantes!

Que diz a lei mental? “Não te dou o que me pedes, mas sim,  o que se sintoniza com a tua frequência mental”.

Há também o “bom solidário”, que acompanha pela mídia todas as supostas “tragédias do mundo”, baixando sua frequência mental ao patamar das “mentiras” do “mundo do pai da mentira”.

Isaías assim disse:  “O que anda na justiça e faça o que é reto;  o que com um gesto de mãos recusa suborno; o que tapa os ouvidos para não ouvir falar de homicídios, e fecha os olhos para não ver o mal, este habitará nas alturas; as fortalezas das rochas serão o seu alto refúgio, o seu pão lhe será dado, e suas águas serão certas” (Isaías, 33: 15).

Estas recomendações de Isaías decorrem de seu conhecimento de que O MUNDO FENOMÊNICO NÃO É REAL, sendo unicamente uma ILUSÃO HIPNÓTICA,  sempre disposta a NOS DESVIAR da Verdade de que DEUS É TUDO!

Ao mancebo que o tratou como “BOM MESTRE”,  Jesus redarguiu, indagando: “POR QUE ME CHAMAS BOM?  BOM SÓ HÁ UM, QUE É DEUS!”.

Aclarava ao rapaz a Verdade de que O DEUS ONIPRESENTE É A VERDADE E A BONDADE SE EXPRESSANDO COMO TODOS! Sabia que “bondade terrena” é a mesma CRENÇA que identifica “maldade terrena”.  E SABIA QUE NÃO ESTAVA SENDO UM “BOM MESTRE HUMANO”, MAS SIM, O CRISTO! UM COM O PAI E UM COM A BONDADE DO PAI!

“Não há bem nem mal; o pensar o torna assim” – disse Shakespeare. O “mundo fenomênico” não passa de uma formação de crenças no bem e no mal!  Um suposto “bom” para um, poderá ser “mau” para outro! Não é avaliação merecedora de crédito! Por outro lado, QUANDO NOS VEMOS, E VEMOS A TODOS, NA UNIDADE PERFEITA,  OCULTOS EM DEUS, ESTAREMOS RECONHECENDO A AVALIAÇÃO ETERNA, REVELA’DA POR JESUS: “BOM SÓ EXISTE DEUS!”. E esta é a VERDADE ABSOLUTA QUE INCLUI A TODOS NÓS!

“A “CHUVA DO PAI” CAI SOBRE “BONS E MAUS”! E SABEMOS O “PORQUÊ!

*

COMO O REINO É VISTO “CHEGADO” PARA VOCÊ!

Os reveladores da Verdade Absoluta são unânimes em declarar que “TUDO ESTÁ FEITO”, e que “TUDO É DEUS SE REVELANDO COMO “SEU REINO CHEGADO”. Quando Jesus disse que “DEUS, COM AGRADO, NOS DEU O SEU REINO”, ou quando Paulo declarou que “EM DEUS VIVEMOS, NOS MOVEMOS E EXISTIMOS”, estavam simplesmente nos alertando que “O QUE TEMOS,  O QUE SOMOS, E O QUE  REALMENTE HÁ PARA ‘SER VISTO’, É UNICAMENTE A ONIPRESENTE PERFEIÇÃO ABSOLUTA! NÃO PODERIA HAVER “MAIS NADA”!

O REINO está presente no mundo inteiro” – disse Jesus – “mas os homens não o enxergam!”. A QUESTÃO É A SEGUINTE: “POR QUE OS HOMENS NÃO O ENXERGAM?”

As analogias, parábolas e ilustrações, apresentadas pelos ensinamentos, nos ajudam a elucidar os fatos referentes a esta questão. De que modo? Dando-nos a CONVICÇÃO DOS FATOS REAIS juntamente com a CONVICÇÃO DE QUE OS FATOS IRREAIS, SUPOSTAMENTE “VISTOS” PELOS HOMENS, SÃO AUSENTES, INEXISTENTES E DESCONHECIDOS POR DEUS!

Enquanto a Verdade não for praticada, como disse Tiago, cada um estará somente enganando a si mesmo!  É fundamental partirmos do princípio de que DEUS É TUDO, e que, em vista disso, TODO SUPOSTO “MAL” É  PURA FALTA DE RECONHECIMENTO DESTA VERDADE!

Por que um caminhante no deserto,  alucinado e sedento, ACREDITA  ver um “lago irreal”, SEM NOTAR  QUE TUDO É AREIA? Seus sentidos estariam VENDO UM LAGO? NÃO! ESTARIAM VENDO SÓ AREIA, MAS A “MENTE EM ALUCINAÇÃO”  LHE TRADUZIRIA A AREIA COMO SENDO UM “LAGO”!   POR ISSO, PAULO CHAMOU ESTA “MENTE ENGANADORA” DE “A INIMIZADE  CONTRA DEUS”.

DEUS É TUDO, E NOSSA MENTE, PORTANTO, É A MENTE DE DEUS! NOSSOS “OLHOS REAIS” ESTÃO SEMPRE VENDO O “REINO DE DEUS CHEGADO”, INCLUSIVE TESTEMUNHANDO NOSSA PRESENÇA “DENTRO DELE”! POR QUE SÃO VISTAS, APARENTEMENTE, UM “MUNDO” FEITO DE “CRENÇAS DO BEM E DO MAL”? PORQUE NÃO NOS RECONHECEMOS COM A MENTE DE DEUS, E SIM COM A ILUSÓRIA “MENTE CARNAL”; A PARTIR DISSO, A ILUSÃO APARENTARÁ EXISTIR COMO “MUNDO”, E O CRISTO QUE SOMOS APARENTARÁ EXISTIR COMO “MORTAL NASCIDO NA CARNE”!

QUE É PRATICAR A VERDADE? NÓS NOS HABITUARMOS A TROCAR A ILUSÃO PELA VERDADE ETERNA, DESCARTANDO O “FALSO TESTEMUNHO DA MENTE CARNAL” E ENDOSSANDO A PERFEIÇÃO ONIPRESENTE, QUE É DEUS SE EVIDENCIANDO COMO SEU REINO ILUMINADO ONIPRESENTE, DO QUAL FAZEMOS PARTE!

Por isso, assim disse Jesus: “VÓS, DESTE MUNDO, NÃO SOIS”; “ESTIVESTES COMIGO DESDE O PRINCÍPIO”. Que diferença havia entre ele e todos os demais?  TODOS VIAM O REINO, MAS SÓ JESUS O VIA SEM ESTAR “FILTRADO MENTIROSAMENTE” PELA “MENTE ILUSÓRIA COLETIVA”, chamada de “DIABO” nas Escrituras!

A “Prática da Verdade” reside na REINTERPRETAÇÃO DA CRENÇA EM DOIS PODERES PELA ADMISSÃO DE QUE O UNIVERSO ÚNICO É O “EU SOU INFINITO” SE EVIDENCIANDO COMO ONIPOTÊNCIA ONIATIVA ONIPRESENTE, COMO SEU REINO CHEGADO, E COM TODOS NÓS  EXISTINDO NELE EM “UNIDADE PERFEITA”.

Contemplando estes FATOS ESPIRITUAIS, você poderá repetir Jesus COM CONHECIMENTO E AUTORIDADE:

“EU E O PAI SOMOS UM, E O MESMO!”

*

O FILHO DE DEUS

Qual foi o grande e oculto mistério na vida e no ensinamento de Jesus? Que lhe atribuía poder todo-poderoso, luz infalível e sucesso triunfal em toda iniciativa e em todas as vezes? Somente a REVELAÇÃO DIVINA poderá responder.

Jesus teria dito que seu  conhecimento perfeito provinha de seu pensamento pessoal ou de sua aplicação da Verdade? Deixou declarações para serem usadas com o objetivo de demonstrar ou praticar a Verdade? Teria ensinado que somos imagens, ideias ou pensamentos de Deus? Ou mentes ou consciências individuais? Teria dito que somos diferentes dele, ou que chegaríamos ao conhecimento da Verdade de alguma outra maneira? As respostas são todas uma só: Não. Jesus não fez nada disso.

No decurso do Novo Testamento, inúmeros versículos nos garantem que o FILHO DE DEUS é nosso único Salvador, nosso único libertador do pecado, sofrimento e morte. Enfaticamente, eles declaram que temos a Vida eterna somente pelo conhecimento do FILHO. Consideremos o seguinte:

“E o testemunho é este: que Deus nos deu a vida eterna; e esta vida está em seu Filho. Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho não tem a vida.” (João 5: 11,12).

Como são taxativas e definitivas estas frases! Quando por Revelação Divina temos seu sentido místico exposto, elas se mostram contenedoras de Luz e Glória tão impressionantes, tão todo transcendentes, que nada será capaz de contradizê-las.

Em termos inequívocos, estas palavras declaram que nossa Vida Eterna está no Filho. Como a ideia geralmente aceita do Filho (que o vê como um homem-salvador, ou mente-salvadora), jamais trouxe ao mundo uma compensação plena, ainda resta um entendimento místico bem mais profundo para ser discernido espiritualmente.

Quando nos capacitarmos a traduzir as palavras “esta vida está em seu Filho” para a linguagem do Absoluto, saberemos o segredo do sucesso de Jesus: quem ele era, quem nós somos—e o que faremos para segui-lo.

De todos os personagens bíblicos, Jesus foi o único a se identificar como o PAI! Disse ele: “Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto… quem me vê a mim vê o Pai”. (João 14:7, 9). O FILHO DE DEUS identificou-se verdadeira, perfeita e espiritualmente como o PAI. Portanto, na linguagem do Absoluto, este é o significado de Filho: Autoidentificação.

AUTOIDENTIFICAÇÃO é ABSOLUTAIdentificação—o Eu conhecendo a Si mesmo em cada um—“o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!” (João 1:29).

A maneira, e a maneira única, de nos conhecermos verdadeiramente é através da Autorrevelação, AUTOILUMINAÇÃO, Autoconhecimento—AUTOIDENTIFICAÇÃO—apagando o sonho de existência humana, juntamente com todo o seu conteúdo de pecado, doença e morte.

“Se, pois, o Filho (Autoidentificação) vos libertar (revelar a você a Luz plena da Existência), verdadeiramente sereis livres.” (João 8:36). Qualquer que nega o Filho (rejeita a Identificação Absoluta), também não tem o Pai (não é iluminado): e aquele que confessa o Filho (identifica-se como o próprio Caminho, como fez Jesus), tem também o Pai (penetra no mistério do Reino).” (I João 2:23).

Quando, de Coração e Alma, somos capazes de dizer: “Eu e Meu ser somos UM, EU SOU o Eu perfeito; EU SOU Consciência Pura; EU ESTOU no Reino; EU SOU o Infinito; EU SOU AQUELE QUE SOU”, então nós TEMOS o FILHO DE DEUS, e a Vida eterna.

Um só Caminho irá ficar—o Caminho do Verbo feito carne, o Caminho do Filho no seio do Pai, o Caminho do Pai e Filho sendo o mesmo Um, o Caminho de manifestarmos a NÓS mesmos como NÓS PRÓPRIOS. Nenhuma outra prece pode dizer: “Eu sei que Tu sempre me ouves”.

Os caminhos do mundo serão transcendidos, um só Caminho irá permanecer: o Caminho “EU SOU”. Este Caminho Único é nossa própria Vida—não a Vida como uma emanação, não a Vida como uma expressão, não a Vida como uma imagem ou um reflexo, mas a Vida como a própria Vida em Si!

Somente a Autoidentificação satisfaz. AutoIdentificação é o EuÚnico conhecendo a Si mesmo como todas as identidades. Quando passamos a ver e aceitar nossa única Realidade como sendo o Eu em Si, assim como os raios de luz são o sol em si, tal como Jesus, nós nos identificamos verdadeiramente como o Filho de Deus, a Luz Autorreveladora.

A Autoidentificação anula simultaneamente o senso de separatividade e de dualidade—assim como o despertar simultaneamente põe fim ao sono e ao sonho.

A Autoidentificação interpreta os mistérios ocultos, “coisas ocultas desde a fundação do mundo”. (Mateus 13:35). A Bíblia pode ser aceita literal, simbólica e metafisicamente; porém, somente quando a Autorrevelação nos envolve em Sua Luz, podemos compreender o real, o vital sentido da expressão O FILHO DE DEUS.

 

 

“VINDE A MIM”:  O CONVITE À LIBERTAÇÃO!

O chamado “VINDE A MIM”, feito por Krishna, Buda, Isaías,  Jesus, e sabe-se lá quantos outros, marca enfaticamente a LIBERTAÇÃO  DA ILUSÃO, por ser em si a TROCA DE REFERENCIAL em que uma falsidade, denominada  “eu nascido”, é EXTINTA pela Verdade de que DEUS É O NOSSO  EU  REAL E ÚNICO!

Toda a real Existência é DEUS, O “EU SOU” QUE EU SOU,  O “EU SOU”  QUE VOCÊ É,  E O “EU SOU ” QUE  TODOS SÃO! Por isso, “FORA DE MIM” não há “Salvador” nem  há “outros”,  como revelam as Escrituras.   Porém, a ILUSÃO  gera “outros eus”, supostamente “nascidos de mulher”, e os instrutores da Verdade, todos cientes desta FARSA, explicam a NECESSIDADE de esta CRENÇA FALSA ser destruída, convidando a humanidade a “VIR A MIM”, ao CRISTO que somos, à  nossa identidade eterna, divina e perfeita! Desse modo, pela “interiorização” contínua e profunda, a ILUSÃO vai sendo desmascarada e eliminada, juntamente com a CRENÇA FALSA E MENTIROSA que nos sugeria “OUTRO EU,” OU  “OUTRO MIM”, que NÃO DEUS, mas “alguém” de natureza mortal e imperfeita, ou seja, UM SER QUE JAMAIS  EXISTIU!

Mesmo com o convite “VINDE A MIM” sendo passado com ênfase e repetidamente  a toda a humanidade, a maioria sequer percebeu a sua importância, por viver subjugada ao “eu” ou ao “mim” HIPNÓTICO, acreditando piamente ser ele real e ser sua própria identidade. Além disso, a CRENÇA ILUSÓRIA faz com que este “eu irreal” viva escravo de “desejos de posse” e de “desejos instintivos”, que fora de controle,   deixam de ser “bens acrescentados” para serem “objetivos da vida”!

“VINDE A MIM” é o “CONVITE À REALIDADE ETERNA” em que SOMOS DEUSES! Ao cumprir esta realização, Paulo, extasiado,  assim declarou:

 “NÃO SOU MAIS EU; O CRISTO VIVE EM MIM!” Esta é a condição real e gloriosa de todo FILHO DE DEUS,  e que não é percebida pela maioria, que pensa estar preferindo “viver materialmente”, enquanto, na verdade,  apenas acha que pensa! AS CRENÇAS COLETIVAS PENSAM POR ELA, PRENDENDO-A NO “CATIVEIRO DA ILUSÃO DE MASSA”!

O “maior”, dos nascidos de mulher,   é inferior ao “menor” do Reino dos céus, disse Jesus! Estava expondo que o VALOR RESIDE EM “ESTARMOS EM MIM”,  E NÃO EM “SERMOS ALGUÉM DO MUNDO DE  ILUSÃO”!

Quanto mais “entrarmos” EM NÓS MESMOS, mais conheceremos o EU SOU QUE SOMOS; por outro lado, quanto mais nos enredarmos na CRENÇA DE MUNDO MATERIAL EXTERIOR,  mais nos sentiremos afastados de DEUS E DA VERDADE!

A REALIDADE ESTÁ “DENTRO DE NÓS”, E O “MUNDO DO PAI DA MENTIRA” , COMO UM SONHO, NÃO ESTÁ EM LUGAR NENHUM! É MERAMENTE UM “ESTADO HIPNÓTICO” A SER DESFEITO, E NADA MAIS! POR ISSO JESUS DISSE: “BUSCAI, PRIMEIRO, O REINO DE DEUS”!

E TAMBÉM DECLAROU:

“ESTE MUNDO” É DO SATANÁS, PAI DA MENTIRA;  MENTIROSO “DESDE O PRINCÍPIO”!

 *

O “PERMANECER EM MIM” LIBERTADOR!

 A prática da Verdade, muito mais do que alguém se tornar um cabedal de preceitos espirituais, é encarar o suposto “mundo fenomênico” como “miragem”, a ponto de, em vista disso, saber que “jamais  alguém esteve sendo participante dela”. Este reconhecimento é imprescindível!

A “miragem” é apenas aparentemente “vista”, pois, tudo que verdadeiramente existe, para poder ser visto, é Deus, que é a totalidade da Existência.

Um andarilho sedento e alucinado, no deserto, acredita “ver um oásis”, o que significa estar vendo algo que é NADA, uma simples “MIRAGEM”. De maneira idêntica, a maioria “vê  um mundo temporal e material” e endossa tal “MIRAGEM”, acreditando ter  ela realidade! 

“O Reino está presente NO MUNDO INTEIRO, mas os homens não o enxergam”, disse Jesus. Por que não o enxergam? POR ESTAREM OCUPADOS EM “VER A MIRAGEM” CHAMADA “MUNDO”, CRENDO COLETIVAMENTE SER “EXISTÊNCIA REAL”.

Citações bíblicas,  analogias ou parábolas, levantadas sobre o assunto, não se mostraram suficientes para “despertar” alguém da ILUSÃO COLETIVA e fazê-lo DEIXAR DE LADO A MENTE QUE VÊ “MIRAGEM” PARA QUE POSSA ELE “SE PERCEBER  ESTANDO NO REINO DE DEUS”. O que se requer, é DEDICAÇÃO E INTERESSE MÁXIMOS!

Assim como o andarilho já estava no deserto, TODOS SEM EXCEÇÃO já estão no Reino de Deus. Mas se esta PERCEPÇÃO não for entendida como algo essencial, prioritário e libertador, o que ocorrerá é um desinteresse pela Verdade e um  contínuo endosso da MIRAGEM, e, desse modo,  o “FILHO PRÓDIGO” SÓ SE VERÁ “NA CASA DO PAI” NA PARÁBOLA, e não na vida prática, por viver “enxergando o irreal” sem nada ver do que é real.

“Aquele que PERMANECER EM MIM conhecerá a Verdade, e a Verdade o libertará”, disse Jesus. Sempre se ouve alguém dizer que “foi salvo por Jesus”. Teria mesmo sido salvo? SÓ TERIA. SE VISSE A “MIRAGEM” COMO “NADA” E O REINO COMO “TUDO” ! E isto requer treinamento, dedicação e interesse, como já foi dito!  Requer “PERMANÊNCIA EM MIM”!

Reconheça que o aparente “mundo material” à sua frente é uma IMAGEM ILUSÓRIA na suposta “mente carnal”, isto é, não existe “lá fora”, assim como o “oásis no deserto” jamais esteve no deserto, mas na mente do caminhante alucinado; e então, RECONHEÇA JÁ ESTAR NO REINO DE DEUS, QUE ESTÁ PRESENTE EXATAMENTE ONDE VOCÊ ESTÁ!

LEMBRE-SE: O OÁSIS ERA “NADA’, E NÃO REALIDADE! DA MESMA’ FORMA, O  SUPOSTO “MUNDO” É NADA!  É “COISA NENHUMA”!

Será neste “entendimento” que VOCÊ saberá que “ESTÁ EM MIM” e jamais “NO MUNDO”!  Portanto, dedique-se às CONTEMPLAÇÕES ABSOLUTAS feitas com este “entendimento”!

“Buscai o REINO DE DEUS em primeiro lugar”, disse Jesus. A “busca” significa desmascarar a MIRAGEM para SE PERCEBER  JÁ ESTANDO “EM MIM”,  NA “UNIDADE PERFEITA”, QUE É A“CASA DO PAI”!

*

“JÁ RESPONDIDO!”

“E será que antes que clamem eu responderei; estando eles ainda falando,  eu os ouvirei”.

Isaías 65: 24

O Universo real, divino e pronto, deveria ser o FOCO daqueles que se dizem interessados pela Verdade. Entretanto, seguidores e instrutores permanecem num FOCO QUE NÃO É FOCO! O SUPOSTO MUNDO MATERIAL, HABITADO POR SUPOSTOS “ENCARNADOS” E ATÉ MESMO “REENCARNADOS”!

O que ninguém explica, é ONDE ESTARIA EXISTINDO “CORPO CARNAL” NA ONIPRESENÇA ESPIRITUAL DE DEUS! NÃO HÁ QUEM EXPLIQUE!

Isaías revelou o UNIVERSO ESPIRITUAL CONSUMADO! “E será que antes que clamem eu responderei; estando eles ainda falando, eu os ouvirei”. Paulo apóstolo deixou claro que “SOMOS HERDEIROS DE DEUS”, MAS NÃO COMO “CARNAIS”, E SIM “COMO O CRISTO”! Infelizmente, a humanidade só se mostrou interessada na HERANÇA, sem preencher o REQUISITO que a ela dá acesso: O “NASCER DE NOVO”, que é a RENÚNCIA ao “carnal mortal ilusório” pela IDENTIFICAÇÃO PLENA COM O CRISTO, UM COM DEUS, QUE SOMOS!

Não existe “carnal uno com Deus”! Apenas aparenta “existir carnal” uno com problemas, carências, infelicidades e limitações! MAS A NOSSA HERANÇA DIVINA PERMANECE UMA CONOSCO, DESDE QUE NOS VEJAMOS COMO FILHOS DE DEUS ESPIRITUAIS, PERFEITOS E CONSUMADOS COMO DEUS!

“Antes que clamem eu responderei” – disse Isaías. ISTO QUER DIZER QUE “ANTES QUE CLAMEM”, O CRISTO SEMPRE ESTÁ PRONTO E  UNO COM O PAI E COM TUDO QUE É DO PAI!  ESTE “CRISTO” É QUEM VOCÊ É!

AQUELE QUE SE IDENTIFICAR COM O CRISTO, ESTARÁ NA UNIDADE PERFEITA, COM O PAI E COM SUA HERANÇA PERMANENTE EM MÃOS! E para que ela seja “vista”, ou “trazida à luz”, bastará ser RECONHECIDA!

É AGORA que ganhamos e temos o Reino, a nósdado com agrado pelo Pai”!  RECONHEÇA O QUE LHE PARECER NECESSÁRIO  JÁ  PRESENTE NO REINO DE DEUS; A SEGUIR, RECONHEÇA QUE “VOCÊ ESTÁ EM DEUS E COM O QUE LHE FOR NECESSÁRIO SENDO UM COM DEUS E COM VOCÊ”!

FEITO O RECONHECIMENTO, A “SOMBRA VISÍVEL” DO “BEM RECONHECIDO” SE PROJETARÁ E SERÁ PERCEBIDA VISIVELMENTE!

Em vez de dizer: “Preciso disto; não tenho aquilo!”, pare de NEGAR SUA HERANÇA DIVINA! RECONHEÇA “SER O CRISTO”,  E ENTÃO,  RELAXE! FIQUE RECEPTIVO À PERCEPÇÃO DE DEUS LHE OUTORGANDO O SEU BEM!

DEIXE DEUS SER DEUS, E SE CONSIDERE “UM COM ELE”! EM OUTRAS PALAVRAS, CONSIDERE-SE “JÁ ATENDIDO”! 

ISTO É TUDO O QUE  TEM A  FAZER!

“Antes que ALGUÉM CLAME, já estava ATENDIDO”!  E assim será feito a TODO FILHO DE DEUS, mas não será feito a “carnal algum”! ISTO PORQUE DEUS É TUDO, É ESPÍRITO, É ONIPRESENÇA AUTOSSUPRIDA, BASTANDO, A CADA UM, QUE SE VEJA “UNO COM ESTAS VERDADES”!

*