EXERÇA SEU DOMÍNIO DIVINO, FRENTE À ILUSÃO!

Quando Jesus disse que “estivemos com ele desde o princípio”, expunha o FATO REAL DA EXISTÊNCIA, QUE É DEUS VIVENDO E SENDO TUDO, NUMA UNIDADE UNIVERSAL PERFEITA!

“Deus é a LEI e o LEGISLADOR do Universo”, disse Albert Einstein! UM UNIVERSO REAL, CONSUMADO, ESPIRITUAL, IMUTÁVEL. E PERFEITO!

“Minha mãe e meus irmãos são aqueles que fazem a Vontade de meu Pai”, disse Jesus aos discípulos que anunciavam a ele a chegada de Maria e seus irmãos. Estava desfocando a visão dos discípulos, entretida com as “APARÊNCIAS RIDÍCULAS DE VIDA TERRENA”, para que se colocassem no “REFERENCIAL DA LUZ”, em que TODOS SOMOS IRMÃOS NA ONIAÇÃO DA DIVINA UNIDADE PERFEITA, e não em “mundo ilusório do pai da mentira”.

Para “se desvincular” da ILUSÃO DE MASSA, Jesus empregava as orações sem petições, o poder da palavra como dominador das “aparências”, que eram “ausências” se fazendo passar por “presenças”, e que eram “apagadas” de sua aceitação através de vigorosas repreensões! Não “resistia ao mal”; antes, contemplava a Verdade, reconhecia o PODER “ÚNICO e ONIATIVO” DE DEUS, e afirmava convictamente que O BEM PERMANENTE sempre estava manifestado, e “no lugar das aparências”!

Suas repreensões eram “autotratamentos”, ríspidas IMPOSIÇÕES DE DOMÍNIO sobre o erro!

 Ao afirmar que “desde o princípio estivemos com ele”, dava-nos Jesus o testemunho de que “temos domínio idêntico ao dele” sobre a ILUSÃO!

Ao ser tentado a se prostrar diante de Satanás, que lhe oferecia “o mundo todo”, se prostrado o adorasse, Jesus respondeu:“Está escrito: somente adorarás o Senhor Teu Deus”!

Praticamos a Verdade quando exercemos, com autoridade, este mesmo domínio divino, diante de supostas “aparências fraudulentas”.

*

Deixe uma resposta