NÃO EXISTE “CRISTÃO CONVERTIDO”!

As crenças religiosas ortodoxas são hábeis em fazer proliferar um “cristianismo terrestre”, em que muito se ouve falar sobre “cristão convertido”, algo impossível de existir e de se conciliar com o real ensinamento de Cristo Jesus, que diz: “Se quer vir após mim, NEGUE-SE A SI MESMO, tome sua cruz e me siga”.

Se comentarmos com tais “cristãos” a Verdade pregada “antes de Cristo”, por Isaías: “Fora de MIM não há Salvador”,  afirmarão que “são convertidos”, pois aceitam Jesus e foram “salvos por Jesus”! Não se mostram receptivos ao “renascimento”, que não quer dizer “aceitar Jesus” como “carnal convertido”! Suas religiões não revelam o real sentido das palavras de Jesus, tão bem explicadas e vividas por Paulo apóstolo, ao declarar: “Estou crucificado! E não vivo mais eu: o CRISTO VIVE EM MIM”!

Jamais disse Paulo ter se tornado um “carnal convertido”! Sabia o sentido verdadeiro do “renascimento espiritual”. Mas as suas falas não foram pregadas como endossos de seu “renascimento”, nem seu dizer “estar crucificado” foi entendido como ter sido o seu “renascimento ao Cristo eterno”, ao Deus que perenemente esteve, está e estará sendo sua real  e permanente Natureza Crística!

Todo suposto “cristão convertido” se mostra entulhado das crenças em pecado e em “juízo final”, enquanto a Bíblia, no Antigo e no Novo Testamentos, revela que “Deus nem se lembra de transgressões e de pecados”, como disse Isaías, e que Jesus confirmou, dizendo: “Quem me convence de pecado?”

Não existem “cristãos convertidos”, viventes da matéria e aterrorizados com “medo do diabo” ou “medo do inferno”!

SOMENTE EXISTE DEUS, SENDO O CRISTO QUE TODOS SOMOS!  ESTA É A DOUTRINA DE JESUS E DE PAULO: “E vós também testificareis, pois ESTIVESTES COMIGO desde o princípio”, disse Jesus! E Paulo assim confirmou: “Jesus Cristo está EM VÓS”!  

*

Deixe uma resposta