NUNCA BUSQUE ALGO EM “ALUCINAÇÕES MATERIAIS”!


Se alguém sobrevoar um deserto, vendo sua imensa quantidade de areia, e também vendo um andarilho nele se movimentando, poderia entendê-lo como  alguém normal, como também,  vê-lo naquela extensão de areia se mostrando sedento e alucinado,

supostamente buscando alcançar um imaginário oásis apenas existente em sua insana imaginação.

Toda analogia somente terá valor se for interpretada e transportada aos princípios da Verdade, trazidos à vida prática e serem aplicados de forma plena, absoluta e disciplinada.

Que é a Verdade? SOMENTE EXISTE DEUS! Que significa o aviador vendo um peregrino no deserto? Representa o homem no REINO DE DEUS, porém, “enxergando a ILUSÃO” de que exista realmente um “oásis”  próximo ao local em que se encontra. A ILUSÃO não é vista pelo aviador, mas, para o peregrino, ela aparenta ser real.

Quando as mensagens da Verdade falam que “DEUS TRANSCENDE AS APARÊNCIAS”, ESSE TIPO DE COLOCAÇÃO É PURAMENTE DIDÁTICA! Por quê? PELO FATO DE QUE “SOMENTE DEUS É REALIDADE”, enquanto todo suposto “OASIS NO DESERTO” é simples ALUCINAÇÃO MENTAL DO PEREGRINO! Desse modo, “SER TRANSCENDENTE” QUER DIZER “SER ÚNICO” – ÚNICA EVIDÊNCIA REAL!

Quando Jesus diz que “estaríamos visitando a MIM”, caso estivéssemos envolvidos com a ALUCINAÇÃO COLETIVA, que “enxerga “HOSPITAL E DOENTES”, EM LUGAR DA “UNIDADE PERFEITA”, estaríamos sendo a “mente que vê oásis”, em vez de reconhecer que SOMENTE EXISTE O DESERTO!

Por que a “mente do peregrino” ficou alucinada, e a mente do aviador não ficou? NÃO NOS INTERESSA vasculhar as “causas da alucinação”, por SER ALUCINAÇÃO!

SOMENTE EXISTE DEUS E, PORTANTO, A MENTE REAL É UNICAMENTE DIVINA, PERFEITA E ISENTA DE ILUSÃO! ESTA É A VERDADE COM QUE NOS OCUPAREMOS!

“NÓS TEMOS A MENTE DE CRISTO”! EM VISTA DISSO, SEJA QUAL FOR O SUPOSTO “OÁSIS NO DESERTO”, TAL “APARÊNCIA” DEVERÁ SER DESCARTADA DE IMEDIATO, PARA QUE NOS IDENTIFIQUEMOS COM DEUS, COM O REINO DE DEUS E COM A TOTALIDADE DE DEUS!

Se a “aparência” for de “hospital, com médicos e  doentes”, estaremos dando VIDA à revelação de Paulo, que diz: “Em Deus vivemos, nos movemos e temos o nosso ser!”.

Na Seicho-no-ie, é dito o seguinte: “Aquele que busca o Reino de Deus na matéria é um perseguidor de ilusões!”. Estaria agindo como “peregrino alucinado”, avidamente buscando “água” em “oásis de sua alucinação”!

*

Deixe uma resposta