“BOM SÓ HÁ UM, QUE É DEUS!”

Ao se recusar a ser chamado de “bom mestre”, redarguiu Jesus: “Por que me chamas bom? Bom só há UM, que é Deus”. Desse modo, dava a suprema sabedoria que compreende a Verdade de que DEUS, ALÉM DE SER TUDO E TODOS, É BEM PERMANENTE, ONIPRESENTE E ÚNICO!

O mundo fenomênico, supostamente regido pela “mente carnal”, é fundamentado na ILUSÃO do “bem e do mal”: e sendo assim, divide a existência inteira rotulando tudo e todos segundo os seus supostos “dois poderes”. Com sua radical resposta, Jesus revelou a Verdade Absoluta da Existência, que é a Unidade Divina e Perfeita!

Esta Sabedoria só será praticada pela RENÚNCIA AO JUÍZO SEGUNDO AS APARÊNCIAS! É pelo “JUÍZO JUSTO” QUE ANULAMOS A ILUSÓRIA “MENTE CARNAL” SEPARATISTA!

Quando o filho pródigo se decidiu por “retornar à casa do pai”, sua volta foi comemorada, e foi ele tão bem tratado, que o outro filho, enciumado, foi ao pai reclamar que nunca havia recebido semelhante tratamento! Havia ele passado pelas agruras passadas pelo seu irmão? Havia aprendido dar valor a ter  estado na casa do pai o tempo todo? Sem  ter sofrido a ponto de se alimentar comendo lavagem de porcos? Não! Teria estado ininterruptamente ao lado do pai, porém, criticando o irmão, como se tivesse ficado em desvantagem! Mas o pai o corrigiu, dizendo: “Filho, sempre esteve vivendo comigo! Tudo que eu tenho sempre esteve sendo seu!”

Não há bondade nem maldade na ILUSÃO!

O QUE HÁ, É DEUS SENDO TUDO E SENDO O PAI ÚNICO DE JESUS E DE NÓS TODOS!

Os dois filhos, da Parábola de Jesus, se mostraram cegos para a Verdade de que JÁ ESTAVAM DE POSSE DE TUDO QUANTO O PAI POSSUÍA. Por qual motivo? PELO DESCONHECIMENTO  DE QUE SERIAM DONOS DE TUDO SOMENTE QUANDO SE VISSEM EM UNIDADE COM O PAI, E DONOS DAS POSSES TODAS DO PAI!

Quando esta Verdade substituir a CRENÇA  DUALISTA, que mostra um “mancebo” desejoso de obter a vida eterna, ao lado de um “bom mestre” que,  sendo entendido como mais sábio do que ele, lhe desse instruções  que atendessem aos seus anseios, TODOS SE PERCEBERÃO ILUMINADOS, ETERNOS E PERFEITOS, enquanto a ILUSÃO de “vida limitada e mortal” será completamente varrida, e se mostrando ser o que verdadeiramente sempre esteve sendo:

puro nada! 

*

Deixe uma resposta