EM QUE CONSISTE O CHAMADO “TRATAMENTO METAFÍSICO”?

São diversos os ensinamentos espirituais que empregam a expressão “tratamento metafísico”. Isto porque explicam procedimentos capazes de resultar em supostas “curas” de problemas ou de doenças. Se a Medicina tem por objetivo apresentar “curas” ou “melhorias” de corpos físicos, os “tratamentos metafísicos” têm objetivos que vão muito além da visão material da vida, muito embora apresentem também as chamadas “curas”. A própria palavra “Metafísica” quer dizer “além da matéria”.

Para a Medicina, as doenças ou problemas físicos são tratados como realidades, quando são ministrados medicamentos específicos, bem como são realizadas cirurgias, aplicada a fisioterapia, enfim, o que parecer ser necessário e disponível para alguém “recuperar” sua saúde.

Para a Metafísica, cada Ser é identificado como EXPRESSÃO PERFEITA E IMUTÁVEL DE DEUS, sempre “UM COM DEUS” e sempre “NO AGORA DE DEUS”. O chamado “corpo carnal”, saudável ou doentioM, é por inteiro NEGADO como REALIDADE, enquanto o CORPO DE LUZ, IMUTAVELMENTE PERFEITO, é aceito, afirmado, reconhecido e “contemplado” como sendo o ÚNICO CORPO que todos possuímos. UM CORPO ETERNO, QUE JAMAIS NASCE, JAMAIS MUDA E JAMAIS MORRE!

O “corpo” reconhecido pela Medicina como “corpo carnal”, para a Metafísica, é apenas uma “aparência sem vida do corpo”, uma “imagem mutável ilusória”, uma espécie de “sombra” do CORPO REAL E ETERNO! Sendo o suposto “corpo carnal” mera “imagem” retida na mente humana, e não “um corpo sólido” como aparenta ser, aos olhos do mundo, para a Metafísica, não é ele sequer levado em conta, para ser avaliado como sujeito a doenças graves ou não graves.

O SUPOSTO “CORPO CARNAL” É MERAMENTE EXPRESSÃO DA CRENÇA DE QUE O HOMEM É SEPARADO DE DEUS, UM SER SUJEITO ÀS CRENÇAS DO BEM E DO MAL,  SEMPRE LUTANDO E SE ESFORÇANDO PARA SE MANTER SAUDÁVEL.

Na Metafísica, o “tratamento” reside na simples, inequívoca e radical CONFIRMAÇÃO DA SAÚDE PERMANENTE E INVIOLÁVEL DO HOMEM REAL, O QUE INCLUI SER DESCARTADA, E POR COMPLETO, TODA E QUALQUER  SUPOSTA CONDIÇÃO FÍSICA “COMPROMETIDA” DO INDIVÍDUO, PARA QUE UNICAMENTE A VERDADE POSSA SER RECONHECIDA SEM DESVIOS E SEM INFLUÊNCIA DE QUAISQUER CRENÇAS MATERIAIS.

O suposto “corpo em mundo material” não passa de uma “projeção tridimensional” do CORPO REAL, visto pela “mente humana”. Desse modo, SENDO O “TRATAMENTO METAFÍSICO” UM “TESTEMUNHO DA VERDADE” DE QUE O CORPO É ETERNAMENTE PERFEITO, como “fruto desse reconhecimento”, a mente é afetada, a “aparência de corpo” é alterada, e, com isso, a chamada “cura” pode ser “trazida à luz”, e constatada visivelmente. Porém, não houve verdadeira “cura”, como também não havia existido “doença”! APENAS A VERDADE  ESPIRITUAL ESSENCIAL E ETERNA FOI RECONHECIDA, E CONVICTAMENTE CONTEMPLADA E EVIDENCIADA!

*

Deixe uma resposta