“MAIOR É O CRISTO QUE ESTÁ EM MIM!”

“Filhinhos, sois de Deus, e já os tendes vencido; porque maior é o que está em vós do que o que está no mundo”.
1 João 4:4

Se alguém se posicionar diante de um espelho com seu suposto “corpo tridimensional”, verá no reflexo uma imagem de “corpo bidimensional”. O reflexo terá largura e altura, porém, não terá profundidade! Que teria feito sumir a terceira dimensão? A limitação do espelho! Este sumiço teria afetado ou anulado a terceira dimensão do  corpo exposto diante dele? Não. Somente o “reflexo” se mostraria em duas dimensões!

A Metafísica absoluta explica que NOSSO CORPO É DEUS, “TEMPLO DE DEUS”, INFINITO COMO DEUS; entretanto,  ele se mostra como “corpo carnal”, quando aparece refletido desse modo no “espelho” da suposta “mente carnal”.

A Bíblia diz: “Maior é aquele que ‘está em VÓS’ do que aquele que ‘está no mundo’”.  De nada adianta ler uma revelação desse porte, sem que se vivencie na prática o seu conteúdo!

As analogias são apresentadas para facilitar nossa vivência nas revelações. Já sabemos que “IR A MIM” significa “IRMOS À UNIDADE PERFEITA”, através do CRISTO QUE SOMOS. É desse modo que nos desviamos do mundo e do que está no mundo, INCLUSIVE  do fraudulento “eu nascido”, sempre na pretensão de ser aceito como sendo quem somos!

Quando RECONHECEMOS  a Verdade que somos, O CRISTO, mesmo que a suposta “mente carnal” nos mostre a imagem de “carnal nascido de mortais”, esta visão terrena será descartada em vista de “ESTARMOS EM MIM”,  NO CRISTO QUE SOMOS EM DEUS, OU SEJA, VIVENCIAMOS O PRINCÍPIO  REVELADO DE  QUE “MAIOR É O CRISTO EM MIM”  DO QUE O SUPOSTO  “CARNAL FINITO” REFLETIDO NO MUNDO!

Esta PERCEPÇÃO É PODEROSA, pois, como está na analogia, TODAS AS LIMITAÇÕES E IMPERFEIÇÕES,  sugeridas pelo “espelho” da “mente carnal” são ILUSÓRIAS! E O QUE É PERMANENTE, É NOSSA IDENTIFICAÇÃO COM O CRISTO, SEMPRE OCULTO EM DEUS E PERFEITO COMO DEUS!

Esta substituição da ILUSÃO pela VERDADE,  do ilusório “eu nascido” pelo CRISTO ETERNO, é o que nos leva a VER  DEUS FACE A FACE, a ponto de repetirmos Jesus Cristo:

“AQUELE QUE ME VÊ A MIM, VÊ O PAI!”

*

Deixe uma resposta