O CRISTO SENDO A DERRUBADA DA “PAREDE DE SEPARAÇÃO”!

O ilusório “mundo fenomênico” é o palco de desavenças, atritos e confusões em série, envolvendo nações e pessoas. A causa é a CRENÇA FALSA de que tudo e todos existem separados, de Deus e também “uns dos outros”. O conhecimento da Verdade nos remove a atenção destas mentiras, chamando-nos “A MIM”, ao EU ÚNICO E ABSOLUTO, em que somos TODOS UM !

O  apóstolo Paulo disse o seguinte: “Cristo fez de ambos os povos um só, derrubou a parede de separação e desfez a inimizade, para criar dos dois um novo homem, em paz” (Efésios, 2: 14-15).

As bilhões de galáxias existentes se movem segundo um Legislador único, sem “vontades” separadas do TODO.

O Cristo é a realidade viva que nos une a Deus e a todo o Universo; assim, como disse Paulo,  o Cristo torna o povo “um só”, derrubando a ilusória  “parede de separação”  causadora de dissensões.

Que é o Cristo? O Cristo é o DEUS ÚNICO Se expressando como FILHOS DE DEUS EM “UNIDADE PERFEITA”!  Os ramos da videira convivem harmoniosamente, uns com os outros, por serem sustentados pela Mente divina única, o que descarta a “parede de separação” entre eles.

Seja um relacionamento conjugal, entre pais e filhos, entre patrão e funcionários, ou entre nações, TUDO SE  MOSTRARÁ HARMONIZADO pelo radical reconhecimento da Verdade de que DEUS, A MENTE ÚNICA, REGE  O UNIVERSO REAL E ESPIRITUAL  E TUDO QUE NELE HÁ CONTIDO!

A maioria dá endosso às discussões e desentendimentos das “aparências”, e desconhece que a REALIDADE ONIPRESENTE É PAZ! CADA

UM, COM SEU CRISTO, DEVE SE CONTEMPLAR

OCULTO EM DEUS, EM SUA UNIDADE COM ELE, E EM SUA PAZ PERMANENTE.

Muito se fala em “incompatibilidade de gênio”, aceita e considerada como motivação para haver separações e conflitos; porém, o que realmente ocorre, é a falta de “negação de si mesmo” como “carnal” , e o reconhecimento do Cristo como o SER QUE TODOS SOMOS, EM “UNIDADE COM O PAI”.

A HUMANIDADE CONTA MAIS COM A “SABEDORIA DA SERPENTE” DO QUE COM A “PRÁTICA DA VERDADE”!  Entretanto, a Verdade É QUE A HARMONIA ENTRE TODOS OS SERES JÁ É!  NÃO SE TRATA DE ALGO A QUE RECORREMOS PARA “HARMONIZAR A ILUSÃO”, e sim VERDADE a ser reconhecida como  estando PRESENTE EXATAMENTE  NO LUGAR DA ILUSÃO!

Quem meditar segundo estes princípios absolutos, testemunhará o desaparecimento da “parede de separação” em função de a REAL HARMONIA DA “UNIDADE PERFEITA” TER SIDO RECONHECIDA COMO PERMANENTE!

  *

Deixe uma resposta