“REMENDO NOVO EM VESTE NOVA!”

“Ninguém põe um remendo de pano novo numa veste velha, porque arrancaria uma parte da veste e o rasgão ficaria pior”.

Mateus 9: 16

Os princípios absolutos da Verdade requerem “VESTE NOVA” para serem praticados, ou seja, são “PANO NOVO” destinado a REMENDAR “VESTE NOVA”!  Assim disse Jesus: “Ninguém põe um remendo de pano novo numa veste velha, porque arrancaria uma parte da veste e o rasgão ficaria pior”.
A Verdade Absoluta não se coaduna com as velhas crenças religiosas nem com supostas “doutrinas várias e estranhas”, que, como Jesus e Paulo nos alertaram, são PRECEITOS DOS HOMENS, vinculados com AS  NOCIVAS  CRENÇAS DUALISTAS E TEMPORAIS, enquanto a VERDADE PURA  é o AGORA ATEMPORAL, ADMITIDO, CONTEMPLADO E VIVENCIADO  “POR MIM” E “EM MIM”, sendo que este “MIM” se refere a DEUS SENDO TUDO E SENDO QUEM SOMOS!

“É chegado o Reino de Deus”, diz a Bíblia. Sua percepção se dá com o “despojamento” do VELHO HOMEM E SEUS FEITOS, isto é, não é REVELAÇÃO PARA CARNAIS OU MORTAIS! O REINO É PRESENTE DE DEUS PARA FILHOS ESPIRITUAIS DE DEUS!

“Jesus Cristo está em vós”, disse Paulo.

SER O CRISTO, ESTAR IDENTIFICADO COM O CRISTO, VIVER CIENTE DE  QUE  “O CRISTO É A NOSSA VIDA”, EIS A |”VESTE NOVA” RECEBENDO “REMENDO NOVO”!

Pretender  “remendar mortais” com a Verdade, CRENÇA ACEITA PELA MAIORIA, já demonstrou ser pura falácia geradora de MAIS “RASGÕES”, MAIS CRENDICES FALSAS!  

O PANO NOVO “REMENDA” VESTE NOVA, OU SEJA, A VERDADE DE QUE “SOMOS A NOVA CRIATURA EM CRISTO”,  E  NUNCA O “VELHO HOMEM COM SEUS FEITOS”, QUE DEVERÁ SER DESPOJADO!

A “ilusão” é, de fato, PURA ilusão, “RASGÃO EM ROUPA VELHA” QUE NÃO PODERÁ SER CORRIGIDO COM “PANO NOVO”.

Jesus explica que JAMAIS  alguém poderá SER LIBERTO PELA VERDADE através de suposta “evolução”, “reformas mentais interiores”, “elevações paulatinas de consciência”, reencarnações”, etc.. ADOTAR ESTAS MENTIRAS SERIA PRETENDER “PÔR REMENDO DE PANO NOVO EM VESTE VELHA”!

JÁ  SOMOS A “VESTE NOVA’” RECEBENDO O “REMENDO NOVO”, ou seja, não somos “deste mundo” nem somos “buscadores” do Reino de Deus”!  SOMOS O QUE DEUS É, EVIDENCIADO COMO O CRISTO OCULTO EM SEU REINO,  E SEM MISTURARMOS “PANO VELHO” COM “REMENDO NOVO”,  POR SIMPLESMENTE PERCEBERMOS QUE DEUS É A TOTALIDADE DE TUDO E É A TOTALIDADE DO CRISTO QUE  AGORA SOMOS!

*

Deixe uma resposta