RECONHEÇA A TOTALIDADE DE  DEUS COMO LUZ RESPLANDECENTE!

“E o julgamento é este: que a luz veio ao mundo, mas os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más. …”.

João, 3: 19-20

 

A TOTALIDADE DE DEUS  muito é enfatizada em diferentes ensinamentos metafísicos; porém, na Bíblia também é dito que A LUZ RESPLANDECE SOBRE AS TREVAS, E AS TREVAS NÃO A RECONHECERAM! Que quer a Bíblia dizer com isto? Explica que, com a “mente em trevas”, a LETRA DA VERDADE não chega a ser “VIVIFICADA PELO ESPÍRITO DIVINO”, UMA

 VEZ QUE a LETRA fica  reduzida apenas ao “Batismo com água”, que é uma “aceitação puramente mental” e não iluminada!

A  LETRA DA VERDADE revela DEUS como LUZ ONIPRESENTE e RESPLANDECENTE, mas que requer ser VIVIFICADA pelo “Batismo com fogo”, o que significa ser VIVIFICADA PELO ESPÍRITO DIVINO, que é o ESPIRITO E A MENTE DE DEUS ATUANDO COMO NOSSA “PERCEPÇÃO” E COMO “EXPERIÊNCIA ILUMINADA”.

Que ocorre quando alguém SOMENTE lê que DEUS É A TOTALIDADE DA EXISTÊNCIA, E VIVE RECLAMANDO DE “LATIDOS DE CÃES”, DE “DORES LOMBARES”, DE VARIADOS “MALES”, DE “VIZINHOS RUIDOSOS”, DE “CONTAS A PAGAR”, DE “AUMENTO DE PREÇOS”, DE “FALTA DE DINHEIRO”, DE “POLÍTICOS CORRÚPTOS”, DE “PARENTES MATERIALISTAS”?  OCORRE UNICAMENTE O SEGUINTE:

A LUZ RESPLANDECE SOBRE AS TREVAS, E AS TREVAS INSISTEM EM NÃO RECONHECÊ-LA!

QUE SÃO AS “TREVAS”? SÃO A AUSÊNCIA DE RECONHECIMENTO DA TOTALIDADE DE DEUS!

“DEUS É LUZ, E NELE NÃO HÁ TREVAS NENHUMAS”, revela a Bíblia! Portanto, se “trevas são vistas”, é por aparentar haver algum FILHO DE DEUS deixando de reconhecer sua própria Mente como divina, e achando que “aparências e sensacionismos”, QUE SÃO “TREVAS”, SEJAM EXISTÊNCIAS VERDADEIRAS!

Enquanto DEUS não for reconhecido como “TOTALIDADE UNIVERSAL ILUMINADA”, A Verdade APARENTARÁ estar encoberta, a ilusória “mente carnal” aparentará ser existente, e A CRENÇA FALSA EM DOIS PODERES APARENTARÁ SER REALIDADE! EM OUTRAS PALAVRAS, A ILUSÃO ESTARÁ SENDO ENDOSSADA, EMBORA SEJA PURA E INTEGRALMENTE “NADA”!

Endosse e reconheça UNICAMENTE A TOTALIDADE DE DEUS, contemplando DEUS estando MAIS PRÓXIMO DE VOCÊ DO QUE QUAISQUER “APARÊNCIAS E SENSACIONISMOS ILUSÓRIOS”!

NADA HÁ ALÉM DE DEUS! NADA HÁ, MAIS PRÓXIMO DE VOCÊ, DO QUE DEUS! Deus é a totalidade da Realidade universal! DEUS É SUA ESSÊNCIA, SUA VIDA, ESPÍRITO, MENTE E CORPO! E VOCÊ é DEUS, ou a LUZ DE DEUS, resplandecendo no exato lugar em que a ILUSÃO pretende ser presença ou ser “alguma coisa”!

NUNCA FOI NEM SERÁ! ILUSÃO É MERA AUSÊNCIA DO RECONHECIMENTO DA VERDADE! E DEUS É TODA A VERDADE, E, TAMBÉM, É A VERDADE ILUMINADA QUE TODOS AGORA SOMOS:

O CRISTO!

*

VIVER É SIMPLESMENTE SER, SEM NADA ESPERAR, E SEM A NADA SE APEGAR!.

 

“Aquele que nada mais espera neste mundo, nem em um outro mundo, que é a tudo insensível, de tudo desprendido – a esse eu chamo de sábio. Aquele que, não tendo mais ligações com os homens, superou aquelas que poderia ter com os deuses, que é completamente desprendido de tudo – a esse eu chamo de sábio”.

BUDA

Um simples lampejo, revelador da Realidade divina, mostra a simplicidade da Existência única, iluminada, plena, e Autossuprida, e mostra a nulidade do suposto “eu nascido em mundos”, a nulidade de tudo que aparenta estar ele esperando, neste ou em outros mundos, e a nulidade de todos os supostos “mundos”.

Buda chama de SÁBIO o que a Bíblia chama de CRISTO! O Ser real, individual, pleno e perfeito, conhecedor de sua natureza espiritual distinta, porém, inseparável da Onisciência do TODO!

Por que a maioria aparenta entender como “vida sem graça”, a vida de alguém que se afine às aptidões consideradas por Buda como sendo atitudes dos “sábios”? A RESPOSTA É: POR ESTAR ACREDITANDO NUMA ILUSÃO COLETIVA, QUE EXPÕE MUNDOS DE BEM E DE MAL, DE NASCIMENTOS, SOFRIMENTOS E MORTES, DE ENCARNAÇÕES E DE REENCARNAÇÕES, ENQUANTO NADA DISSO É REALIDADE OU É ACEITO PELOS “SÁBIOS”!

O suposto “mundo fenomênico” JAMAIS esteve existindo, e deste BLEFE HIPNÓTICO somente se livrará quem souber que UNICAMENTE O NIRVANA OU O REINO DE DEUS É REALIDADE!

Há pessoas que se dizem budistas, e há outras que se dizem cristãs; entretanto, encontrar as QUE SÃO BUDA, ou as QUE SÃO CRISTO, é possível somente aos “sábios”, que não se apegam a nada e, em vista disso, veem BUDA ou veem CRISTO em todos os seres!

Este é o FOCO do ensinamento absoluto, que não se destina a fazer com que haja alguém se apegando a algo ou alguém “deste mundo”;

 nem a supostos autores de mensagens espirituais, nem a “mestres iluminados”, nem a supostas religiões! E isto, para serem simplesmente,  O QUE SEMPRE ESTIVERAM, ESTÃO E ESTARÃO SENDO:

A VIDA ETERNA E A VERDADE ABSOLUTA!

 *

 

COMO CRISTO, VIVEMOS IMERSOS NO AMOR E NA GLÓRIA DE DEUS!

Como a suposta “mente carnal” nada capta da Realidade divina, aqueles que  julgam ser ela a “mente de si próprios”, viverão acreditando que os “prazeres do mundo” sejam verdadeiros, e desejarão desfrutá-los ao máximo possível, sem a mínima noção de que PERDEM O REAL E PERMANENTE PRAZER DE “SEREM DEUSES”.

Todo FILHO DE DEUS traz, em SI MESMO. a FONTE DO REAL PRAZER, que é ABSOLUTA, jamais conhecida pelo mundo, pela ilusória “mente carnal” ou pelos seus ilusórios “sentidos mortais”. Devido ao DESCONHECIMENTO de que, a partir de si mesmos, Deus faz jorrar “RIOS DE ÁGUA VIVA”, muitos se escravizam e se doam aos “RIOS DE ÁGUA MORTA”  da percepção humana, em que creem piamente lhes serem ultra prazerosos; assim, em vez de “COLOCAREM NO ALTO A PRÓPRIA LUZ”, apenas endossam uma “frequência mental baixa”, e se permitem TROCAR A VERDADE pelos banais “prazeres efêmeros da mentira”, e atraindo, na vida, pessoas e condições de igual frequência mental!  Nem seria preciso ser dito que, nesses casos, não estarão VENCENDO O MUNDO!

Os supostos “ensinamentos tântricos”, buscados por muitos, levam incautos a crer estarem “encontrando DEUS”, através deles! Mas somente acharão “rios de água morta”, até que se voltem diretamente “A MIM”, ao “EU SOU ABSOLUTO”, QUE É TUDO, E QUE SE EXPRIME COMO O CRISTO QUE SOMOS, O FILHO DE DEUS PERMANENTEMENTE IMERSO NO AMOR E NA GLÓRIA DE DEUS.

Muitos meditam e se contentam em relaxar a mente humana; porém, a real contemplação é feita para percebermos DEUS sendo o EU SOU que somos, e nos admitirmos viver imersos no Amor e na Glória onipresentes de Deus!

Esta realização é a NOSSA LUZ NO ALTO, imune às trevas e ilusões da suposta “vida terrena”.

Deus é o Universo infinito Se expressando como Amor e como Glória,. Quando Jesus orava, dizendo: “Pai. Glorifica Teu Filho”, sabia que já estava sob permanente GLORIFICAÇÃO, e que o pedido era apenas se perceber desvinculado do mundo, da mente carnal e da crença material!

Por que a humanidade vive atrás de “prazeres do mundo”? POR DESCONHECER QUEM REALMENTE SOMOS! Por isso, Buda ensinava o chamado “Caminho do Meio”, para que ninguém vivesse só como “espiritual” ou só como “carnal”, pois, na suposta “vida fenomênica”, o sexo aparenta fazer parte desta vida. Mas quando O CRISTO se mostra sendo a nossa VIDA, esta “glorificação” faz com que a suposta “vida terrena’” seja transcendida! E isto por ficarmos plenos , completos e satisfeitos, na percepção de que VIVEMOS EM DEUS E NÃO NO MUNDO!

Por isso, assim disse Paulo:

“QUANDO O CRISTO, QUE É A NOSSA VIDA, SE MANIFESTAR, NÓS, TAMBÉM, NOS MANIFESTAREMOS COM ELE EM GLÓRIA!”.

*

“Conhece O Que Está Diante De Teus Olhos!”

“Disse Jesus: conhece o que está diante de teus olhos – e o que te é oculto te será revelado; porque nada há oculto que não seja revelado”.

Evangelho de Tomé

Não existe instrução mais elevada do que esta: “Conhece o que está diante de teus olhos!”. O enfoque absoluto da Verdade tem por premissa básica o seguinte: “DEUS É TUDO, TUDO É DEUS!”. A instrução de Jesus é no sentido de SER PRATICADA esta premissa, ou seja, CONHECERMOS “UNICAMENTE DEUS” ESTANDO DIANTE DE NOSSOS OLHOS, sem nos iludirmos com supostas condições ou pessoas materiais!

É o DESCONHECIMENTO do que “está diante de nossos olhos” que nos oculta o REINO CHEGADO DE DEUS em que vivemos!

É O DESCONHECIMENTO do que “está diante de nossos olhos” que nos oculta o CORPO DE LUZ iluminado, eterno e glorioso que temos!

É O DESCONHECIMENTO do que “está diante de nossos olhos” que nos ilude e faz com que “imagens hipnóticas”, de bem e de mal, sejam endossadas como reais!

O que Jesus nos diz, é que CONHEÇAMOS A ONIPRESENÇA DE DEUS RESPLANDECENDO  DE MODO PERMANENTE DIANTE DE NOSSOS OLHOS QUE DE FATO VEEM!

Quando isto realmente é feito, O MUNDO DO PAI DA MENTIRA deixa de chamar nossa atenção, tendendo a SUMIR, por ter,  a NOSSA ATENÇÃO, MUDADO DE REFERENCIAL e ficando VOLTADA A “CONHECER A PERFEIÇÃO” DE TUDO QUANTO ESTIVER DIANTE DE NÓS!

Esta PERFEIÇÃO, mesmo aparentando estar “oculta”, SEMPRE ESTIVERA PRESENTE DIANTE DE NÓS, e,  como disse Jesus, “AO SER CONHECIDA”, NOS FICARA “REVELADA”!

SIMPLES ASSIM!

*

A REAL SUBSTÂNCIA É DEUS, PERFEITA E INVISÍVEL!

Quem desejar parar de ser enganado pelas “imagens hipnóticas” da ilusão, terá de sempre recordar que DEUS, SENDO TUDO, É A ÚNICA SUBSTÂNCIA formadora do Universo e de TUDO o que nele se contém! E esta lembrança se fundamenta numa “vida alicerçada na fé”, uma vez que A FÉ É A CERTEZA DAS COISAS NÃO VISTAS, e não uma ilusória aceitação das supostas “aparências visíveis” aos sentidos humanos!

Deus é a ÚNICA e REAL Substância universal; porém, É INVISÍVEL PARA A PERCEPÇÃO MENTE HUMANA!

Quando a  Bíblia diz que “DEUS CRIOU TUDO EM SEIS DIAS, E DESCANSOU NO SÉTIMO”, está simbolizando o FATO ABSOLUTO DE QUE “TUDO ESTÁ PRONTO”!

Quando Jesus declarou que O REINO DE DEUS está entre nós, mas nunca como “aparências”, explicava que ESTAMOS TODOS NO REINO INVISÍVEL DE DEUS, AQUI E AGORA, E QUE JAMAIS EXISTIU “ALGUÉM” QUE FOSSE NASCIDO EM “APARÊNCIAS”!

“Não chameis de pai a NINGUÉM da Terra”, disse ele! Mas, não foi ouvido nem entendido! “UM SÓ É O VOSSO PAI, O QUAL ESTÁ NOS CÉUS”, completou em sua declaração!

A humanidade persiste em ver “alguém” nascendo e em ver “alguém” morrendo! Isto comprova o endosso coletivo da ILUSÃO!

O Evangelho só foi entendido como “preceitos” destinados a melhorar a vida humana, quando, na verdade, foi revelado para dizer a todos que VIVEMOS EM DEUS, COMO FILHOS DE DEUS, NUM PARAÍSO PERFEITO, PRONTO E PERMANENTE!

Teria alguma ligação com o suposto “mundo de aparências”? Não! “O Meu Reino NÃO É deste mundo”, disse Jesus com total clareza!

O Evangelho só será entendido quando O REINO INVISÍVEL, PRONTO E IMUTÁVEL DE DEUS FOR RECONHECIDO COMO ONIPRESENTE, PERFEITO E ÚNICO! Pretender associá-lo com o “mundo do pai da mentira” seria “levar no bolso” uma nota genuína de cem reais, e junto com ela, levar também uma nota falsa de mesmo valor! Enquanto a FALSA não for deixada de lado como falsidade, poderá estar sendo “vista” como realidade, comprovando que “um papel sem valor” é interpretado  como “substância monetária”, o que explica a palavra ILUSÃO: a pessoa, dona de cem reais,  SE ILUDIR E ACREDITAR ter com ela “irreais” duzentos reais!

O mesmo se dá com aquele que “mistura” o seu Corpo REAL com a falsidade de “corpo carnal nascido”. Vendo falsidades juntadas à realidade, acredita, por exemplo, não ter um CORPO REAL PERFEITO E INADOECÍVEL, UM PURO E PERFEITO “TEMPLO DE DEUS”! Desse modo, afirma “ter dor no corpo”, “estar doente”, “ser pecador”, e endossar todas as demais falsidades, mentiras e sensacionismos!

QUANDO SE LIVRARÁ DISSO TUDO? ASSIM QUE ACREDITAR “SER UM TEMPLO ILUMINADO DE DEUS” E “NÃO UM HABITANTE DA ILUSÃO MATERIAL”!

Grave bem: DEUS SE EVIDENCIA, AQUI E AGORA, COMO O CRISTO QUE VOCÊ É!

E o suposto “eu nascido” não participa jamais de sua existência divina!

“Antes que Abraão existisse, EU SOU”, disse Jesus aos fariseus que o viam como “carnal com idade temporal”!

ESTE “EU SOU” É, IGUALMENTE, A TOTALIDADE DO “EU SOU” QUE VOCÊ É! AQUI E AGORA!

*

Evidência Perfeita Traduzida Como “Aparência” de Imperfeição.


DEUS É TUDO – esta é a VERDADE ABSOLUTA. Em vista disso, TUDO que realmente se evidencia, é DEUS, perfeição absoluta, universal e permanente. Quando “imperfeições são percebidas”, o fato real é que A PERFEIÇÃO ALI PRESENTE foi distorcida pelo “instrumento de percepção inidôneo”, a suposta “mente humana. inapta para “perceber o que Deus percebe”.
Quando nos reconhecemos “estar na Unidade com Deus”, reconhecendo que TEMOS A MENTE DIVINA, de início aceitaremos, através da FÉ, que TUDO JÁ ESTÁ PERFEITO! Isto porque a CRENÇA COLETIVA nos TENTARÁ induzir a acreditar que as imperfeições, QUE APENAS APARENTAM EXISTIR PARA “MENTE HUMANA”, existam e que sejam reais.

Não podemos NEGAR JAMAIS O QUE DEUS VÊ, se sabemos que CRENÇAS COLETIVAS jamais conseguem mudar a PERFEIÇÃO DIVINA em “imperfeições”!

Iludida pelo suposto “mundo de imperfeições”, segue a maioria endossando todas elas, sempre lutando para corrigir, melhorar ou curar algo!

E ISTO, POR DESCONHECER QUE A PERFEIÇÃO ABSOLUTA É A ÚNICA PRESENÇA REAL E JÁ PERFEITA!

O ensinamento absoluto vai direto ao ponto: TUDO ESTÁ PERFEITO E ASSIM DEVE SER RECONHECIDO, PARA QUE AS “APARÊNCIAS DE IMPERFEIÇÃO” DEIXEM DE SER ENDOSSADAS COMO REALIDADES E SEJAM PERCEBIDAS COMO “IMAGENS HIPNÓTICAS”, JAMAIS EXTERIORIZADAS, SEMELHANTES A PESADELOS!

Em várias situações de aparentes curas e de solução de problemas, Jesus afirmou: “A TUA FÉ TE SALVOU!”. Estava, na verdade, dizendo que o suposto “beneficiado”, de algum modo, pela fé, havia acreditado. momentaneamente na PERFEIÇÃO sempre presente, ESTANDO NO LUGAR DAS “APARÊNCIAS DE IMPERFEIÇÃO”!

O Universo é DEUS em AUTOMANIFESTAÇÃO PERFEITA! Enquanto a crença de imperfeição perdurar, A HUMANIDADE SE VERÁ ILUDIDA PELAS DEFORMAÇÕES DECORRENTES DA “MENTE CARNAL”; ENTRETANTO, TUDO QUE ESTEJA DIANTE DELA, JÁ É PERFEIÇÃO, LUZ E IMUTABILIDADE ETERNA!

E ISTO PORQUE DEUS É TUDO!

*

A Ansiedade Que Esconde O Bem Presente!

stress1

O Universo é o Bem Presente Infinito, permanentemente em manifestação. Como a suposta mente humana nada enxerga desta Verdade, com sua cegueira ilude a todos com a ansiedade de “querer ver algo”, invisivelmente presente, mas que, para ela, se mostra estando ausente!

Em qualquer lugar que plantemos uma muda de árvore, naquele exato instante ela começa a se movimentar aos olhos do mundo. Por quê? Porque jamais a árvore real, completa e perfeita, deixou de estar na Oniação divina! A “movimentação temporal”, reconhecida pela mente humana, é falsa! Um “reflexo” da Oniação, que é a “árvore real” já pronta e vivendo permanentemente na Realidade divina.

Ao ser plantada a muda, a CRENÇA diz que a árvore crescerá, e, desse modo, vemos a CRENÇA sendo cumprida!

Se a muda de árvore plantada fosse viver como faz o suposto “homem natural”, não estaria refletindo passo a passo a Oniação em seu “desdobramento visível”! Viveria ansiosa e desejosa de “ver resultados”! Se fosse muda de limoeiro, estaria ansiosa, e se perguntando: “Quando verei meus limões? Que estaria atrasando a manifestação deles?” Que estaria ela fazendo? OLHANDO A SI MESMA NA ILUSÃO, E NÃO NA ONIAÇÃO, ONDE ESTÁ PRONTA, PLENA E COMPLETA!

Infelizmente, hipnotizada pela “mente carnal”, vive a humanidade nesta ansiedade coletiva de se enxergar e de se observar incompleta na ILUSÃO,  em vez de se ver PLENA na ONIAÇÃO! Assim, vemos pessoas tropeçando pelas ruas, porque não estão onde seus pés estão, não olham para onde pisam, mas para o “quarteirão seguinte”, ansiosas, estressadas, preocupadas! Não vivem o Reino divino em que se encontram, e tampouco vivem bem neste mero “reflexo fenomênico”!

A humanidade só viverá bem conhecendo a Verdade! Por isso, é de vital importância estudar e conhecer seus princípios, contemplá-los e colocá-los em prática! “Ter olhos para a Oniação!”

Ter “olhos para a Oniação” significa estarmos identificados com a Atividade Global de Deus, vendo-nos em UNIDADE PERFEITA com o Universo infinito, cientes de que, aos olhos do mundo, esta nossa PLENITUDE PERMANENTE vai-se desdobrando, “imagem hipnótica a imagem hipnótica”, de modo que, em vez de alguém desejar ansiosamente “viver em julho”, estando “em janeiro”, estará desejando única e exclusivamente “SE VER NA ONIAÇÃO”!

*

“SE ESTE HOMEM FOSSE UM PROFETA…”

Ao saber que Jesus estava comendo na casa do fariseu, certa mulher daquela cidade, uma pecadora, trouxe um frasco de alabastro com perfume, e se colocou atrás de Jesus, a seus pés. Chorando, começou a molhar-lhe os pés com suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume. Ao ver isso, o fariseu que o havia convidado disse a si mesmo:“Se este homem fosse profeta, saberia quem nele está tocando e que tipo de mulher ela é: uma pecadora”.
LUCAS, 37-39/

O “juízo segundo as aparências” é abolido pela prática da Verdade Absoluta de que SOMENTE DEUS É REALIDADE. Esta visão transcendental é a VISÃO REAL DE TODOS NÓS, sempre que praticamos o “juízo justo”, que é CADA UM SE HONRAR COMO HONRA O PAI”.
Na passagem de abertura, encontramos Jesus dando exemplo deste “juízo iluminado”, destoante daquele empregado pelo fariseu, que o chamara para comer em sua casa. Certo de que a mulher que ali entrara, chorando e trazendo um frasco de alabastro com perfume fosse uma pecadora, pensou consigo mesmo: “Se este homem fosse profeta, saberia quem nele está tocando e que tipo de mulher ela é: uma pecadora”.
Ainda hoje impera o ilusório “juízo pelas aparências”, por imperar a aceitação coletiva de que “temos mente humana”, enquanto, de fato, UNICAMENTE DEUS É MENTE. Mas a AUTOPERCEPÇÃO de que SOMOS DEUSES continua, aparentemente, sendo NEGADA, enquanto o que deveria ser NEGADO é o suposto “eu nascido com seus feitos”. para que CADA UM PUDESSE “JULGAR E HONRAR A SI MESMO COMO FILHO DE DEUS”, COMO O CRISTO, E NUNCA COMO “CARNAL”.
A mulher “se colocara atrás de Jesus”, entendendo estar diante de Deus, e não diante de um filho de Maria. “Chorando, começou a molhar-lhe os pés com suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume”. Era a sua maneira de “reverenciar a Deus, presente em Jesus e, igualmente, presente nela própria.
O fariseu não percebera nada do que ocorria diante dele, preso às aparências e cego por elas! Em vista disso, até Jesus deixou de ser entendido como “profeta verdadeiro”. Por quê? Segundo o fariseu, deveria ele “saber” estar ele sendo tocado por uma “pecadora”!

Então lhe disse Jesus:

“Simão, tenho algo a lhe dizer”. “Dize, Mestre”, disse ele.
Dois homens deviam a certo credor. Um lhe devia quinhentos denários e o outro, cinquenta.
Nenhum dos dois tinha com que lhe pagar, por isso perdoou a dívida a ambos. Qual deles o amará mais?
Simão respondeu: “Suponho que aquele a quem foi perdoada a dívida maior”. “Você julgou bem”, disse Jesus.
Em seguida, virou-se para a mulher e disse a Simão: Vê esta mulher? Entrei em sua casa, mas você não me deu água para lavar os pés; ela, porém, molhou os meus pés com suas lágrimas e os enxugou com seus cabelos.
Você não me saudou com um beijo, mas esta mulher, desde que entrei aqui, não parou de beijar os meus pés.
Você não ungiu a minha cabeça com óleo, mas ela derramou perfume nos meus pés.
Portanto, eu lhe digo, os muitos pecados dela lhe foram perdoados; pois ela amou muito. Mas aquele a quem pouco foi perdoado, pouco ama.
 Então Jesus disse a ela:

“Seus pecados estão perdoados”.

*

A ONISCIÊNCIA E A FARSA DA SABEDORIA DA SERPENTE!


Dizer que “É CHEGADO O REINO DE DEUS”, e isto jamais como “APARÊNCIAS”, significa entendermos que A ONISCIÊNCIA DIVINA está presente universalmente, para aqueles que “TÊM OLHOS PARA VER”.

No Gênesis, DEUS DÁ TESTEMUNHO DE QUE “TUDO FEITO POR ELE É MUITO BOM”. Entretanto, na alegoria de Adão e Eva, é dito que no Jardim do Éden havia uma ÁRVORE DO CONHECIMENTO DO BEM E DO MAL, e que DEUS os proibira de comer dos seus frutos. Esta alegoria não foi interpretada corretamente, pois foi-se admitindo HAVER NO PARAÍSO esta suposta árvore, que NÃO FORA RECONHECIDA COMO MUITO BOA POR DEUS!

O enfoque absolutista da Verdade prega que SOMENTE O QUE DEUS FAZ É BOM E VERDADEIRO! Isto quer dizer que A ÁRVORE DO CONHECIMENTO DO BEM E DO MAL JAMAIS EXISTIU! SIMBOLIZA O IRREAL, A ILUSÃO!

COMO TAMBÉM JAMAIS EXISTIRAM “ADÃO E EVA”  EXPULSOS DO PARAÍSO!

O QUE É REAL É O UNIVERSO PERFEITO, EMANADO DA ONISCIÊNCIA DIVINA!
Tudo que verdadeiramente existe, é DEUS SE EXPRESSANDO COMO “BEM ABSOLUTO E PERMANENTE”!

Em vista disso, pode a ilusória “mente carnal” vociferar  SUAS CRENÇAS NO MAL, sejam elas quais forem, que NENHUMA DELAS terá JAMAIS o endosso divino para ser rotulada como “muito boa”.

EM OUTRAS PALAVRAS, esta ÁRVORE DO BEM E DO MAL É O “NADA”, PURA ILUSÃO! REPRESENTA A CRENÇA EM DOIS PODERES, QUE, SE ACEITA, APARENTARÁ INDUZIR ALGUÉM  A ACREDITAR ESTAR “FORA DO PARAÍSO”!

ESTA CRENÇA HIPNÓTICA É A MENTIRA DENUNCIADA POR JESUS, PARA QUE A VERDADE FOSSE RECONHECIDA E VIVENCIADA, AQUI E AGORA!

Dizer que É CHEGADO O REINO DE DEUS deve ser entendido como É CHEGADA A ONISCIÊNCIA DE DEUS, que deverá ser reconhecida COM SERENIDADE E CONVICÇÃO, sempre que a ilusória “sabedoria da serpente” pretender nos iludir!  Não é sabedoria real, e sim, uma ILUSÃO!
Exemplificando, se alguém estiver diante de um diagnóstico médico que ateste ter ele algum problema de saúde, a Verdade imutável ATESTA ESTAR ELE SOB A ONISCIÊNCIA DIVINA, PERFEITO ETERNAMENTE COMO “CORPO DE LUZ”.

O médico comum sequer conhece a Verdade de que “somos o TEMPLO DE DEUS, e que O ESPÍRITO DE DEUS É QUEM HABITA EM NÓS!

Devemos endossar a ONISCIÊNCIA como presente no lugar da suposta “sabedoria da serpente”, bem como no lugar dos supostos problemas captados por ela! ENDOSSE A VERDADE, sem  dúvidas e sem temores!

A ONISCIÊNCIA DE DEUS DEVE SER RECONHECIDA COMO SEMPRE PRESENTE COMO O CORPO REAL QUE TEMOS! TODA A NOSSA CONFIANÇA DEVERÁ ESTAR ENDOSSANDO ESTA VERDADE: “O HOMEM É DEUS E NÃO “CORPO CARNAL”!

Desde quando o HOMEM É DEUS? DESDE O PRINCÍPIO!

“No princípio era o Verbo, o Verbo ERA DEUS! E, SEM ELE, NADA DO QUE FOI FEITO SE FEZ”.

NÃO TROQUE A MILENAR REVELAÇÃO POR “PALAVRAS DE DOUTORES TERRENOS”! A Verdade é a Verdade, e DEUS, sendo TUDO, é a VERDADE QUE SOMOS!

*

A LETRA E O ESPÍRITO DA VERDADE

Aprofundar-se mentalmente, no conteúdo das revelações absolutas, é o que possibilita alguém a meditar e “conhecer a SI MESMO” como integrante da Unidade Perfeita, que é o cumprimento individual da doutrina de Jesus.

A LETRA DA VERDADE é o “Batismo com água”, e o ESPÍRITO DIVINO é o “Batismo com fogo”.  A Bíblia explica que “a LETRA mata”, mas que “O ESPÍRITO A VIVIFICA”! Portanto, a LETRA DA VERDADE sendo aceita e ficando bem conhecida, faz com que O ESPÍRITO QUE A VIVIFICA torne este “Batismo com água” em “Batismo com fogo”!

A ILUSÃO, desde tempos imemoriais, atua como “sugestões mentais”, negando a Verdade e aparentando ocultar que A EXISTÊNCIA É UNICAMENTE DEUS, EVIDENCIANDO EM SUA TOTALIDADE, TUDO E TODOS EM UNIDADE ESPIRITUAL PERFEITA!
Em vista disso, o firme conhecimento e  aceitação da LETRA DA VERDADE é o alicerce que nos permite CONTEMPLAR COM CORAÇÃO DE MENINO as revelações absolutas.

Por que as mensagens da Verdade sempre enfatizam que “EM DEUS VIVEMOS”, E QUE “ESTE MUNDO É DO PAI DA MENTIRA”? ISTO É FEITO PARA QUE “A LETRA DA VERDADE” VÁ SE FIRMANDO MAIS E MAIS EM ACEITAÇÃO, PROPICIANDO MAIOR ABERTURA DURANTE AS “CONTEMPLAÇÕES”.

O suposto “mundo fenomênico”, como disse Jesus, É MENTIROSO “DESDE O PRINCÍPIO”, ou seja, sempre esteve sendo puramente NADA! Porém, se isto for lido apenas uma vez, tão logo alguém encerre suas meditações, estará novamente convicto de que O NADA SE TORNOU ALGUMA COISA, isto é, a VERDADE DE QUE “VIVE EM DEUS” LHE PARECERÁ EVAPORAR-SE!

A Ciência Mental  muito nos ajuda também no “Batismo com água'”, quando afirmamos enfaticamente a Verdade e negamos as crenças falsas! Assim, como foi dito, teremos maior facilidade e receptividade, quando praticarmos as meditações contemplativas.

Num livro da Seicho-no-ie, há o relato de um suposto “doente” que, por seis anos consecutivos,  estivera acamado e lendo que era Filho de Deus e que a doença não existia. Após esse tempo, de repente, veio-lhe a convicção: “Mas este Filho de Deus, isento de doença sou eu!” E saltou da cama curado!

Este é um exemplo de como a LETRA é vivificada pelo ESPÍRITO! A ILUSÃO é sempre NADA, e se mostrará  sendo NADA, dependendo de nossa dedicação ser constante e profunda!

Afirmar como Jesus: “A NINGUÉM EU – NEM A MIM – JULGO PELAS APARÊNCIAS”, ou que “O MEU REINO NÃO É DESTE MUNDO”, nos levará a “contemplações absolutas” bastante eficazes! Endossam a Verdade Absoluta contemplada, que não se esvairá com a rapidez constatada, quando apenas fazemos as “contemplações”!

EM OUTRAS PALAVRAS, A “LETRA” ATUA EM UNIDADE COM AS “CONTEMPLAÇÕES ABSOLUTAS”, de forma que, meditando ou não, estaremos conscientes de que NÃO JULGAMOS PELAS APARÊNCIAS, DE QUE O NOSSO REINO NÃO É DESTE MUNDO, E QUE EM DEUS VIVEMOS!
*

A PAZ PERMANENTE REQUER SUA ACEITAÇÃO DO UNIVERSO PRONTO!

Jesus adiantou à humanidade duas revelações absolutas, que atuam em unidade: “É chegado o Reino de Deus”; e”Eu vos dou a Minha Paz”.

Aquele que trocar o “referencial de vida temporal” pelo “referencial da vida eterna”, com facilidade compreenderá a totalidade da pregação do Evangelho chamado de  “O Novo Testamento”.
]

“Mudar de referencial” pode ser, portanto, considerado como “prática única”, requerida para o “conhecimento pleno da Verdade”.

É PRÁTICA RADICAL, e não mera “teoria metafísica!”  TODO ERRO COMETIDO NA “PRÁTICA DA VERDADE” DECORRE DESTE PONTO”: PARTIR DO REFERENCIAL DOS FENÔMENOS, E NÃO DO REFERENCIAL DO UNIVERSO PRONTO!
Para não cairmos neste erro, devemos nos dedicar a RECONHECER QUE A REALIDADE É INVISÍVEL AOS  SUPOSTOS SENTIDOS HUMANOS! E, AO MESMO TEMPO, RECONHECER QUE “NADA DO QUE É PERCEPTÍVEL A ELES TEM REALIDADE”!

Quando Paulo diz: “Desperta, tu que dormes, levanta-te dentre os mortos, e a LUZ DO CRISTO te iluminará”, está pregando a MUDANÇA DE REFERENCIAL, QUE, NA PRÁTICA, É O CUMPRIMENTO DO “RENASCIMENTO ESPIRITUAL” pregado por Jesus.

De pouco nos adianta ler sem parar sobre a Verdade, SEM NOS DISCIPLINARMOS para praticar este ponto fundamental: A TROCA DE REFERENCIAL!

A cada aparente “envolvimento com aparências”, provamos NÃO TER TROCADO DE REFERENCIAL! Iremos nos culpar? JAMAIS! IREMOS FAZER ESTA TROCA IMEDIATAMENTE! Todo suposto “eu nascido” é um “morto” a ser “LEVANTADO DENTRE OS MORTOS”! Que sentido tem isto? A TROCA DE REFERENCIAL! VER-SE SENDO O CRISTO ETERNAMENTE VIVO, SEM SE IDENTIFICAR COM “MORTAL NASCIDO”! VER-SE NO REINO DA VERDADE, E NÃO NUM ILUSÓRIO “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”, EM QUE NÃO HÁ NINGUÉM VIVO, POR SER UM MUNDO SEM REALIDADE!

Toda aparente “carência” se deve à errônea identificação de um FILHO DE DEUS com um falso mundo de “imagens hipnóticas”, E NÃO COM O REINO CONSUMADO DE DEUS!

DISSE JESUS: “AO QUE TEM, MUITO LHE SERÁ DADO; MAS, AO QUE NÃO TEM, ATÉ O QUE TEM LHE SERÁ TIRADO”! Mais uma vez, a TROCA DE REFERENCIAL está sendo requerida! Não há suprimento em APARÊNCIAS, pois, NÃO HÁ REINO DE DEUS EM APARÊNCIAS!

Estamos no UNIVERSO PRONTO DE DEUS, e nele “VIVEMOS, NOS MOVEMOS E TEMOS O NOSSO SER!” É NELE QUE VIVEMOS NA PAZ DO CRISTO! MAS ESTA VERDADE PRECISA SER RECONHECIDA, COM DISCIPLINA E DEDICAÇÃO, para que não nos vejamos endossando a ILUSÃO DE MASSA, que é o irreal mundo fenomênico!
*

“EM DEUS SUA ALMA SE ALEGRA!”

“Eu me regozijarei muito em Deus, e nEle minha alma se alegra!”

Isaías, 61,10

A alegria de conhecer a Verdade, e de saber que somos habilitados a viver em Deus, em unidade com Deus, e, enfim, habilitados a ser Deus, deve ser lembrada, reconhecida e vivenciada como a alegria máxima possível de ser vivenciada por alguém. Isto porque, nesta alegria, Deus é percebido sendo quem somos, e que, portanto, não há “alguém nenhum”, além de Deus, manifestando “alegria particular”.

Isaías disse o seguinte: “Eu me regozijarei muito em Deus, e nEle minha alma se alegra!” (Isaías, 61,10). Esta declaração é valiosíssima, principalmente para aqueles que, realmente, demonstram interesse maior pela Verdade.

O UNIVERSO REAL É ALEGRIA ONIPRESENTE, e todo “sensacionismo” ligado a tristeza, desânimo, mau humor, depressão, pânico e demais estados negativos, é “sensacionismo hipnótico”, que jamais afeta a Verdade! A citação de Isaías corrige o hábito comum de “alguém orar a Deus” com a mente triste e presa a tal “sensacionismo ridículo”, na esperança de que Deus o remova para ele!

OS SEMELHANTES SE ATRAEM – diz a Lei Mental. Orar ou meditar partindo de estados mentais de tristeza seria querer encontrar luz na escuridão!
REGOZIJE-SE MUITO EM DEUS – disse Isaías – E NELE SUA ALMA SE ALEGRARÁ! A ALEGRIA MENTAL ATRAI A ALEGRIA ESSENCIAL DIVINA, QUE FAZ COM QUE O ILUSÓRIO “SENSACIONISMO NEGATIVO” SE REVELE SENDO “NADA”.
A mente não pode VIVENCIAR duas ideias antagônicas ao mesmo tempo. Ou alguém se diz alegre, ou se diz sem alegria! Impossível abraçar as duas noções simultaneamente! Em razão disso, associamos a Ciência Mental às contemplações absolutas, afirmando que “somos alegres e felizes”, por conhecermos a Verdade. Desse modo, as supostas  tristezas da vida são rechaçadas, não apenas mentalmente, mas também, espiritualmente, pois, com a suposta “mente humana” alegre, as orações possibilitam plena abertura e receptividade à ALEGRIA PERMANENTE DO ALTO, estado natural e onipresente de Deus!
Não há situação fenomênica, TRISTE OU ANGUSTIANTE, que seja duradoura ou que tenha realidade! Mas a CRENÇA COLETIVA tenta induzir a todos no sentido de ACREDITAR em seu “sensacionismo ilusório”, prendendo a atenção de cada um em sua “tristeza específica”, e deixando-o cego para a Verdade de que “UNICAMENTE DEUS É REALIDADE! POR ISSO, NOSSA ALEGRIA DEVE SER PERMANENTE, ATRAVÉS DE CONTÍNUA LEMBRANÇA DE QUE “SOMOS UM COM ALEGRIA DE DEUS, QUE É TUDO!

Esta Verdade destrói as pretensões dos “sensacionismos” da “mente carnal”, deixando-nos, como disse Isaías, MUITO ALEGRES E FELIZES SEMPRE, e, assim, PODERMOS SENTIR A ALEGRIA DE DEUS, COM QUE NOSSA ALMA É UMA, E QUE TRANSCENDE O MUNDO BEM COMO OS SENTIDOS QUE CAPTAM DISTORCIDAMENTE O MUNDO!  

*

Visto do Referencial da Verdade, Você é Luz Eterna!

Quando a Realidade Espiritual é vista por alguém, significa que, naquele “momento de iluminação” o que houve, de fato, foi um “momento sem escuridão”, isto é, “ausência momentânea” da ilusão chamada “mente humana”.

JAMAIS HÁ “MOMENTOS DE ILUMINAÇÃO”, porque JAMAIS DEUS DEIXA DE SER TUDO E DE SER “LUZ SEM TREVAS”.
Muitos DEIXAM DE EXPERIENCIAR a PRÓPRIA LUZ DIVINA, que “AGORA SÃO”, por negarem esta Verdade achando que “TERÃO DE SE ILUMINAR”! Não percebem que NEGANDO A VERDADE, ESTARÃO RECONHECENDO A SI MESMOS COMO “TREVAS”!
Jesus assim disse, e abertamente a todos, em seu Sermão do Monte: “VÓS SOIS A LUZ DO MUNDO!” Por quê? NÃO DAVA CRÉDITO AO ILUSÓRIO “TEMPO”. Se desse, teria dito: “SEREIS A LUZ”! Mas sabia que DEUS É TUDO, QUE DEUS É LUZ, E QUE PORTANTO, SOMOS LUZ – AQUI E AGORA!
As revelações precisam ser RECONHECIDAS NESTE AGORA, em vez de serem aceitas como fatos que poderão vir a ocorrer! Enquanto o TEMPO IRREAL FOR ACEITO, O “AGORA DIVINO ILUMINADO” ficará sendo negado. Isto poderia ser equiparado àquele que, em dia nublado, achasse que O SOL SOMENTE BRILHARIA QUANDO AS NUVENS DESAPARECESSEM!

MAS O SOL NÃO TEM “MOMENTOS DE ILUMINAÇÃO”, E TAMBÉM OS FILHOS DE DEUS, IGUALMENTE, NÃO OS TÊM!
A iluminação é FATO ONIPRESENTE deste AGORA ABSOLUTO!

Que disse Buda? “TUDO JÁ É ILUMINADO!”. Que disse Jesus? “SE O OLHO FOR SIMPLES, O CORPO SE MOSTRARÁ PLENO DE LUZ”!

Temos OLHO SIMPLES quando descartamos como ILUSÃO a suposta “visão dualista” da mente humana! As revelações absolutas nos são passadas para que as RECONHEÇAMOS   PLENAMENTE EVIDENCIADAS,  EM NÓS PRÓPRIOS, E ISTO DE MODO RADICAL E INCONDICIONAL!

É AGORA QUE VOCÊ É LUZ INFINITA, É O CRISTO, É A LUZ EM UNIDADE COM A LUZ ONIPRESENTE DO PAI CELESTIAL!

É AGORA QUE VOCÊ É ILUMINADO!

Assim como em dias nublados uns dirão que “Hoje não tem Sol”, outros saberão que “o Sol continua presente da mesma forma”, se visto do referencial dele.

Jesus nos via do REFERENCIAL DA LUZ, e, como diz a Lei Mental, “o que for reconhecido, aparecerá”.

ESTAREMOS ILUMINADOS QUANDO NOS RECONHECERMOS A PARTIR DO REFERENCIAL DA LUZ, DO CRISTO, DA VERDADE!
ENTENDER AS REVELAÇÕES DESTA MANEIRA SIGNIFICA ADOTAR O ENSINAMENTO ABSOLUTO!

Um suposto “doente” é meramente alguém que vê a si mesmo como “treva”, como “carnal sem saúde”, assim como endossaria o dia sem Sol, por causa das nuvens.

Quem estuda o ABSOLUTO, por partir do REFERENCIAL ILUMINADO, jamais acredita “estar doente” ou “necessitado de cura”! ENTENDE A EXISTÊNCIA COMO DEUS A ENTENDE, SEM CONSIDERAR O ILUSÓRIO “REFERENCIAL DA MENTE HUMANA”, QUE É O REFERENCIAL DAS TREVAS! DAS  MENTIRAS! OU DAS IRREALIDADES!

*

RECONHECENDO O “MUNDO DO PAI DA MENTIRA” COMO MENTIRA

A Metafísica Absoluta parte da Verdade de que DEUS É TUDO: ESPÍRITO ONIPRESENTE, ONIATIVO E PERFEITO. Qualquer noção contrária ou discordante desta Verdade, sem exceção, é MENTIRA, e nada mais! Por isso os ensinamentos explicam que “toda mentira”, possível de ser apresentada sob qualquer forma, só pode insinuar a PRESENÇA da VERDADE ou de DEUS em seu lugar. Esta é a percepção de que a MENTIRA nos dá a certeza de que A VERDADE, e não ela própria, esteja existindo tendo presença, substância e realidade!

TODA A NOSSA CONVICÇÃO PRECISA SER FIRMADA NESTE ILUMINADO RECONHECIMENTO ABSOLUTO!

Está revelado que AS OBRAS DE DEUS são permanentes! Esta é a Verdade. Portanto, DIANTE DE ALGO DE DURAÇÃO TEMPORAL, PODEMOS SABER TRATAR-SE DE MENTIRA! Como tudo do suposto “mundo de aparências” tem “princípio e fim”, Jesus, sabendo disso, chamou-o de “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”, explicando que, NO LUGAR DELE, JÁ É “CHEGADO” o REINO DIVINO DA VERDADE!

“O Reino de Deus é chegado”!  Que devemos deixar bem gravado? O SEGUINTE: SEMPRE ESTE REINO DIVINO É A VERDADE, E SEMPRE O SUPOSTO “MUNDO DO PAI DA MENTIRA” É MENTIRA!

Este é o conhecimento libertador passado por Jesus, mas  que a maioria não deu importância alguma, acreditando nos “bens e prazeres” da ILUSÃO, e, depois, amargando os “males e as dores” da mesma ILUSÃO!

Considerar o “mundo do pai da mentira” como Verdade significa endossar a cegueira da “mente carnal”,  e endossar a MENTIRA E NÃO A VERDADE!

Metafísica é Ciência divina, e não religião! REVELA AQUILO QUE SEMPRE É, O REINO ONIPRESENTE  DA VERDADE, E EXPLICA O QUE NUNCA É, AS “IMAGENS HIPNÓTICAS DA MENTIRA”.

Baseando-se nestas Verdades, Emmet Fox criou o seu método prático de lidar com a vida. Sua “Chave de Ouro” diz o seguinte:

“DEIXE DE PENSAR NO PROBLEMA, E VEJA DEUS JÁ ESTANDO NO LUGAR DO PROBLEMA!”.

Em outras palavras, ensina a CRERMOS NA VERDADE E A NOS DESFAZERMOS DAS MENTIRAS DO “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”.

Esta prática radical  permite nossa “soltura” das aparências e da CRENÇA EM DOIS MUNDOS, o que nos torna receptivos para reconhecer que TEMOS A MENTE DE CRISTO, e que, com ela, VEMOS  O QUE DEUS VÊ, E O QUE DEUS FAZ!

*

O REINO DE DEUS ESTÁ À MÃO!

“Não podeis servir a DOIS SENHORES”, disse Jesus. Estava dizendo ser impossível alguém ter sucesso em tal tentativa! DEUS É TUDO E SEU UNIVERSO É OBRA ACABADA, ILUMINADA E PERFEITA! E DEUS É O “SENHOR ÚNICO” DESTA REALIDADE ONIPRESENTE.

“TUDO É LUZ DIVINA EM AUTOILUMINAÇÃO”, razão pela qual Buda revelou que “rios, montanhas, vales, florestas, tudo é iluminado”! SABIA QUE “MUNDO FEITO DE MATÉRIA JAMAIS EXISTIU!” TUDO É LUZ UNIVERSAL EM EXPRESSÃO, RAZÃO PELA QUAL Jesus disse que SOMOS A “LUZ DO MUNDO”!

Viver acreditando que O SENHOR ÚNICO, DEUS,  É, DE FATO, ÚNICO, é o desafio MAIOR apresentado como “mundo terreno” à humanidade, para ser reconhecido como NADA, enquanto a LUZ DO ALTO é reconhecida como a Verdade sobre o UNIVERSO e sobre o SER QUE SOMOS!

Não há como “servir a dois senhores”, se captamos a Verdade de que DEUS É TUDO! Em vista disso, todas as supostas “aparências tridimensionais”, que se mostrem como “mundo”, precisam ser DESCONHECIDAS pela nossa percepção de algo real.

O segredo para isso está em captarmos a grandiosa revelação de que ESTE MUNDO NÃO É MUNDO, MAS SIM, PURA IRREALIDADE, COMPARÁVEL A UM PESADELO!

A Vida é vivida verdadeiramente quando nos percebemos ILUMINADOS E VIVOS COMO LUZ DENTRO DA LUZ DIVINA INFINITA!

“DEUS É LUZ, E NELE NÃO HÁ TREVAS!” QUANDO IRÁ A HUMANIDADE DESACREDITAR DE ILUSÓRIOS “DOIS SENHORES”?

CADA UM SOMENTE TERÁ DE LITERALMENTE “CAIR NA REAL”, ATENDO-SE AO UNIVERSO REAL, ÚNICO, ACABADO, ILUMINADO E PERFEITO, PARA ADMITIR, VERDADEIRAMENTE, NELE ESTAR AGORA VIVENDO!  

Aquele que NEGAR ESTE FATO REVELADO, APARENTARÁ “SERVIR A DOIS SENHORES”, QUE JAMAIS EXISTIRAM! ESTARÁ MANTENDO-SE COM A “CASA DIVIDIDA”, DANDO REALIDADE A MERAS “APARÊNCIAS VÃS”, E APARENTANDO “ESTAR VIVENDO ILUDIDO POR ELAS”! E COM ISTO, DEIXARÁ DE SE ATER AOS FATOS ETERNOS E LIBERTADORES DE TAL ILUSÃO!

O UNIVERSO É OBRA ACABADA DE DEUS, E DADA POR DEUS A TODOS OS FILHOS DE DEUS! NÃO HÁ DIFICULDADE ALGUMA EM RECONHECERMOS ESTA VERDADE! PORÉM, ESTE UNIVERSO REAL REQUER SER RECONHECIDO COMO ÚNICO, PARA NÃO ADMITIRMOS QUE “O MUNDO DO PAI DA MENTIRA” SEJA ALGUMA COISA, QUE NÃO UMA SIMPLES ILUSÃO COLETIVA!

Jesus declarou que SOMOS UM COM O PAI, iguais a ele! SABIA QUE ESTA UNIDADE É ETERNA, IMUTÁVEL E ABRANGE A TUDO E A TODOS EM SUA LUZ INFINITA!

A CADA UM, CABE PERCEBER-SE INCLUSO NELA! E SENDO ELA!

*

O SENTIDO ABSOLUTO DE “SÃO-TE PERDOADOS OS TEUS PECADOS”

A farsa da crença em pecados e pecadores somente ainda se faz presente pelo desconhecimento da Verdade de que DEUS É TUDO, TUDO É DEUS! Enquanto esta Verdade for negada, estará “alguém”APARENTANDO existir e acreditando NÃO SER DEUS, e nele atuará a CRENÇA DA MAÇÃ DA SERPENTE, que, na alegoria do Gênesis, significa TER O HOMEM DESOBEDECIDO A DEUS E COMIDO DO FRUTO DO “CONHECIMENTO DO BEM E DO MAL”.

Ninguém conheceu  EFETIVA E REALMENTE o casal “Adão e Eva”! JAMAIS existiu!  “EU SOU O ALFA E O ÔMEGA”, revela o Apocalipse! Este “EU SOU” É DEUS, O “EU SOU ÚNICO”, ONIPRESENTE E EM PERMANENTE EVIDÊNCIA, enquanto “todo Adão e toda Eva” SEMPRE ESTIVERAM SENDO MERAS CRIAS FANTASIOSAS DA MENTE CARNAL.

Jesus disse ter vindo para completar as revelações, e não para destruí-las; disse ter vindo para testemunhar a Verdade que SOMOS, que é o conhecimento de que “NOSSOS NOMES ESTÃO ESCRITOS NOS CÉUS”, por serem O “NOME DE DEUS”, O NOME DO ÚNICO “EU SOU” REALMENTE EXISTENTE, ENQUANTO O SUPOSTO “EU NASCIDO” TERÁ DE SER NEGADO A PONTO DE “SUMIR DO MAPA”, POR SER PURA IRREALIDADE!

“Não chameis de pai a NINGUÉM sobre a Terra”. disse Jesus, desmantelando a “fonte da ilusão”, ou seja, a CRENÇA DE NASCIMENTOS NA CARNE!

 

“Não se deita VINHO NOVO em ODRES VELHOS”, disse também ele! Explicava que as REVELAÇÕES ANTERIORES DEVERIAM SER TROCADAS PELAS NOVAS, como, por exemplo, abolirmos as CRENÇAS EM PECADOS E LEIS DO CARMA, para VIVERMOS “NA VERDADE E NA GRAÇA” TRAZIDAS POR ELE!

Qual é o sentido ABSOLUTO da frase de Jesus, “são-te perdoados os teus pecados”?  DEIXAR BEM CLARA A VERDADE DE QUE “O DEUS ONIPRESENTE E PERFEITO É O ÚNICO “EU SOU REAL” QUE SOMOS, isto é, que É IRREALIDADE TODO AQUELE QUE VINHA ACREDITANDO “TER TIDO PAI NA TERRA”. ESTA  FOI A SUA CORREÇÃO MAIS RELEVANTE NO QUE NOS FOI DEIXADO POR MOISÉS.

Jesus sabia que ANULANDO A ILUSÃO DE “NASCIDOS DA CARNE”, TODOS CONHECERIAM A FALÁCIA DE “EU HUMANO” EXISTINDO, PECANDO, SOFRENDO, NASCENDO E MORRENDO, E SEMPRE SE ACHANDO DISTANTE DE DEUS!  SABIA QUE SOMOS O “EU ABSOLUTO”, SEM PAIS NA IRREAL “EXISTÊNCIA MATERIAL”, REVELANDO QUE SOMOS O MESMO QUE ELE, O CRISTO, IMACULADO E PERFEITO!

“DEI-LHES A GLÓRIA PARA SEREM “UM”, ASSIM COMO NÓS, Ó PAI, SOMOS “UM”, PERFEITOS NA UNIDADE”!

Você cumprirá esta oração de Jesus em SI MESMO, COLOCANDO O VINHO NOVO EM ODRES NOVOS, QUE SÃO OS ENSINAMENTOS ABSOLUTOS! E isto, sem voltar aos “odres velhos”, cheios de crenças em tempo, em pecados, carmas, juízo final e “pais na terra”,

*

QUEM VOCÊ É, EM MEIO AO HIPNOTISMO DA “MENTE CARNAL”?

Que faz com que a humanidade, mesmo já estando e vivendo no onipresente REINO DE DEUS, se veja, e acredite nesta sua visão ilusória, de “estar vivendo” num mundo material, temporal e irreal? A resposta é: VIVE IDENTIFICADA com a “mente que não nos é dada por Deus”, chamada de “mente carnal”, “mente mortal”,  ou “mente em ilusão”, definida pelo apóstolo Paulo como sendo “a morte, a inimizade contra Deus”!

O suposto “mundo”, inventado por esta “mente estranha a Deus” é igualmente “estranho a Ele”, razão pela qual Jesus declarou que O SEU REINO, e também, que O NOSSO REINO, não é DESTE MUNDO!
Como aparenta agir esta “mente em ilusão”? Através de um “hipnotismo coletivo”, que, em suas “imagens hipnóticas”, leva a humanidade acreditar estejam elas “acontecendo substancialmente”, e assim, que sejam de fato esteriorizadas como “mundo verdadeiro”, enquanto não passam de imagens “sem substância” e sem “seres vivos”, algo equiparável a miragens ou sonhos!

Jesus disse “ter vencido o mundo”. De que modo? Conhecendo a Verdade de TER A MENTE DE CRISTO! Por que disse Jesus que TAMBÉM NÓS NÃO SOMOS DESTE MUNDO? POR SABER QUE TODOS “TEMOS A MENTE DECRISTO”, EXATAMENTE COMO ELE!
Esta revelação está na Bíblia, onde Paulo diz claramente, em 1 Cor 2: 16: “NÓS TEMOS A MENTE DE CRISTO!”.

Entretanto, nem o mundo nem as religiões do mundo deram a atenção merecida a esta crucial revelação iluminadora! Desse modo, os “milagres de Jesus” foram divulgados como “obras de Jesus”, e não pela VISÃO ONIPRESENTE DE DEUS, ATRAVÉS DA MENTE DE CRISTO PRESENTE NELE!
A Metafísíca Absoluta explica que SOMENTE A MENTE DE DEUS É REALIDADE, e isto para destruir a irreal “segunda mente”, humana, que sempre esteve sendo “ilusão gerando ilusão”.

JESUS VIA A VERDADE, O REINO CHEGADO DE DEUS, E NÃO O “MUNDO DO PAI DA MENTIRA”, por dar crédito APENAS ao que PERCEBIA COM SEUS SENTIDOS ESPIRITUAIS. EM VISTA DISSO, COM SUA MENTE DIVINA, ENXERGAVA O REINO DE DEUS “NO MUNDO INTEIRO”, COM TODOS NÓS ETERNAMENTE NELE PRESENTES, E SENDO O MESMO “EU SOU  INFINITO”, O MESMO “CRISTO”, QUE “VENCE A ILUSÃO DE MUNDO TERRENO”!

“EM DEUS VIVEMOS, NOS MOVEMOS E TEMOS O NOSSO SER”, disse Paulo. MAS CADA UM SÓ SE REDESCOBRIRÁ SENDO ESTA VERDADE, DESCARTANDO A “MENTE CARNAL” POR ASSUMIR DEDICADAMENTE  “JÁ TER A MENTE DO CRISTO”, E, COM ELA ACEITA, MEDITAR PARA “VER” O QUE VIRAM KRISHNA, BUDA, JESUS E TANTOS OUTROS, POR “TEREM VENCIDO O ILUSÓRIO MUNDO”, ATRAVÉS DESTA ETERNA VERDADE:
“TEMOS A MENTE DE CRISTO!”

Mediante esta IDENTIFICAÇÃO COM A MENTE DE DEUS, saberemos SER DEUSES IMORTAIS, e que jamais estivemos sendo “mortais carnais” supostamente nascidos em “mundo que jamais existiu!”.

é

*

VIVA NA TOTALIDADE, NA ONIAÇÃO E NO AGORA DE DEUS!


Quando os princípios absolutos da Verdade se tornam FOCO em nossas vidas, a TOTALIDADE DE DEUS, a ONIAÇÃO DE DEUS e o AGORA DE DEUS, nos levam a viver na leveza da GRAÇA E DA VERDADE.

Tudo flui como “aparências” que não nos tomam toda a atenção, por “estarmos conscientes” de serem elas meramente “desdobramentos visíveis”
da grandiosa Verdade de que GANHAMOS DE DEUS O SEU REINO SAGRADO, e que é nosso POR INTEIRO!
Saber que “ganhamos o Reino de Deus”, e que, meditando e reconhecendo “estarmos NELE, e não NO MUNDO, é o que nos permite VIVER NO AGORA, despreocupadamente, e sem nos envolvermos com as fraudulentas “imagens temporais”, mostradas pela “mente carnal” em forma de “aparências”.

Como foi dito, pelo reconhecimento da TOTALIDADE DE DEUS, da ONIAÇÃO DE DEUS, e do AGORA DE DEUS, “descansamos” na Graça e na Verdade, e o “mundo de aparências” irá refletindo, em três dimensões, a Verdade Absoluta que Se encontra subjacente ao suposto “mundo fenomênico”.
E se as “aparências” se mostrarem conturbadas? Isto mostrará serem elas “imagens mentais” que requeiram “AJUSTES NA ANTENA” COM QUE CAPTAMOS O ABSOLUTO! Quando se mostram “DESARRANJADAS”, devemos retirar delas TODA ATENÇÃO,  e contemplarmos a VERDADE IMUTÁVEL de que SOMOS UM COM DEUS E VIVENDO EM DEUS. SE ISTO FOR FEITO, AS “IMAGENS DISTORCIDAS” SERÃO AJUSTADAS, se coadunando com a Realidade ESPIRITUAL.
“SE PERMANECERDES EM MIM, CONHECEREIS A VERDADE E ELA VOS LIBERTARÁ”, disse Jesus. Aquele que se DESVIA das APARÊNCIAS, contemplando-se NA TOTALIDADE  DEUS, NA ONIAÇÃO DE DEUS, E NO AGORA DE DEUS, MESMO QUE TEMPORARIAMENTE ESTEJA DIANTE DE “APARÊNCIAS DISCORDANTES”. EM VEZ DE DAR PODER A ELAS, IRÁENTENDÊ-LAS COMO INTEGRALMENTE SEM PODER, E ENTÃO, SIMPLESMENTE, “CUMPRIMENTARÁ DEUS”, dizendo:

“Olá Meu Pai! Agradeço-Lhe por ESTAR SENDO A ÚNICA PRESENÇA REAL AQUI! E agradeço-Lhe por ter-me feito CONHECER ESTA VERDADE!

“Não julgar pelas aparências” não se restringe apenas a PESSOAS. mas sim, é prática que engloba TODO O MUNDO DO DO PAI DA MENTIRA!  O “JUÍZO JUSTO”, NESSE CASO, SERÁ NOSSA VISÃO ILUMINADA, QUE REVELA UNICAMENTE DEUS COMO SEU REINO E COMO O SEU FILHO QUE SOMOS, TUDO IMUTAVELMENTE PERFEITO E EVIDENCIADO!

*

GLORIFIQUE A DEUS EM SI MESMO!

O apego a “mestres”, a “iluminados”, a “escolhidos de Deus”, pode ser considerado um dos maiores desvios possíveis  do real “conhecimento da Verdade”.  Jesus havia dado seu alerta:Nem vos chameis mestres, porque um só é o vosso Mestre, que é o Cristo” (Mt. 23: 10). Mesmo assim, como foi esta revelação passada à humanidade? Através de uma “idolatria pessoal” voltada a um “Jesus exterior”, fazendo com que o apóstolo Paulo chamasse de “reprovados” aqueles que desconhecessem que “JESUS CRISTO ESTAVA NELES PRÓPRIOS”(2 Cor. 13: 5).

Conhecedor da Verdade, Paulo se disse “crucificado”, por ter-se anulado como “carnal do mundo” e se capacitado a conhecer o Cristo de seu próprio ser;

“Não sou mais eu; O CRISTO vive em MIM”! Com esta revelação, conheceu o que Jesus dizia em seu sentido real, tanto usando a palavra CRISTO como usando a palavra  MIM.

“Ninguém vem ao Pai, senão por MIM”, disse Jesus. Falava do CRISTO CÓSMICO, transcendental e presente como A REAL IDENTIDADE DCE TODOS OS FILHOS DE DEUS! Tendo passado por esta experiência, Paulo pôde dizer: “O CRISTO É TUDO EM TODOS”; “GLORIFICAI A DEUS NO VOSSO CORPO E NO VOSSO ESPÍRITO, OS QUAIS PERTENCEM A DEUS”!

O pedaço de pão, dado por Jesus a cada discípulo, na última ceia, simbolizava a PRESENÇA DE CADA UM NA UNIDADE PERFEITA, NA UNIDADE COM ELE E COM O PAI; e o vinho, representava a “crucificação” do farsante “eu nascido”, o impostor hipnótico que SOMENTE  “glorifica a DEUS” em “mestre externos”,  por viver sempre se PRESERVANDO E SE OCULTANDO SOB O DISFARCE DE  “SIMPLES DISCÍPULO”!

A “cruz de Jesus”  e a “forca de Judas” simbolizam O FIM DA CRENÇA EM MESTRES E DISCÍPULOS” E, O PRINCIPAL, QUE SOMOS TODOS UM, NA ILUMINADA “UNIDADE PERFEITA!

É NESTE ENTENDIMENTO QUE “CADA FILHO” GLORIFICA O PAI “EM SI MESMO”!

*

 VERBO DIVINO: A ÚNICA SUBSTÂNCIA DO UNIVERSO E DE SEU SER!

 

“Graça não é uma substância mágica nem estranha, que, subitamente, se infiltre em nossas almas como se fosse uma espécie de penicilina espiritual. Graça é unidade, unicidade dentro de nós mesmos, unicidade com Deus”.

Thomas Merlon

 

Está mais do que na hora de a revelação absoluta de João ser levada a sério, e ser vivenciada pela humanidade: “Sem o Verbo de Deus, NADA do que foi feito se fez”! Isto significa que somos seres espirituais vivendo num Universo espiritual, iluminado e perfeito.

Toda suposta e diferente “substância”, aparentemente sugerida pela suposta “mente carnal”, é tão ilusória quanto ela própria.

Isto significa que o suposto “mundo material” é da mesma natureza da “Terra do Nunca”, de Peter Pan, Wendy, Fada Sininho, e  demais personagens fictícios que, aparentemente, nela pareciam viver.

Deus é Espírito Onipresente e perfeito, e João revelou SER O VERBO DIVINO a única “matéria-prima” real e disponível para “dar formas espirituais” às permanentes “obras de Deus”.

O Universo é “OBRA ACABADA”, e não “em construção”. Sob estes fundamentos absolutos, a Metafísica divina expõe os chamados “princípios da cura metafísica” que, na verdade, não “curam”, mas “revelam a perfeição inquebrantável e permanente” do que DEUS É e do que DEUS FAZ,  enfatizando que NADA HÁ ALÉM DE DEUS, OU DO VERBO DE DEUS, EM EXPRESSÃO, razão pela qual TODA E QUALQUER PRETENSÃO, EM SENTIDO CONTRÁRIO, É IRREALIDADE, ILUSÃO, PRETENSÃO VAZIA DE SUBSTÂNCIA, OU SEJA, PURO NADA!

O apóstolo Paulo, conhecendo a Verdade, descobriu TER SIDO SEMPRE O CRISTO, e, em vista disso, declarou que “O CRISTO É TUDO EM TODOS”, bastando, a cada um, DESPOJAR-SE DA CRENÇA QUE O ILUDE A SE VER COMO “CARNAL”.

“Em DEUS temos o nosso ser”, disse ele, após se livrar da FALSA CRENÇA de estar vivendo “na carne”,  ou na “matéria”!

Esta  ilusória crença coletiva não tem qualquer meio de sustentação, por ser mera “imagem hipnótica”, dando a falsa impressão de que “A MATÉRIA EXISTE”! Mas, cientes de que O VERBO DIVINO é a Substância ÚNICA, PERFEITA e UNIVERSAL, entendemos a suposta “matéria” como INEXISTENTE, enquanto ENDOSSAMOS NOSSA PERFEIÇÃO INTEGRAL COMO EXPRESSÃO DO VERBO DIVINO. E é através deste RECONHECIMENTO que a PERFEIÇÃO É “TRAZIDA À LUZ”! JAMAIS NOS ESTEVE AUSENTE, assim como o cinema não estaria ausente, quando alguém estivesse nele, mas se deixasse envolver completamente pelo filme visto em sua tela.

O VERBO DIVINO É TUDO EM VOCÊ, OU SEJA, O CRISTO É TUDO EM VOCÊ!

MEDITE E PARTA DESTA VERDADE COMO JÁ PRESENTE, E A CRENÇA FALSA, “MATERIALISTA”, ESTARÁ SE MOSTRANDO COMO NADA!

*